Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Dicas para entrar em 2019 sem ressaca nas finanças

Dicas para entrar em 2019 sem ressaca nas finanças

14/12/2018 Da Redação

Consultor financeiro aponta seis dicas para virar o ano sem a ressaca financeira.

Dicas para entrar em 2019 sem ressaca nas finanças

O brasileiro tende a olhar para as despesas e pensar que não tem meios de cortar gastos.

Em dezembro, com as festas de final de ano e as férias, o instinto de economizar, que normalmente já é escasso, agoniza diante de tantas promoções e da longa lista de presentes de Natal. Passada a euforia, janeiro chega com novas contas – IPTU, IPVA e matrícula escolar – que somadas aos gastos com o cartão de crédito natalino desafia até o mais hábil negociador.

Para virar o ano sem ressaca nas finanças, o consultor financeiro Guilherme de Almeida Prado enumera seis dicas essenciais. Mestre em Administração de Empresas pela EAESP-FGV e autor do livroConquiste Mais, o empreendedor fundou o portal Konkero com a missão de transformar a vida financeira de milhões de brasileiros.

Confira as seis dicas dadas pelo especialista em finanças pessoais.

1 - Atenção total à fatura do cartão de crédito. Ao longo do mês de dezembro, confira online como está a fatura de cartão de crédito para evitar surpresas em janeiro.

2 - Procure levantar quanto você gastou em janeiro do ano passado, incluindo as contas de início de ano (IPTU, IPVA, matrícula de escola, viagens, entre outros). Com base no total gasto, faça uma previsão de quanto precisa economizar para evitar o sufoco do início de ano.

3 - Se você é assalariado e vai sair de férias, vai receber o salário adiantado. Reserve esse dinheiro, pois na volta não receberá o salário mensal, uma vez que as férias são pagas antes.

4 - Se for viajar, estime quanto gastou da última vez para não ter surpresas.

5 - Liste todos os presentes de Natal que falta comprar; estime valores e tenha uma ideia de quanto vai ter de desembolsar. Caso seja necessário, reduza a quantidade e valor dos presentes.

6 - Que tal um Natal diferente com os familiares mais próximos? Uma dica é combinar que os presentes sejam produzidos por cada um. Um pode dar um cartão; outro pode dar um bolo que fez etc. Pode ser um ótimo momento para resgatar os valores do Natal e gastar menos!



Minas registra mais de 1 milhão de Microempreendedores Individuais

Após 10 anos, desde a implementação da Lei Complementar 128, MEI já são a maioria dos pequenos negócios formalizados no estado.

Minas registra mais de 1 milhão de Microempreendedores Individuais

Cresce abate de bovinos, suínos e frangos, diz IBGE

Foram abatidas 8,08 milhões de cabeças de bovinos no segundo trimestre de 2019.

Cresce abate de bovinos, suínos e frangos, diz IBGE

Cresce a confiança dos consumidores de BH na economia

Indicador voltou a subir no segundo trimestre de 2019. Homens e jovens são os mais confiantes.

Cresce a confiança dos consumidores de BH na economia

Empresários da construção estão mais confiantes

O Índice de Confiança do Empresário da Indústria da Construção de Minas Gerais – ICEICON MG – atingiu 53,8 pontos em julho, crescimento de 3,0 pontos em relação a junho (50,8 pontos).


Empresas e paternidade: uma mudança a ser nutrida

Daqui a cinco ou dez anos, nem você nem ninguém se lembrará com precisão da tarefa que está fazendo no trabalho neste minuto.


Cereais, leguminosas e oleaginosas podem ter safra recorde

Arroz, milho e soja representam 92,7% da produção estimada no ano.

Cereais, leguminosas e oleaginosas podem ter safra recorde

Queda da Taxa Selic e a economia brasileira

Após o mais longo período em que a Taxa Selic permaneceu em um mesmo patamar, o Banco Central cortou a taxa básica da economia em 0,50%.


Dia dos Pais deve gerar R$ 5,6 bilhões de faturamento em 2019

CNC projeta alta de 2,1% nas vendas para a quarta data comemorativa mais importante do varejo.

Dia dos Pais deve gerar R$ 5,6 bilhões de faturamento em 2019

Novas regras de gestão de dados e o impacto para as empresas

As novas regras relacionadas à gestão de dados passarão a valer no ano que vem.


Pequenos negócios são responsáveis por 79% do saldo de empregos em Minas

Micro e Pequenas Empresas mineiras registraram saldo de 67 mil postos de trabalho nos primeiros seis meses do ano.

Pequenos negócios são responsáveis por 79% do saldo de empregos em Minas

Percentual de famílias com dívidas aumentou pelo 7º mês consecutivo

Principais inadimplências das famílias brasileiras são o financiamento de carro e o de casa.

Percentual de famílias com dívidas aumentou pelo 7º mês consecutivo

Sete em cada dez brasileiros tiveram de fazer cortes no orçamento

Pesquisa indica que desempenho da economia no primeiro semestre foi pior do que o esperado.

Sete em cada dez brasileiros tiveram de fazer cortes no orçamento