Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O que diabos está acontecendo?

O que diabos está acontecendo?

26/06/2020 Efigenia Vieira

A crise está a todo vapor e acelerando tendências que levariam décadas para se desenrolar.

A economia implodiu. Pessoas morrem aos milhares, muitas no desamparo e total abandono. Que mundo é este?

Este é um mundo onde os sentimentos de famílias enlutadas, dividem espaço nos noticiários com os altos e baixos do mercado financeiro e os absurdos de políticos surtados.

Há muito, tudo isso parece impedir que as pessoas pensem em coisas novas, alcancem respostas e mudem suas atitudes.

Sem me desnudar de todas estas mazelas, a proposta é abrir um novo canal de conexões, por mais imperfeitas que sejam. Amar, perder, desistir, lutar, ressignificar, recomeçar de peito aberto.

Lembro agora de uma experiência, que permitiu a abertura de uma nova janela de bem-estar.

Já fazem alguns dias, percebi um desconforto ao buscar sem encontrar, um pouco de inspiração entre os mais de 100 artigos escritos.

Muitos são atemporais, outros não alcançam as exigências do novo mercado de trabalho, apesar de contemplarem alguns tópicos a serem discutidos.

A mesma percepção ocorreu quando fiz uma limpa nas redes sociais. Delete, delete e mais delete.

Reinventar se tornou a palavra de ordem, mas poucos devem ter encontrado o caminho. Há uma caixa cheia de novos nomes para as mesmas coisas.

Há entusiasmo passageiro e pouca agilidade emocional como resposta ao novo contexto organizacional.

A percepção clara de um novo começo, com muito trabalho e aprendizado constante é a nova realidade. Ter a consciência clara distancia o medo do erro.

Comece pelo seu corpo. Encolheu? Talvez esteja mais rígido e com pouca musculatura desenvolvida. Sem esforço, perceba-se. Consegue alongar-se?

É justamente do que precisamos, expandir e alcançar novos espaços. Sem deformações ou tantas dores. Naturalmente, colocar o fôlego em dia.

Muitas competências e crenças que nos governam, dão lugar ao que ainda não sabemos ao certo como irá se desenhar. Mas é preciso ressaltar, que ter a consciência aberta, distancia o medo do erro. Aliás o erro faz parte da travessia.

Acredito que você saiba, que quanto mais competitivo e complexo o mundo se torna, mais especializadas as pessoas devem ser em seus perfis híbridos.

O desafio que agora se instala é o de alcançar os benefícios da amplitude, de experiências plurais e do pensamento interdisciplinar, para permanecermos totalmente antenados. O giro é de 360 graus.

Ter maior alcance e visão se tornou essencial. De olho nas tendências darwinianas, o mundo se abre para os mais aptos e adaptáveis. Sempre a mesma máxima evolutiva.

Em meio à tantas palavras e tendências, uma nova verdade invadiu a minha existência e junto dela a percepção de possibilidades promissoras. Desapego e uma nova construção ao que chamam de caos.

Alongada e em expansão, esta será a nossa nova realidade em suas diversas faces. Então se alongue e expanda os seus horizontes!

* Efigênia Vieira é headhunter e CEO da Upside Executive Search.

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Análise de dados e a saúde dos colaboradores nas empresas

Como a análise de dados está ajudando empresas a melhorar a saúde dos colaboradores.


16 senadores suplentes, sem votos, gozam das benesses no Senado

Quando o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco (PSD-MG), pretende colocar em votação Emenda Constitucional para acabar com a figura de SENADOR SUPLENTE?


Há tempos são os jovens que adoecem

Há alguns anos o Netflix lançou uma série chamada “Thirteen Reasons Why”, ou, em tradução livre, “As Treze Razões”.


Administração estratégica: desafios para o sucesso em seu escritório jurídico

Nos últimos 20 anos o mercado jurídico mudou significativamente.


Qual o melhor negócio: investir em ações ou abrir a própria empresa?

Ser um empresário ou empresária de sucesso é o sonho de muitas pessoas.


Intercooperação: qual sua importância no pós- pandemia?

Nos últimos dois anos, o mundo enfrentou a maior crise sanitária dos últimos 100 anos.


STF e a Espada de Dâmocles

O Poder Judiciário, o Ministério Público e a Polícia Investigativa são responsáveis pela persecução penal.


Lista tríplice, risco ao pacto federativo

Desde o tempo de Brasil-Colônia, a lista tríplice tem sido o instrumento para a nomeação de promotores e procuradores do Ministério Público.


ESG: prioridade da indústria e um mar de oportunidades

Uma pesquisa divulgada recentemente pelo IBM Institute for Business Value mostra que a sustentabilidade tem ocupado um lugar diferenciado no ranking de prioridades de CEOs pelo mundo se comparado a levantamentos anteriores.


Como conciliar negócios e família?

“O segredo para vencer todas as metas e propostas é colocar a família em primeiro lugar.”, diz a co-fundadora da Minucci RP, Vivienne Ikeda.


O limite do assédio moral e suas consequências

De maneira geral, relacionamento interpessoal sempre foi um grande desafio para o mundo corporativo, sobretudo no que tange aos valores éticos e morais, uma vez que cada indivíduo traz consigo bagagens baseadas nas próprias experiências, emoções e no repertório cultural particular.


TSE, STF e a censura prévia

Sabe-se que a liberdade de expressão é um dos mais fortes pilares da democracia.