Portal O Debate
Grupo WhatsApp

CNI cria canal para ajudar empresas a exportar e importar

CNI cria canal para ajudar empresas a exportar e importar

29/06/2021 Divulgação

Serviço 'Ajude Aqui' foi lançado pela Confederação Nacional da Indústria (CNI) em parceria com o Sebrae.

Para ajudar as micros, pequenas e médias empresas (MPMEs) a exportar e importar com mais facilidade, a Confederação Nacional da Indústria (CNI), as federações das Indústrias nos Estados e o Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae)  lançaram nesta terça-feira (29/6) o serviço Ajude Aqui, uma consultoria virtual gratuita sobre comércio exterior, sistemas e procedimentos. O canal gratuito para tirar dúvidas foi lançado durante a palestra online, intitulada "Como a Metodologia Comex 360º Pode te Ajudar a Importar e Exportar".

Agora, os especialistas do Ajude Aqui estarão disponíveis para atender dúvidas sobre tributação internacional, sistemas aduaneiros, logística, formas de pagamento, entre outros assuntos sobre exportação e importação. Os atendimentos serão realizados por e-mail, telefone, Whatsapp e formulários online, que já estão disponíveis no site do Indústria Global - programa realizado em parceria com o Sebrae para oferecer serviços de internacionalização.

“O objetivo é criar um canal de suporte às empresas e, a partir das dúvidas mais frequentes, promover melhorias no ambiente de negócios”, disse o coordenador de Serviços de Internacionalização da CNI, Felipe Spaniol.

Para mais informações sobre empresas clique aqui.

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Agência Brasil



Artesãos mineiros expõem seus produtos no 15º Salão do Artesanato, em Brasília

Evento, que acontece de 04 a 08 de maio, reunirá mais de 500 artesãos de 25 estados do Brasil.

Artesãos mineiros expõem seus produtos no 15º Salão do Artesanato, em Brasília

Faturamento de bares e restaurantes deve aumentar 30% no Dia das Mães

Data é segundo melhor dia do ano em relação ao movimento, diz Abrasel.

Faturamento de bares e restaurantes deve aumentar 30% no Dia das Mães

Wax (WAXP) e Mushe (XMU): as melhores criptomoedas eco-friendly

Existe uma forma para as finanças descentralizadas se tornarem mais sustentáveis. Aqui estão as empresas que estão pavimentando o caminho.

Wax (WAXP) e Mushe (XMU): as melhores criptomoedas eco-friendly

Percentuais de endividados e inadimplentes são os maiores em 12 anos

Índice de endividados chegou a 77,7% em abril. O cartão de crédito é o principal motivo das dívidas.

Percentuais de endividados e inadimplentes são os maiores em 12 anos

Financiar carro vale a pena?

Especialista em análise de crédito esclarece os principais mitos dessa alternativa.

Financiar carro vale a pena?

Você e seu time estão progredindo?

Em qualquer empreitada, pessoal, profissional ou de times, medir resultados é crucial.


A governança de riscos e gestão em fintechs

Em complemento às soluções e instituições financeiras já existentes, o mercado de crédito ficou muito mais democrático com a expansão das fintechs.


Kanban ainda é pouco explorado, mas pode revolucionar o cotidiano das empresas

Como trazer soluções efetivas em condições de fluxo de atividade em escala?

Kanban ainda é pouco explorado, mas pode revolucionar o cotidiano das empresas

Investimentos registram captação de R$ 46 bi no primeiro trimestre

O segmento de fundos de investimentos fechou o primeiro trimestre de 2022 com absorção líquida de R$ 46,1 bilhões, movimentação de 56,9% menor do que o observado no mesmo período de 2021.


Cadastro Positivo insere mais de 464 mil mineiros no mercado de crédito

Dados divulgados pela ANBC demonstram contingente da população mineira que se beneficiou da primeira consulta de crédito após a implantação do Cadastro Positivo com adesão automática.

Cadastro Positivo insere mais de 464 mil mineiros no mercado de crédito

Conheça cinco vantagens do Pix para empresas

MEIs e PMEs podem economizar cerca de R$ 2.000 em serviços e produtos bancários por ano.

Conheça cinco vantagens do Pix para empresas

Sete em cada 10 pequenos negócios mineiros pretendem investir em 2022

Mais de um terço dos empresários do segmento planeja expandir ou melhorar as atividades entre abril e junho.

Sete em cada 10 pequenos negócios mineiros pretendem investir em 2022