Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Mercado financeiro prevê que economia vai crescer 0,36% em 2022

Mercado financeiro prevê que economia vai crescer 0,36% em 2022

03/01/2022 Divulgação

Estimativa anterior de crescimento do PIB era de 0.42%.

O mercado financeiro diminuiu novamente a previsão para o crescimento da economia brasileira em 2022. As projeções constam do primeiro boletim Focus de 2022, divulgado nesta segunda-feira (3/1), em Brasília, pelo Banco Central. O documento reúne a projeção para os principais indicadores econômicos do país e aponta para um Produto Interno Bruto (PIB) de 0,36% ante 0,42% estimado na semana passada.

O mercado também reduziu a previsão do PIB - a soma de todos os bens e serviços produzidos no país - para o ano de 2021, para 4,50%. Na semana anterior, a estimativa era de que o PIB ficasse em 4,51%. Há quatro semanas, o boletim estimou um crescimento de 4,71% em 2021.

Para 2023 e 2024, a projeção do mercado financeiro se manteve estável na relação com a semana anterior, com expansão do PIB em 1,80% e 2%, respectivamente.

Para 2022, a estimativa de inflação ficou em 5,03%, a mesma da semana passada. Para 2021, a previsão para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial do país, também variou para baixo, de 10,02% para 10,01%. É a quarta redução depois de 35 semanas consecutivas de alta da projeção. Para 2023 e 2024, as previsões são de 3,41% e 3%, respectivamente.

Para mais informações sobre mercado financeiro clique aqui.

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Agência Brasil



Arquivei marca presença em grande evento de contabilidade em BH

Coordenadoras da empresa participam de palestra sobre visões estratégicas que podem gerar economia no setor contábil.


Pequenos negócios geram 72% das vagas de emprego no primeiro semestre

Micro e pequenas empresas criam 961 mil postos no período no país.


Quatro principais desafios de vendas para superar até 2023

À medida que o mundo volta a alguma normalidade, começamos a perceber também que a forma de vender mudou fundamentalmente em comparação com os tempos pré-pandemia.

Quatro principais desafios de vendas para superar até 2023

MEI poderá emitir nota fiscal de serviço no Portal do Simples Nacional

Mais de 13 milhões de empreendedores devem ser beneficiados.

MEI poderá emitir nota fiscal de serviço no Portal do Simples Nacional

Mais de 70% dos empresários mineiros estão otimistas com o 2º semestre de 2022

Primeiro semestre do ano teve aumento de 51,9% nas vendas em relação a 2021.

Mais de 70% dos empresários mineiros estão otimistas com o 2º semestre de 2022

Como o “jeito fintech” de fazer negócios tem possibilitado o surgimento de novas empresas

Quem já se aventurou no empreendedorismo ou está fazendo isso agora sabe o quanto é difícil se destacar em um ambiente extremamente competitivo.

Como o “jeito fintech” de fazer negócios tem possibilitado o surgimento de novas empresas

Volatilidade da economia gera incertezas e oportunidades no mercado imobiliário

De janeiro a maio, o CUB/m2 já acumula variação de 10,05%, enquanto o custo com material cresceu 9,02% e o custo com a mão de obra, 11,17%.

Volatilidade da economia gera incertezas e oportunidades no mercado imobiliário

Líder ou Gestor, entenda a diferença

Existe uma grande diferença entre um gestor e um líder.

Líder ou Gestor, entenda a diferença

Estudo aponta crescimento do mercado audiovisual em Belo Horizonte

Nos últimos sete anos, capital mineira teve aumento de 108% no número de trabalhadores em atividade no setor.

Estudo aponta crescimento do mercado audiovisual em Belo Horizonte

Fidelização como diferencial para o sucesso

A competitividade no mundo dos negócios exige cada vez mais das empresas.

Fidelização como diferencial para o sucesso

Pequenos negócios sentem impactos da inflação

Com o aumento dos custos de produção, mais de 50% das empresas tiveram que reajustar os preços de venda.

Pequenos negócios sentem impactos da inflação

Pequenos negócios já podem solicitar dinheiro do Pronampe

Crédito ficará disponível até 31 de dezembro de 2024.

Pequenos negócios já podem solicitar dinheiro do Pronampe