Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Construção civil demitiu mais de um milhão desde 2014

Construção civil demitiu mais de um milhão desde 2014

10/02/2017 Da Redação

Trabalhadores da construção civil sofrem com aumento de demissões.

Construção civil demitiu mais de um milhão desde 2014

A construção civil demitiu 1,08 milhão de trabalhadores no país desde outubro de 2014, quando iniciou o declínio do número de empregados.

Os dados foram divulgados pelo Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo (SindusCon-SP), em parceria com a Fundação Getulio Vargas (FGV).

Segundo o estudo, há 27 meses havia 3,57 milhões de trabalhadores na construção. Em dezembro no ano passado, o total caiu para 2,489 milhões, a 27ª queda consecutiva. O setor fechou 2016 com 414 mil vagas, uma queda de 14,33% em relação a dezembro de 2015. Em relação a novembro, houve queda de 3,63%.

Entre os estados, os que mais demitiram no ano passado foram São Paulo (-97.696), Rio de Janeiro (-77.726), Minas Gerais (-37.694), Bahia (-23.772) e Pará (-21.374). Em 2016, os segmentos que mais apresentaram queda foram imobiliário (17,14%), infraestrutura (-13,96%) e preparação de terreno (13,68%).

Números em queda

No estado de São Paulo, houve queda de 2,70% no emprego em dezembro na comparação com novembro (redução de 18,7 mil vagas). O número de trabalhadores foi de 694,6 mil em novembro, ante 675,9 mil em dezembro. Em 12 meses, são menos 91.899 trabalhadores no setor.

Para o presidente do Sindicato da Indústria da Construção Civil do Estado de São Paulo, José Romeu Ferraz Neto, a tendência é de mais cortes de emprego para os próximos meses. Ele defende que o governo adote “medidas emergenciais para estimular a construção civil”.

Fonte: Agência Brasil



Como investir na bolsa de valores?

Investir é uma prática fundamental na vida de qualquer pessoa.


As oportunidades em cenários desfavoráveis

Nas situações difíceis, boa parte das empresas entra no chamado “modo de subsistência”.


CNC estima crescimento de 5,5% no varejo em 2020

Resultado representaria o maior avanço anual em sete anos.

CNC estima crescimento de 5,5% no varejo em 2020

Amigo secreto deve movimentar R$ 7,5 bilhões na economia

Quatro em cada dez consumidores pretendem participar da brincadeira, mostra pesquisa CNDL/SPC Brasil.

Amigo secreto deve movimentar R$ 7,5 bilhões na economia

A qualidade precisa estar no DNA da empresa

A qualidade não pode mais ser vista como diferencial.


Receita Federal exigirá identificação de CPF/CNPJ nas encomendas internacionais

Será necessário realizar o cadastro no Portal "Minhas Importações" dos Correios.

Receita Federal exigirá identificação de CPF/CNPJ nas encomendas internacionais

Indústria cresce em sete de 15 locais pesquisados pelo IBGE

Setores que mais cresceram foram o de veículos e o de alimentos.

Indústria cresce em sete de 15 locais pesquisados pelo IBGE

Vendas sobem 9,9% na semana da Black Friday

Levantamento do Serasa registra melhora nas vendas em relação a 2018.

Vendas sobem 9,9% na semana da Black Friday

Fundadores deixam o Google, que possui novas apostas para o futuro

É o fim de uma era no ecossistema empreendedor: Larry Page e Sergey Brin, fundadores do Google, estão deixando o comando da empresa, depois de 21 anos.

Fundadores deixam o Google, que possui novas apostas para o futuro

O que torna uma marca valiosa

O que faz com que uma marca seja valiosa?


Natal deve movimentar mais de R$ 36 bilhões na economia

Seis em cada dez brasileiros pretendem comprar presentes para si mesmos no Natal, aponta pesquisa CNDL/SPC Brasil.

Natal deve movimentar mais de R$ 36 bilhões na economia

Como o cenário externo afeta a economia brasileira

Muito se fala dos embates entre os Estados Unidos e China em sua Guerra Comercial, e das crises econômicas ou sociais em alguns países latinos.