Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Reflexão sobre sexualidade

Reflexão sobre sexualidade

17/06/2016 Flávio Melo Ribeiro

Como psicólogo sou questionado sobre o comportamento humano e comumente se as crenças populares são verdadeiras.

Dentre elas as referentes ao relacionamento amoroso e ao sexo estão entre as mais questionadas. Uma vez um jovem cliente me questionou o que ele poderia fazer para conquistar sexualmente sua namorada.

Isto me motivou a fazer uma pequena pesquisa entre clientes e mulheres que participavam de grupos em quais coordenava e o questionamento era o que a deixava mais propícia ao sexo junto ao seu companheiro. Em resumo foi possível agrupar as respostas em três pontos:

A importância de detalhes carinhosos: Desejava sentir-se especial, a partir de pequenos cuidados durante o dia: um bilhete, uma mensagem, uma flor, um beijo ardente de bom dia, um abraço que a faça sentir-se viva, mostrasse que ela, entre milhares de outras, era a escolhida. E que esses mimos, fossem expostos de forma que a fizesse pensar com carinho no outro durante todo o dia.

Fundamental sentir-se escutada: poder falar dos seus projetos, do seu trabalho, dos seus estudos, saber que está sendo valorizada como pessoa. Perceber que o companheiro está também enxergando sua alma, seu conjunto de valores, conhecimentos e projetos que desenvolve no mundo. Que é considerada como mulher, como cidadã, com alguém que decide e é levada em consideração. Sentir que o companheiro tem orgulho dela.

Escutar coisas bonitas a seu respeito e que não sejam falsas. A mulher já é crítica e detalhista, não precisa alguém ficar apontando seus defeitos; por si só sabe distinguir e já se incomoda o suficiente para mais alguém apontar algum defeito. Mas quer sim escutar que é bonita, quer sentir que é atraente ao outro, que é desejada, que excita o outro.

Porém quer saber isso através de atitudes, por carícia, por frases que a faça desejar continuar na relação. Quer ter confiança em si através do seu corpo, saber que o outro se excita como ela é. Que a faça ter certeza que essa relação vale a pena. Tendo essas três coisas, o sexo vem naturalmente. Quem concorda compartilha, quem discorda deixe sua contribuição.

* Flávio Melo Ribeiro é Psicólogo.



Eleições para vereadores merecem mais atenção

Em anos de eleições municipais, como é o caso de 2024, os cidadãos brasileiros vão às urnas para escolher prefeito, vice-prefeito e vereadores.

Autor: Wilson Pedroso


Para escolher o melhor

Tomar boas decisões em um mundo veloz e competitivo como o de hoje é uma necessidade inegável.

Autor: Janguiê Diniz


A desconstrução do mundo

Quando saí do Brasil para morar no exterior, eu sabia que muita coisa iria mudar: mais uma língua, outros costumes, novas paisagens.

Autor: João Filipe da Mata


Por nova (e justa) distribuição tributária

Do bolo dos impostos arrecadados no País, 68% vão para a União, 24% para os Estados e apenas 18% para os municípios.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


Um debate desastroso e a dúvida Biden

Com a proximidade das eleições presidenciais nos Estados Unidos, marcadas para novembro deste ano, realizou-se, na última semana, o primeiro debate entre os pleiteantes de 2024 à Casa Branca: Donald Trump e Joe Biden.

Autor: João Alfredo Lopes Nyegray


Aquiles e seu calcanhar

O mito do herói grego Aquiles adentrou nosso imaginário e nossa nomenclatura médica: o tendão que se insere em nosso calcanhar foi chamado de tendão de Aquiles em homenagem a esse herói.

Autor: Marco Antonio Spinelli


Falta aos brasileiros a sede de verdade

Sigmund Freud (1856-1939), o famoso psicanalista austríaco, escreveu: “As massas nunca tiveram sede de verdade. Elas querem ilusões e nem sabem viver sem elas”.

Autor: Samuel Hanan


Uma batalha política como a de Caim e Abel

Em meio ao turbilhão global, o caos e a desordem só aumentam, e o Juiz Universal está preparando o lançamento da grande colheita da humanidade.

Autor: Benedicto Ismael Camargo Dutra


De olho na alta e/ou criação de impostos

Trava-se, no Congresso Nacional, a grande batalha tributária, embutida na reforma que realinhou, deu nova nomenclatura aos impostos e agora busca enquadrar os produtos ao apetite do fisco e do governo.

Autor: Tenente Dirceu Cardoso Gonçalves


O Pronto Atendimento e o desafio do acolhimento na saúde

O trabalho dentro de um hospital é complexo devido a diversas camadas de atendimento que são necessárias para abranger as necessidades de todos os pacientes.

Autor: José Arthur Brasil


Como melhorar a segurança na movimentação de cargas na construção civil?

O setor da construção civil é um dos mais importantes para a economia do país e tem impacto direto na geração de empregos.

Autor: Fernando Fuertes


As restrições eleitorais contra uso da máquina pública

Estamos em contagem regressiva. As eleições municipais de 2024 ocorrerão no dia 6 de outubro, em todas as cidades do país.

Autor: Wilson Pedroso