Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Superstições e Copa do Mundo

Superstições e Copa do Mundo

09/07/2014 Aline Abreu, Lisi Lisboa e Marília Beatricci

Em época de Copa do Mundo é comum várias pessoas apresentarem comportamentos supersticiosos. Mas o que são esses comportamentos e porque eles se mantêm?

Colocar um trevo de quatro folhas na carteira, não passar debaixo de uma escada, cruzar os dedos ao desejar alguma coisa, se afastar ao ver um gato preto… Um comportamento supersticioso surge, quando ação qualquer que foi emitida coincide temporalmente com uma dada consequência.

Por exemplo, em 2002, no ano em que o Brasil foi campeão da Copa do Mundo, João estava vestindo um short específico e relacionou o uso desse short com a vitória de seu time. Nesse caso, o reforço (no caso o Brasil vitorioso) ocorreu temporalmente próximo à resposta de João de usar o short.

A relação existente entre os dois eventos não é de dependência/contingência, mas de coincidência/contiguidade. Entretanto, João assumiu a existência de uma relação de dependência e, toda vez que vai a um jogo de futebol, faz questão de usar aquele short específico.

Podemos observar o mesmo nas propagandas atuais de uma marca de chinelos. O torcedor usa o pé direito do chinelo e envia por correio o pé esquerdo para o torcedor do outro time. O comportamento supersticioso é normal, e a maioria das pessoas praticam esses “rituais”.

Entretanto, devemos nos atentar se este tipo de comportamento gera sofrimento para a pessoa e atrapalha sua vida cotidiana (se este for o caso, procure um profissional da área da saúde).

Enfim, se tratando ou não de uma realidade, quem é que não apresenta comportamentos supersticiosos em época de Copa do Mundo, não é mesmo? Vamos colocar aquela camisa, aquele short, para torcermos juntos pelo Brasil!

* Psicólogas da Clínica Link Psicologia



O bom senso na vida profissional

Aprender é um processo que nunca deveria se esgotar para nenhuma pessoa.


Lava Jato – Quem é o pai da criança?

Desde o início da operação Lava Jato, a população ficou estupefata com as revelações do emaranhado esquema de corrupção que assolava o país.


Engenharia e inovação, por que o setor está estagnado?

Uma reflexão que merece ser realizada é sobre quais os motivos que levam o setor de Engenharia e Construção a ser tão conservador.


Dicas para entregar seu projeto com melhor qualidade em menor tempo

Há uma infinidade de fatores que influenciam no sucesso (ou não) de um projeto.


Viver não custa…

Meses depois de ter casado, na Igreja, fui viver para andar de prédio, que ficava nos subúrbios da minha cidade.


Insetos na dieta

Aproximadamente dois bilhões de pessoas em 130 países já comem insetos regularmente.


Habilidades socioemocionais podem ser aprendidas

Desde o início da infância, as pessoas aprendem um conjunto de comportamentos que são utilizados nas diferentes interações sociais.


Entenda porque amor é diferente de paixão

Você sabe diferenciar o amor da paixão?


A finalidade e controle das ONGs

O mais adequado não é combatê-las, mas manter sob controle as suas ações como forma de evitar desvio de finalidade, corrupção e outras distorções.


A reforma da máquina pública

A aprovação da reforma da Previdência, pela Câmara dos Deputados, é um avanço do governo.


Os desafios da maternidade e do mercado de trabalho

Ter filhos não é fator de impedimento para uma mulher trabalhar.


Todos querem ser ricos…

Mais vale pobreza, com paz e consciência limpa, que riqueza, sem sossego, alma escurecida, e pesados de remorsos.