Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Superstições e Copa do Mundo

Superstições e Copa do Mundo

09/07/2014 Aline Abreu, Lisi Lisboa e Marília Beatricci

Em época de Copa do Mundo é comum várias pessoas apresentarem comportamentos supersticiosos. Mas o que são esses comportamentos e porque eles se mantêm?

Colocar um trevo de quatro folhas na carteira, não passar debaixo de uma escada, cruzar os dedos ao desejar alguma coisa, se afastar ao ver um gato preto… Um comportamento supersticioso surge, quando ação qualquer que foi emitida coincide temporalmente com uma dada consequência.

Por exemplo, em 2002, no ano em que o Brasil foi campeão da Copa do Mundo, João estava vestindo um short específico e relacionou o uso desse short com a vitória de seu time. Nesse caso, o reforço (no caso o Brasil vitorioso) ocorreu temporalmente próximo à resposta de João de usar o short.

A relação existente entre os dois eventos não é de dependência/contingência, mas de coincidência/contiguidade. Entretanto, João assumiu a existência de uma relação de dependência e, toda vez que vai a um jogo de futebol, faz questão de usar aquele short específico.

Podemos observar o mesmo nas propagandas atuais de uma marca de chinelos. O torcedor usa o pé direito do chinelo e envia por correio o pé esquerdo para o torcedor do outro time. O comportamento supersticioso é normal, e a maioria das pessoas praticam esses “rituais”.

Entretanto, devemos nos atentar se este tipo de comportamento gera sofrimento para a pessoa e atrapalha sua vida cotidiana (se este for o caso, procure um profissional da área da saúde).

Enfim, se tratando ou não de uma realidade, quem é que não apresenta comportamentos supersticiosos em época de Copa do Mundo, não é mesmo? Vamos colocar aquela camisa, aquele short, para torcermos juntos pelo Brasil!

* Psicólogas da Clínica Link Psicologia



Entre a Pressa e a Preguiça

Quem já passou dos quarenta anos e viveu em algum canto do Brasil, experimentou, certamente, exercícios sistemáticos de paciência.



O “Golpe do WhatsApp” e o roubo da conta no aplicativo

Caso você seja vítima desse golpe, deve imediatamente entrar em contato com o WhatsApp para informar que alguém está utilizando a sua conta.


Reflexão sobre a democracia

Deambulava numa manhã de domingo, na Praça da Batalha, no Porto, quando perpassei por sujeito, elegantemente trajado: calça e casaco azul-marinho, camisa branca, gravata cinza.


Como não errar ao investir?

Muitas pessoas têm receio em falar sobre os seus investimentos, pois ainda é um grande tabu falar sobre dinheiro.


Para uma sociedade melhor

No tempo da minha juventude, conheci mocinha, de origem modesta, mas rica de inteligência, esperteza e perspicácia.


Fake (old) News

Tanto a existência das fake news quanto a expressão em si, já existem há muito tempo.


Por que os professores de Humanas são de “esquerda”?

Quero começar essa reflexão com uma resposta simples: não!


Como revestir a casa de forma prática e com menor custo

Nos últimos anos, uma das novidades de maior destaque se traduz no surgimento dos revestimentos inteligentes.


O livro e a cultura

29 de outubro é o Dia do Livro. 5 de novembro é o Dia da Cultura.


Os controversos e suas controvérsias

O ano de 2019 tem sido, sem dúvidas, muito fértil para os noticiários políticos internacionais.


A demora do Poder Legislativo em não regular a prisão em segunda instância

Os parlamentares federais são exclusivamente culpados por ter o STF procedido à revisão da prisão em segunda instância.