Portal O Debate
Grupo WhatsApp


O Novo Perfil do Cliente

O Novo Perfil do Cliente

19/09/2016 Jaques Grinberg

Os clientes estão cada vez mais preparados para comprar o que querem e precisam.

Eles pesquisam antes de comprar, comparam opções e soluções, negociam preços e sabem como desejam comprar. Os produtos e serviços estão diferenciados e preços cada vez menos nítidos, e o que diferencia uma empresa da outra é o atendimento e o relacionamento com os clientes.

Os clientes querem:

Atendimento Gourmet (atendimento diferenciado).

Agilidade no atendimento.

Nova comunicação.

Ser surpreendidos.

Para os profissionais de sucesso, surpreender os clientes é uma questão de sobrevivência. O investimento para atrair clientes é alto, cada vez mais caro devido a competitividade. Manter clientes satisfeitos e fidelizados é uma tarefa difícil, mas altamente lucrativo. Independente do seu negócio, número de funcionários e faturamento, pense nisso! Ganhar dinheiro requer foco, persistência e muito trabalho!

Algumas ações devem ser feitas para fazer a diferença, fazendo diferente. O segredo não é o que fazer, mas sim como fazer. As ações que iremos citar você já conhece, mas deixo uma pergunta poderosa de coaching para refletir: O que você, e só você, pode fazer de diferente para surpreender os clientes?

1º Surpreenda os clientes

Surpreender os clientes é oferecer um atendimento gourmet, um atendimento diferenciado e acima do esperado pelos clientes. Um atendimento requintado. Os clientes trocam de empresas e marcar por indiferença no atendimento.

2º Relacionamento

O relacionamento com os clientes é tão importante quanto ter produtos de qualidade. O que adianta ter o melhor produto e falhar no atendimento. Os relacionamentos acontecem por meio da comunicação e quando existe algum ruído, o cliente vai embora sem comprar. Cuidado com os ruídos na comunicação e aumente os seus resultados em vendas.

3º Inbound Channels

Na tradução, significa canais de entrada. As empresas investem muito dinheiro para atrair clientes e perdem um percentual consideravelmente grande por falhas no atendimento. O conceito do Inbound Channels é ajudar os clientes a correrem atrás da sua empresa.

4º Você cliente

Isso mesmo, coloque-se no lugar do seu cliente. Descubra o que ele precisa, qual o problema que ele tem que o seu produto pode resolver. Ofereça uma solução e não apenas um produto. Venda valor e não preço.

5º Esteja preparado

Os clientes querem profissionais preparados e motivados para atende-los. Os advogados estudam cada caso, cada processo para atender com qualidade os seus clientes. Os médicos atendem cada cliente de forma personalizada, entendem as suas necessidades e tratam o problema.

Nós vendedores precisam fazer o mesmo, conhecer os nossos clientes, suas necessidades e oferecer a melhor solução. Só os vendedores preparados e motivados conseguem fazer e surpreender os clientes. Qual foi o último livro de vendas que você leu? Qual foi a última palestra que você assistiu? Qual foi a última pesquisa que você fez no Google para vender potencializar as vendas?|

Que tal pesquisar na internet, por exemplo, o que é “atendimento gourmet”? Arrisque, treine e treina muito para fazer a diferença. As empresas querem e precisam de clientes, mas eles também precisam e querem soluções. Ajude-os a confiar em você e tenha clientes procurando-o.

* Jaques Grinberg é empresário, coach, escritor e palestrante.



A pandemia, as perdas e o novo mundo

Apesar de, infelizmente, ter antecipado o fim da vida de 64,9 mil brasileiros e ainda estar por levar milhares de outros e prejudicar muitos na saúde ou na economia (ou em ambos), o coronavírus pode ser considerado um novo divisor de águas na sociedade.


7 dicas para se profissionalizar na comunicação virtual

De repente, veio a pandemia, a quarentena e, com elas, mudanças na rotina profissional e na forma de comunicação.


O sacrifício dos jovens

Mais de cem dias depois, a pandemia vai produzindo uma cauda longa de desarranjos que se fará sentir por muitos anos e esses efeitos vão atingir, principalmente, os mais jovens.


A “nova normalidade”

A denominada “nova normalidade” não venha nos empobrecer em humanidade.


A inevitável necessidade de prorrogação do auxílio emergencial

Recentemente, o ministro da Economia, Paulo Guedes, confirmou que o governo vai prorrogar por dois meses o pagamento do auxílio emergencial.


A empatia como chave para gestão de entregas e pessoas

Uma discussão que acredito ser muito pertinente em tempos de pandemia é como ficam, neste cenário quase caótico, as entregas?


Mass-Media “mascarada”

A semana passada, aventurei-me a sair, para um longo passeio, na minha cidade. Passeio a pé, porque ainda não frequentei o transporte público.


A quarentena e as artes

Schopenhauer foi um filósofo que penetrou no âmago do mundo.


O legado da possibilidade

Quando podemos dizer que uma coisa deu certo? O que é, afinal, um sucesso?


O que diabos está acontecendo?

A crise está a todo vapor e acelerando tendências que levariam décadas para se desenrolar.


STF e o inquérito do fim do mundo

Assim que o presidente da Suprema Corte determinou a abertura do inquérito criminal para apurar ameaças, fake news contra aquele sodalício, nomeando um dos ministros da alta corte para instaurá-lo, de ofício, com base no artigo 43 do Regimento Interno, não vi nenhuma ilegalidade.


As décadas de 20

A mais agitada década de vinte de todas foi a do século XX.