Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Brasileiros passam a gastar menos no exterior

Brasileiros passam a gastar menos no exterior

24/05/2016 Divulgação

Esse é o menor valor para o período desde abril de 2009.

Brasileiros passam a gastar menos no exterior

Os gastos de brasileiros no exterior ficaram em US$ 1,076 bilhão, em abril, informou nesta terça-feira (24), o Banco Central (BC).

Esse é o menor valor para o período desde abril de 2009, quanto totalizou US$ 770 milhões. No mesmo mês de 2015, os gastos ficaram em US$ 1,644 bilhão.

No primeiro quadrimestre desde ano, os gastos dos brasileiros somaram US$ 4,048 bilhões, contra US$ 6,876 bilhões em igual período de 2015.

O chefe do Departamento Econômico do BC, Tulio Maciel, disse que a menor cotação recente do dólar pode estimular os gastos no exterior, embora a contratação dos serviços de viagens seja feita com antecedência. “É uma conta sensível à variação de câmbio. O movimento mais recente tende a contribuir, muito embora haja uma defasagem. As pessoas contratam sua viagem com certa antecedência” disse.

Mesmo assim, Maciel destacou que o dólar este ano está 30% mais caro que em 2015 e há queda da renda dos brasileiros, o que leva à redução dos gastos no exterior. “Com a atividade retraindo, há recuo da renda e naturalmente isso tem impacto na conta de viagens. É um produto de lazer e tem elasticidade”, afirmou.

As receitas de estrangeiros em viagem no Brasil ficaram em US$ 475 milhões, no mês passado, contra US$ 444 milhões registrados em abril de 2015. De janeiro a abril, as receitas ficaram em US$ 2,320 bilhões, ante US$ 2,081 bilhões em igual período de 2015.

Com esses resultados das despesas de brasileiros no exterior e as receitas de estrangeiros no Brasil, a conta de viagens internacionais ficou negativa em US$ 602 milhões, em abril, e em US$ 1,728 bilhão, nos quatro meses do ano.

Fonte: Agência Brasil



Optantes do Simples Nacional têm até 31 de janeiro para migrar para o SIMEI

Mudança pode beneficiar pequenos negócios que tiveram queda no faturamento no ano passado

Optantes do Simples Nacional têm até 31 de janeiro para migrar para o SIMEI

Pequenas empresas são responsáveis por 70% dos novos empregos

Pesquisa, referente a novembro de 2021, é do Sebrae.

Pequenas empresas são responsáveis por 70% dos novos empregos

WhatsApp continua sendo o canal de venda mais usado nos pequenos negócios

Pesquisa do Sebrae mostra que 88% dos estabelecimentos, que vendem on-line, fazem uso do aplicativo de mensagem.

WhatsApp continua sendo o canal de venda mais usado nos pequenos negócios

Confiança dos pequenos negócios mineiros cresce em dezembro

Construção Civil puxa resultado do Iscon, índice que mede o ânimo dos empresários em relação ao desempenho das suas atividades.

Confiança dos pequenos negócios mineiros cresce em dezembro

Perspectivas positivas para a indústria em 2022

É preciso deixar de lado todo discurso derrotista e voltado apenas para desafios e privilegiar a obtenção de resultados.

Perspectivas positivas para a indústria em 2022

Nível de endividamento das famílias brasileiras em 2021 foi o maior em 11 anos

Pesquisa de Endividamento e Inadimplência do Consumidor (Peic) foi divulgada pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo.

Nível de endividamento das famílias brasileiras em 2021 foi o maior em 11 anos

Sebrae mostra impacto da pandemia sobre empreendedores negros

Pesquisa revela dificuldades na retomada dos negócios.

Sebrae mostra impacto da pandemia sobre empreendedores negros

Uso de cheques no Brasil cai 93% desde 1995

No ano passado, volume de compensações caiu 23%.

Uso de cheques no Brasil cai 93% desde 1995

6 tendências de comunicação e marketing para 2022

Para 64% dos jovens entre 16 e 24 anos, a publicidade tradicional não impacta mais.

6 tendências de comunicação e marketing para 2022

Contribuição mensal de microempreendedores individuais será reajustada

Com o aumento do salário-mínimo, Documento de Arrecadação Simplificada de MEI (DAS) passa a ter novos valores.

Contribuição mensal de microempreendedores individuais será reajustada

Inflação oficial fecha 2021 com alta de 10,06%, diz IBGE

Poupança tem terceira maior retirada líquida da história em 2021

Retirada líquida no ano passado foi de R$ 35,5 bilhões.

Poupança tem terceira maior retirada líquida da história em 2021