Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Comércio e serviços devem abrir 59,2 mil vagas

Comércio e serviços devem abrir 59,2 mil vagas

09/10/2018 Da Redação

De acordo com pesquisa, as vagas serão abertas até o final deste ano.

Comércio e serviços devem abrir 59,2 mil vagas

Faltando três meses para a chegada das festas de fim de ano, os setores de comércio e serviços já abriram as portas para a contratação de trabalhadores.

Para os empresários, essa pode ser a última oportunidade do ano para recuperar os prejuízos, enquanto os profissionais desempregados veem nesse período a chance de voltar ao mercado de trabalho.

Uma pesquisa feita nas capitais e interior do país pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas (CNDL) e pelo Serviço de Proteção ao Crédito (SPC Brasil) estima que, pelos próximos meses, aproximadamente 59,2 mil vagas serão abertas nos segmentos do comércio e serviços. O número é levemente superior aos 51 mil novos postos que foram previstos para o mesmo período do ano passado.

Para este ano, os dados mostram um cenário de moderada melhora na comparação com 2017. Embora ainda representem a maioria, caiu de 82% para 72% o percentual de empresários que não têm a intenção de fazer contratações extras nesse fim de ano. Em sentido oposto, aumentou de 13% para 17% o percentual dos que devem integrar ao menos um novo colaborador à sua equipe.

Reforçar o quadro de funcionários para dar conta do aumento da demanda neste período do ano (81%) é o motivo mais citado na hora de justificar as contratações, mas há também empresários que contratam pensando em melhorar sua competição no mercado (8%) e aqueles que se planejam para lidar com a rotatividade de funcionários (5%). A maior parte (46%) dos empresários consultados deve contratar apenas um funcionário, enquanto 28% pretendem contratar dois novos colaboradores.



Desemprego cai em 18 estados e no Distrito Federal

De acordo com o IBGE, em outros sete estados, as taxas de desemprego cresceram de 2017 para 2018.

Desemprego cai em 18 estados e no Distrito Federal

Receita Federal invalida CNPJ de 3,3 milhões de empresas

As empresas não declararam ao Fisco débitos e créditos tributários.

Receita Federal invalida CNPJ de 3,3 milhões de empresas

Cresce a confiança dos micro e pequenos empresários

Índice de Confiança é o maior desde maio de 2015, início da série histórica.

Cresce a confiança dos micro e pequenos empresários

Abertas as inscrições para o 1º Prêmio ODS Pacto Global

Iniciativa vai reconhecer boas práticas empresariais e de ensino.


Airbus anuncia fim da produção do superjumbo A380

Maior avião de passageiros do mundo não conseguiu conquistar companhias aéreas suficientes para justificar seus altos custos.

Airbus anuncia fim da produção do superjumbo A380

Cresce número de consumidores que não quitam fatura do cartão

25% dos usuários de cartão de crédito entraram no rotativo ao final de 2018.


4 sinais de que você está pronto para iniciar um negócio

Você tem um conceito do qual está empolgado e pensou muito em começar.

4 sinais de que você está pronto para iniciar um negócio

Venda de imóveis em Portugal cresce 20% em 2018

Brasileiros estão entre os que mais investem em solo português.


Número de MEI em Minas Gerais ultrapassa 900 mil

Acumulado já corresponde a 11,5% dos formalizados no país.

Número de MEI em Minas Gerais ultrapassa 900 mil

Produção de veículos tem queda de 10% em janeiro

Acumulado dos últimos 12 meses registra alta de 2,9%, mostra balanço da Anfavea.

Produção de veículos tem queda de 10% em janeiro

Vendas dos supermercados cresceram 2,07% em 2018

Mesmo com alta, o resultado ficou abaixo das estimativas da associação do setor.

Vendas dos supermercados cresceram 2,07% em 2018

Pedidos de falência caem 14,5% em 12 meses

Enquanto que para os pedidos de recuperação judicial houve alta de 2,8%.

Pedidos de falência caem 14,5% em 12 meses