Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Funcionário feliz é mais produtivo

Funcionário feliz é mais produtivo

12/04/2019 Astrid Vieira

Sabe de uma coisa? Equilibrar a vida pessoal e profissional não é fácil, quem dirá o emocional.

Funcionário feliz é mais produtivo

As tensões diárias são capazes não só de influenciar nossas emoções, mas também afetar o nosso desempenho no emprego. E o bem-estar emocional pode fazer a diferença: pessoas felizes são mais produtivas do que pessoas infelizes.

Cada vez mais, as empresas têm buscado além de bons profissionais, pessoas que se interagem bem nas suas estruturas humanas, demonstrando interesse e motivação. Na visão empresarial, um funcionário feliz é sinônimo de um profissional motivado, capaz de fazer bem o seu trabalho e ainda incentivar os demais colegas. Tudo isso porque se as pessoas se sentirem bem, provavelmente vão ter desempenhos positivos. E, dessa forma, também ficarão bem vistas aos olhos dos administradores.

Um claro exemplo vem de um estudo que está sendo realizado pela Universidade da Califórnia no qual aponta que um trabalhador feliz é, em média, 31% mais produtivo, três vezes mais criativo e vende 37% a mais em comparação com outros. Enquanto outra pesquisa publicada no Journal of Applied Psychology, mostra que os colaboradores com altos níveis de satisfação no trabalho são mais cooperativos e dispostos a ajudar os demais.

Empresas bem-sucedidas têm colaboradores bem-humorados e, consequentemente, mais engajados, leais e criativos, em comparação àqueles empregados insatisfeitos. As pesquisas também apontam que o clima organizacional é um dos fatores que mais afetam os indicadores de produtividade, engajamento, trabalho em equipe, criatividade e conduta ética.

Acredito que, quando as pessoas são questionadas se estão felizes em seu emprego, poucas afirmam estarem completamente satisfeitas. Isso acontece porque, além de sofrerem com a pressão por resultados, geralmente não são reconhecidas pelo que fazem. De acordo com uma pesquisa feita pela International Stress Management (ISMA-BR), apenas 24% dos brasileiros se sentem realizados com sua vida profissional. Isso faz com que os trabalhadores possam apresentar transtornos de ansiedade, estresse ou depressão. No Brasil, 70% da população economicamente ativa sofre de estresse causado por questões empregatícias.

Apesar de não ser possível controlar os trabalhadores para que sejam felizes, ainda assim pode-se criar condições que vão ajudar a promover a positividade no ambiente de trabalho. A felicidade é uma via de mão dupla e as empresas precisam dar condições para alcança-la.

É dever dos empregadores oferecer um ambiente que dê vontade de ir trabalhar todos os dias. É possível proporcionar isso, por exemplo, como a criação de um clima amigável na empresa em que predomine a confiança e cooperação, flexibilização dos horários, reconhecer e comemorar as conquistas individuais e coletivas, ter um chefe competente e com quem se possa contar, e até mesmo um suporte aos funcionários em questões pessoais.

Quer saber? Não existe trabalho perfeito, mas o ideal é que a satisfação sempre supere os problemas.

* Astrid Vieira, empresária, diretora e consultora de carreiras, da empresa mineira Leaders-HR Consultantes

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Veja as principais decisões na hora de adaptar seu negócio para o mundo online

O mundo empresarial é repleto de decisões importantíssimas que podem definir o sucesso ou o fracasso de uma companhia.

Veja as principais decisões na hora de adaptar seu negócio para o mundo online

Maioria dos pequenos negócios mineiros atende de forma híbrida

Modelo é adotado para atender a demanda dos consumidores por atendimento presencial e humanizado, conjugado à comodidade das compras on-line.

Maioria dos pequenos negócios mineiros atende de forma híbrida

Cai tempo médio para abertura de empresas no país

Prazo era de 5 dias e 9 horas em 2019 e hoje está em 47 horas.

Cai tempo médio para abertura de empresas no país

7 erros comuns de empreendedores iniciantes para evitar na hora de abrir um negócio

CEO revela as principais falhas que podem justificar o número de empresas fechadas com menos de um ano de atividade no Brasil.

7 erros comuns de empreendedores iniciantes para evitar na hora de abrir um negócio

Belo Horizonte inaugura complexo de quadras de areia para esportes de praia

Calçadão BH traz entretenimento e ambiente praiano para o público mineiro.

Belo Horizonte inaugura complexo de quadras de areia para esportes de praia

Nível de confiança dos pequenos negócios mineiros cai em setembro

Microempreendedores apresentaram o menor índice de confiança no mês e Indústria tem a pior variação em relação a agosto.

Nível de confiança dos pequenos negócios mineiros cai em setembro

Qual o real papel das empresas?

Convido você a fazer uma reflexão sobre o tema proposto neste artigo: será a geração de lucro o real papel das empresas?

Qual o real papel das empresas?

Novo fôlego para o empresariado

As micro e pequenas empresas brasileiras chegaram perto de entrar em colapso com o início da pandemia, em março do ano passado.


Trabalho presencial: quando e como será possível?

A volta, ou não, do trabalho presencial é um dos principais temas nas instâncias diretivas das grandes empresas brasileiras.

Trabalho presencial: quando e como será possível?

Modelo híbrido é alternativa ao home office? Pela legislação não é bem assim

É preciso cuidado, pois o que se tem dentro da legislação é que esse pode ficar em até 25% da carga horária em home office.

Modelo híbrido é alternativa ao home office? Pela legislação não é bem assim

Tecnologia, home office e a transformação do mercado imobiliário

A tecnologia é uma grande aliada e uma ferramenta cada vez mais fundamental para o mercado imobiliário.

Tecnologia, home office e a transformação do mercado imobiliário

Impostômetro chega à marca de R$ 2 trilhões

Em 2020, a marca foi atingida em 22 de dezembro, informa associação de SP.

Impostômetro chega à marca de R$ 2 trilhões