Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Quais os sintomas da candidíase?

Quais os sintomas da candidíase?

29/04/2022 Dr. Rodrigo Ferrarese

A candidíase é uma infecção causada por uma levedura (um tipo de fungo) chamada Candida albicans.

A Candida normalmente vive dentro do corpo (em lugares como boca, garganta, intestino e vagina) e também na pele, sem causar qualquer problema.

Às vezes, no entanto, a Candida pode se multiplicar e causar uma infecção – especialmente se o ambiente dentro da vagina mudar de uma forma que estimule seu crescimento.

Embora a candidíase também possa ser causada pela Candida não albicans, ela é mais frequente na candidíase de repetição.

A candidíase na vagina pode também ser chamada de “candidíase vaginal”, “candidíase vulvovaginal” ou “vaginite por candidíase”.

Quais são os sintomas da candidíase?

- Comichão ou dor vaginal

- Dor durante a relação sexual

- Dor ou desconforto ao urinar

- Corrimento vaginal anormal

Embora para a maioria das mulheres a candidíase apresente sintomas leves, para algumas pacientes ela pode resultar em infecções graves envolvendo vermelhidão, inchaço e mesmo fissuras na parede da vagina.

Quais as causas da candidíase?

A candidíase é uma doença relativamente comum – e que não é considerada uma IST, ou seja, uma Infecção Sexualmente Transmissível. Assim, não se “pega” candidíase, mas sim se desenvolve.

As mulheres com maior probabilidade de desenvolver candidíase incluem aquelas que:

- Estão grávidas

- Usam anticoncepcionais hormonais (por exemplo, pílulas anticoncepcionais)

- Têm diabetes

- Estão com um sistema imunológico enfraquecido

- Estão tomando ou tomaram antibióticos recentemente

- Mantêm uma dieta com alta ingestão de açúcares e carboidratos

Como prevenir a candidíase?

Usar roupas íntimas de algodão pode ajudar a reduzir as chances de infecção por fungos e consequentes sintomas da candidíase. Outro cuidado é com o uso de antibióticos.

Como eles podem causar a candidíase, devem ser tomados apenas quando prescritos e exatamente como indicado pelo médico.

A alimentação é outro ponto que deve ser cuidado. Repetidamente ingerir muitos doces e carboidratos (farinha branca, em especial) contribui para você ter que lidar com os sintomas da candidíase.

Como é feito o diagnóstico da candidíase?

O ginecologista geralmente diagnostica a candidíase tirando uma pequena amostra do corrimento vaginal para ser examinada ao microscópio no consultório médico ou enviada a um laboratório para uma cultura de fungos.

No entanto, uma cultura fúngica positiva nem sempre significa que Candida está causando sintomas da candidíase, porque algumas mulheres podem ter Candida na vagina sem apresentar nenhum sintoma.

Assim, muito do diagnóstico é feito também através do exame clínico, que inclui também uma conversa para entender hábitos e possíveis mudanças na vida da paciente que podem ter resultado em sintomas da candidíase.

Como tratar os sintomas da candidíase?

Para a maioria das infecções, o tratamento é um medicamento antifúngico aplicado na vagina ou uma dose única de um medicamento específico por via oral.

Outros tratamentos podem ser necessários para infecções mais graves, que não melhoram ou que continuam voltando mesmo após um tratamento bem-sucedido.

O mais importante é não se automedicar e sim consultar um ginecologista para entenderem, juntos, o melhor caminho para sanar os sintomas da candidíase, em especial se for um caso de candidíase de repetição.

* Dr. Rodrigo Ferrarese é ginecologista e obstetra.

Para mais informações sobre candidíase clique aqui…

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Carolina Lara Comunicação



Entenda o visto humanitário para ucranianos

A invasão da Ucrânia pela Rússia, iniciada em 24 de fevereiro, já levou mais de 4 milhões de ucranianos a deixarem seu país em busca de um lugar seguro.


Exigência de vacina não é motivo para rescisão indireta por motivo ideológico

Não se discute mais que cabe ao empregador, no exercício de seu poder diretivo e disciplinar, zelar pelo meio ambiente de trabalho saudável.


A governança de riscos e gestão em fintechs

Em complemento às soluções e instituições financeiras já existentes, o mercado de crédito ficou muito mais democrático com a expansão das fintechs.


6 passos para evitar e mitigar os danos de ataques cibernéticos à sua empresa

Ao longo de 2021 o Brasil sofreu mais de 88,5 bilhões (sim, bilhões) de tentativas de ataques digitais, o que corresponde a um aumento de 950% em relação a 2020, segundo um levantamento da Fortinet.


Investimentos registram captação de R$ 46 bi no primeiro trimestre

O segmento de fundos de investimentos fechou o primeiro trimestre de 2022 com absorção líquida de R$ 46,1 bilhões, movimentação de 56,9% menor do que o observado no mesmo período de 2021.


Não são apenas números

Vinte e duas redações receberam nota mil, 95.788, nota zero, e a média geral de 634,16.


Formas mais livres de amar

A busca de afeição, o preenchimento da carência que nos corrói as emoções, nos lança a uma procura incessante de aproximação com outra pessoa: ânsia esperançosa de completude; algum\a outro\a me vai fazer feliz.


Dia da Educação: transformação das pessoas, do mercado e da sociedade

A Educação do século 21 precisa, cada vez mais, conciliar as competências técnicas e comportamentais.


Uma carta à Elon Musk

O homem mais rico do mundo, Elon Musk, acaba de chegar a um acordo para adquirir uma das redes sociais mais importantes do mundo, o Twitter, por US$ 44 bilhões.


Liberdade de expressão: lembrança do passado recente

Na manhã do dia 19 de agosto de 1968, tropas da polícia e do Exército invadiram a Universidade de Brasília, agredindo violentamente vários estudantes dentro das salas de aula.


Mitos sobre a recuperação judicial

Criou-se uma verdadeira quimera quando o tema é recuperação judicial e o objetivo deste artigo é desmistificar alguns dos mitos sobre esse instituto.


Quem vive em união estável tem direito à pensão por morte?

A pensão por morte é um benefício do INSS destinado aos dependentes de um segurado quando o instituidor faleceu.