Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Tempo de superar diferenças

Tempo de superar diferenças

23/12/2017 Osvaldo Luiz Silva

Sim, este é um texto de Natal!

Um daqueles artigos que exalta o clima amistoso e festivo, da época, como possibilidade de reaproximação dos parentes, amigos, mas, também de trégua com os inimigos. Não, não irei propor que você abandone suas convicções, crenças.

Passar por cima de sua história, de sua formação. Cada ser humano é único, essencialmente diferente, e essa “impressão digital”, essa identidade, é uma riqueza incalculável. Não se repete um ser humano. E isso diz também de uma inevitável solidão. Nasce-se só e, quando a cortina da vida fecha, deixa-se o palco, sob aplausos, só.

Não há que temer esse “cantinho sem ninguém”, o silêncio. Ele é que consolida a existência e, para quem crê, revela uma presença suave, profunda, com quem se quer “só contigo (eu) ficar”.

Sim, apesar disso tudo que se vê nas redes sociais, das perspectivas políticas de um novo ano eleitoral, de todas as razões para discordar e perder a paciência e, apesar de não podermos ser ingênuos, a proposta é: “dar as mãos”. Abraçar de verdade, beijar, perdoar, “lavar a alma”, se dar esse presente.

O tempo no qual vivemos está frio demais, violento demais, chato demais. Esse Brasil está irreconhecível e pior: menos alegre, amistoso, acolhedor. Qual o problema do outro ter razão, só uma vez? Diga pra ele só hoje: “você está certinho”.

O mundo não vai acabar por isso. Mas sua família, com este gesto, pode ter um recomeço. E, ao nos permitirmos um passo diferente, talvez, quem sabe, reencontremos o nosso melhor. Feliz Natal!

* Osvaldo Luiz Silva é jornalista, autor dos livros “Ternura de Deus” e “A vida é caminhar”, pela Editora Canção Nova, editor da Revista Canção Nova e Presidente da Academia Cachoeirense de Letras e Artes (ACLA), em Cachoeira Paulista (SP).



Aos mestres, com carinho, nossa gratidão!

“Vivemos um tempo atípico” e “Precisamos nos reinventar” são algumas das frases mais pronunciadas nesses últimos meses.


Como a crise ajudou na popularização do Bitcoin?

Com a notícia da pandemia do coronavírus todo o mercado de investimentos tradicional e digital foi impactado com a notícia.


O receio de opinar

Antes de me aposentar, prestei serviço em empresa, que possuía e possui, milhares de trabalhadores.


Uso consciente do crédito pode ajudar a girar o motor da economia

Muita gente torce o nariz quando o assunto é tomar empréstimo, pois quem precisa de crédito pode acabar não conseguindo honrar essa dívida, tornando esse saldo devedor uma bola de neve.


Voltar primeiro com os mais velhos: mais autonomia e continência

Nunca pensei que chegaria esse dia, mas chegou! Um consenso global sobre o valor da escola para as sociedades, independentemente do seu PIB.


Adolescentes, autoestima, família: como agir, o que pensar?

A adolescência é um tempo intenso, tanto pelo desenvolvimento físico, quanto neurológico, hormonal, social, afetivo e profissional.


Digital: um tema para o amanhã que se tornou uma demanda para ontem

Durante muito tempo, a Transformação Digital foi considerada uma prioridade para o futuro dos negócios.


Compliance como aliado na estratégia ESG das organizações

A temática que atende aos princípios ambientais, sociais e de governança, ou seja, o ESG (Environmental, Social and Governance), está em forte evidência.


A humanização da tecnologia no secretariado remoto

A tecnologia deu vida a inúmeras oportunidades de negócios, como o trabalho à distância.


Bolsa vs Startups. Porque não os dois?

Vivemos um momento de grandes inovações e com os investimentos não é diferente.


Os pecados capitais da liderança

“Manda quem pode, obedece quem tem juízo.”


“Pensar Global, Agir local”: O poder do consumo consciente

A expressão “Pensar Global e Agir local” já é lema em muitas esferas de discussões políticas, econômicas, sobre sustentabilidade e solidariedade.