Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O que é sucesso para você?

O que é sucesso para você?

24/01/2018 Eduardo Shinyashiki

Nem sempre o ser humano consegue definir o que representa o sucesso para si.

O que é sucesso para você?

Hoje, o que não faltam são técnicas indicativas, desde as mais complexas até as mais simples, para se alcançar o sucesso profissional e pessoal. Geralmente, esses métodos trazem a promessa de que, se seguirmos os seus passos, teremos resultados positivos.

Mas o fato é que nem sempre o ser humano consegue definir o que representa o sucesso para si, afinal essa palavra tem um leque de significados muito grande. Cada um tem uma ideia particular, tem associações mentais e emocionais diferentes, mesmo que sejam com pequenas nuances.

É comum seguirmos os passos de outros indivíduos que tiveram retornos assertivos como exemplo, porém o resultado, muitas vezes, não é o esperado. Como consequência, temos a sensação de que nada deu certo e de que não somos capazes.

Existem algumas atitudes - reflexões simples e indispensáveis - para obtermos o que desejamos em todas as áreas de nossas vidas, como a autoconsciência e a percepção sobre o que realmente importa para nós.

Para ir ao alcance dos seus ideais, é possível destacar quatro atitudes essenciais: seja você mesmo e perceba e respeite a sua unicidade, o seu brilho e a sua energia; cuide da sua atitude mental - a força do ser humano para o sucesso se encontra na intencionalidade, e ter atenção direcionada permite criar uma representação interna do objetivo final; lembre-se do poder de ter as metas definidas, negligenciá-las impacta no tempo, na força, no foco e na direção perdidos; crie ações para concretizar os seus sonhos, organize seus recursos e o seu tempo - a sabedoria não é puramente teoria, também é preciso colocar em prática.

O sucesso não é algo estático, mas, sim, um estado que muda nos períodos da vida, algo a ser confirmado periodicamente. Precisamos constantemente de novos desafios e, com quatro questões, podemos avaliar se estamos seguindo o caminho do nosso sucesso: “eu estou realizando os meus objetivos de vida?”; “estou feliz com o que conquistei?”; “eu cresci durante o caminho?”; e “outras pessoas se beneficiaram com os meus resultados?”.

O sucesso definido como satisfação própria vem do fortalecimento da autoestima, do reconhecer e utilizar os próprios talentos. É um processo de evolução pessoal, em que três pilares se conectam: ter bem claro o próprio conceito e significado de sucesso; conduzir a própria vida de forma ética e coerente com os próprios valores; se sentir satisfeito com os resultados obtidos no passado, no presente e as metas estabelecidas para o futuro.

Seja você a pessoa que visa à solução, não o problema. Ainda que sejamos colocados à prova em momentos de revés, sentir-se realizado é determinante. Firmar expectativas nos resultados que envolvam o seu reconhecimento pessoal contribui para que o sucesso seja alcançado. É você quem constrói o seu sucesso todos os dias e merece desfrutar e compartilhar dele em todas as suas ações para viver como sempre desejou.

* Eduardo Shinyashiki é presidente do Instituto Eduardo Shinyashiki, mestre em neuropsicologia, liderança educadora e especialista em desenvolvimento das competências de liderança organizacional e pessoal.



As restrições eleitorais contra uso da máquina pública

Estamos em contagem regressiva. As eleições municipais de 2024 ocorrerão no dia 6 de outubro, em todas as cidades do país.

Autor: Wilson Pedroso


Filosofia na calçada

As cidades do interior de Minas, e penso que de outros estados também, nos proporcionam oportunidades de conviver com as pessoas em muitas situações comuns que, no entanto, revelam suas características e personalidades.

Autor: Antônio Marcos Ferreira


Onde começam os juros abusivos?

A imagem do brasileiro se sustenta em valores positivos, mas, infelizmente, também negativos.

Autor: Matheus Bessa


O futuro da indústria 5.0 na sociedade

O conceito de Indústria 5.0 é definido como uma visão humanizada das transformações tecnológicas no setor, equilibrando as necessidades atuais e futuras dos trabalhadores e da sociedade com a otimização sustentável do consumo de energia, processamento de materiais e ciclos de vida dos produtos.

Autor: Pedro Okuhara


Em defesa do SUS: um chamado à ação coletiva

A escassez de recursos na saúde pública brasileira é um problema crônico.

Autor: Juliano Gasparetto


Impactos da proibição do fenol pela Anvisa no mercado de cosméticos e manipulação

Recentemente, a Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) tomou a decisão de proibir a venda e o uso de produtos à base de fenol em procedimentos de saúde e estéticos.

Autor: Claudia de Lucca Mano


A fantasia em torno da descriminalização da maconha

"As drogas pisoteiam a dignidade humana. A redução da dependência de drogas não é alcançada pela legalização do uso de drogas, como algumas pessoas têm proposto ou alguns países já implementaram. Isso é uma fantasia".

Autor: Wilson Pedroso


Ativismo judicial: o risco de um estado judicialesco

Um Estado policialesco pode ser definido como sendo um estado que utiliza da força, da vigilância e da coerção exacerbada contra a população, principalmente com seus opositores.

Autor: Bady Curi Neto


Abortada a importação do arroz

O governo desistiu de importar arroz para fazer frente à suposta escassez do produto e alta de preços decorrentes das cheias do Rio Grande do Sul, responsável por 70% do cereal consumido pelos brasileiros.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


2024, um ano de frustração anunciada

O povo brasileiro é otimista por natureza.

Autor: Samuel Hanan


Há algo de muito errado nas finanças do Governo Federal

O Brasil atingiu, segundo os jornais da semana passada, cifra superior a um trilhão de reais da dívida pública (R$ 1.000.000.000.000,00).

Autor: Ives Gandra da Silva Martins


O mal-estar da favelização

Ao olharmos a linha histórica das favelas no Brasil, uma série de fatores raciais, econômicos e sociais deve ser analisada.

Autor: Marcelo Barbosa