Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Ser mãe é padecer… de cansaço?

10/05/2022 Paula Dione

Há um ditado que afirma que “ser mãe é padecer no paraíso”, remetendo às contraditórias emoções que seriam desencadeadas pelas vivências cotidianas da maternidade.

Ser mãe é padecer… de cansaço?

Muito se falou e se fala sobre os mitos e fantasias ligados a essa experiência, e atualmente percebe-se um certo enfoque sobre algumas queixas frequentes entre mães, mais especificamente o cansaço. Chega-se ao ponto de cunhar o termo “mommy burnout”, algo como “esgotamento da mamãe”.

A queixa de cansaço certamente não é exclusividade da parcela maternal da população; no livro A sociedade do cansaço, o filósofo sul-coreano Byung-Chul Han argumenta que a lógica de produção e exigência constantes estaria levando as pessoas aos adoecimentos contemporâneos, ligados a hiperatividade e esgotamento.

Em relação ao burnout parental, a prevalência pode chegar a 20%, segundo artigo publicado este ano. Curiosamente, um estudo verificou que mães de um único filho podem apresentar mais sintomas de esgotamento que mães que possuem dois filhos ou mais, a depender da sua percepção de autoeficácia, muito ligada também ao padrão de cobranças externas.

Fato é que, depois que os filhos nascem, estar cansada adquire outros significados. Em texto de 2019, Monica Pessanha recorda que a noite perdida por opção em uma festa passa a ser a noite perdida em função do choro de uma criança necessitada; a sensação de autonomia ou falta dela que ocorrerá no processo irá influenciar indubitavelmente nossa relação com o cansaço.

Afinal, o que pode ser mais exaustivo do que sempre colocar as necessidades de outra pessoa acima das suas?

Com as mudanças nos padrões de relacionamento interpessoal, a sociedade vem refletindo sobre os estigmas colocados sobre a mulher e a maternidade.

Nesse processo, participam de maneira incontestável os profissionais da saúde mental, tanto nas terapias individuais quanto nas discussões coletivas, oferecendo escuta, suporte, oportunidade de mudança de comportamento e alívio.

* Paula Dione é Psiquiatra na Holiste Psiquiatria.

Para mais informações sobre mãe clique aqui…

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Trópico Comunicação



Conhecimento gera crescimento

O currículo costuma ser a principal referência de uma empresa para entender se um candidato atende ou não aos requisitos que ela necessita para ocupar uma determinada vaga.


Eleições e os bélicos conflitos entre os Poderes

O Presidente da República, Jair Bolsonaro, e, agora, as Forças Armadas estão aumentando a ofensiva contra a transparência e a segurança do processo eleitoral no Brasil.


Os amores de Salazar

O conceito que se tem de Salazar, é de político solitário, déspota e por vezes impiedoso. Mas seria o estadista, realmente, assim?


Expectativa de grande crescimento

Em função da pandemia causada pela covid-19, os anos de 2020 e 2021 foram bastante desafiadores, particularmente para a indústria de máquinas e equipamentos.


A importância da diversificação de investimentos em diferentes segmentos

Mesmo com os desafios impostos por dois anos de pandemia, o volume de investimentos para iniciativas brasileiras em 2021 foi expressivo.


Muito além do chip da beleza

Você, com certeza, nos últimos meses já ouviu falar do famoso “chip” da beleza.


Educação para poucos é o avesso de si

Intitulado “Reimagining our futures together: A new social contract for education”, um estudo recente da Unesco é categórico logo nas primeiras páginas: “Nossa humanidade e Planeta Terra estão sob ameaça”.


Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Tenho experimentado que o “traço de mãe”, plantado por Deus no coração de cada mulher que Ele criou, vai além da capacidade de gerar filhos, biologicamente.

Mãe: Florescer é não se esquecer de viver!

Bullying: da vítima ao espectador

O bullying é um tipo particular de violência, caracterizado por agressões sistemáticas, repetitivas e intencionais, contra um ou mais indivíduos que se encontram em desigualdade de poder, gerando sofrimento para as vítimas, agressores e comunidade.


Desafios e oportunidades para o saneamento

Considerado um dos menos atrativos na infraestrutura, o setor de saneamento passa por uma profunda mudança de paradigma com a aprovação da Lei 14.026/2020.

Desafios e oportunidades para o saneamento

Os desafios de lidar com maternidade e realização profissional

A experiência da maternidade é o momento mais importante na vida da mulher, no entanto um dos mais preocupantes também.


Como a inteligência de dados auxilia o Open Finance

Imagine que a sua televisão está com defeito. Você busca um modelo um pouco melhor na internet (afinal, você merece) e decide comprá-la em algumas suaves prestações.