Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Onde está a boa educação?

Onde está a boa educação?

24/06/2019 Humberto Pinho da Silva

Outrora, o idoso, era respeitado no local de trabalho e na sociedade.

Lamentam-se os paulistanos – e com razão, – que alguns motoristas de ônibus (autocarros), quando encontram idoso, isolado, na paragem, passam adiante.

Esse desrespeito, pelos idosos, verifica-se em todos países, pelo menos nas nações ocidentais. Outrora, o idoso, era respeitado no local de trabalho e na sociedade. 

É sabida a história ocorrido com Sócrates: Chegando à Assembleia de Atenas, e vendo que não havia nenhum jovem, que lhe oferecesse o lugar, reclamou: - O dever da juventude é dar o lugar aos velhos, para quando forem idosos, os jovens, de então, façam de igual modo.

Mas as regras da boa educação e etiqueta, parece que foram esquecidas; assim como o tratamento de respeito, a pais e avós.

Antigamente, os progenitores eram tratados por Senhor. Ainda ouvi, no Brasil, muitas meninas, ao falarem com a mãe, dizerem: - A Senhora, quer que faça o jantar?

Vem tudo isso a propósito da cena que presenciei – já se passaram muitos anos, – quando viajava no elétrico, número, 13, que parava na Rua Duque de Loulé. Em regra, transportava, sempre, muitos estudantes, para Gaia.

Certa vez, o elétrico, encontrava-se repleto. Uma Senhora, entrou com dificuldade, e postou-se de pé, entre os estudantes, que se mantinham sentados.

Então, de repente, ouviu-se uma voz: - “Não há aluno do Alexandre ou aluna do Rainha, que dê lugar a esta Senhora?!…”

Era o Dr. Balacó, professor do Alexandre, que primava, pela delicadeza, e pela disciplina. Imediatamente, se levantaram, não um, mas todos os rapazes e raparigas, oferecendo o lugar.

Bom tempo, em que os professores eram respeitados, e se faziam respeitar. Se o caso se passasse no século XXI, certamente o Dr. Balacó, era enxovalhado, e ridicularizado, pelo gesto de bom educador.

Como os tempos mudaram!… E como foi que a juventude se tornou tal insensível e desrespeitadora?

Todos sabemos a resposta; mas poucos querem dizer; para não serem politicamente incorretos; e evitarem serem desfeiteados, na praça pública

É que quem não pensa ou age de acordo com a maioria, e com os que têm o poder: é marginado ou besta-quadrada.

Em democracia, como a que temos, quem não é: Maria vai com as outras, é vítima de mofa, e ridicularizado… E dizem serem democratas!…

* Humberto Pinho da Silva

Fonte: Humberto Pinho da Silva



Igualdade como requisito de existência

Na última cerimônia de entrega do EMMY, o prêmio da TV Norte Americana, um ator negro foi premiado, fruto de reconhecimento praticamente unânime de seu trabalho.


Liderança é comunicação, conexão e confiança

Cada dia que passa, percebo que uma boa comunicação e liderança têm total relação com conexão.


“A educação é a arma mais poderosa…” mas para quem?

Tudo o que se cria ou se ensina no mundo tem dois lados. Geralmente as intenções são boas e as pessoas as tornam ruins.


“Golpe do Delivery”

Entregadores usam máquina de cartão para enganar consumidor.


A inclusão educacional e o mês das crianças

O tema da inclusão está na ordem do dia, dominando as agendas no mês das crianças.


A velha forma de fazer política não tem fim

Ser político no Brasil é um grande negócio, uma dádiva caída do céu, visto as grandes recompensas de toda a ordem obtidas pelos políticos.


Procedimento de segurança

“Havendo despressurização…”, anuncia a comissária, em tom calmo, aos ouvidos dos senhores passageiros daquele voo atrasado, sob a umidade e a monocromia do céu de quase inverno.


Envelhecimento: o tempo passa para todos

Todos nós, em algum momento de nossas vidas, já ouvimos a frase: “o tempo passa para todos”.


Os passos para encontrar a si mesmo e a Deus

Mar da Galileia, Mar de Tiberíades ou Lago de Genesaré, um lugar significativo de tantos milagres e narrativas do Evangelho.


A babá e o beijo

Se eu tinha dúvidas, agora não tenho mais.


A despolitização do Supremo Tribunal Federal

Não pode funcionar bem e com total isenção uma corte ou tribunal de indicação e nomeação política.


E o cartão caminhoneiro?

O objetivo é proteger os caminhoneiros da oscilação diária no preço do diesel, durante um serviço de frete.