Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Os cuidados necessários para coleta de lixo hospitalar

Os cuidados necessários para coleta de lixo hospitalar

10/07/2020 Divulgação

Venha descobrir neste post sobre os principais cuidados de coleta de lixo hospitalar para ter mais segurança quanto à higiene da sua instituição!

Os cuidados necessários para coleta de lixo hospitalar

A coleta de lixo hospitalar é uma importante etapa que deve ser feita com cuidado, planejamento e atenção pelas clínicas e hospitais.

Afinal de contas, segundo as normas da Anvisa, todos os tipos de materiais, como seringas, luvas, medicamentos, bolsas de sangues, luvas, entre outros, devem ser descartados de formas específicas.

E além dos materiais médicos, também é importante realizar a coleta de lixo hospitalar de todos os resíduos de clínicas, consultórios, necrotérios, laboratórios, dentre outros segmentos.

Sem o descarte correto desses materiais, é possível gerar um grave risco à saúde dos colaboradores, pacientes e também ao meio ambiente.

Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), aproximadamente 15% do lixo hospitalar é considerado perigoso, já que possui caráter infeccioso, tóxico ou radioativo.

Pensando nisso, neste post nós iremos conhecer quais são os principais cuidados, regras e recomendações necessários sobre a coleta de lixo hospitalar. Continue a leitura e descubra tudo sobre o assunto! Vamos lá?

Atenção para a limpeza e higiene do hospital

Um dos cuidados mais importantes para realizar a coleta de lixo hospitalar com sucesso e eficácia é ter cuidado nos tipos de limpeza hospitalar. Atualmente, podemos separar a limpeza em duas modalidades:

- Limpeza concorrente: é o processo de higienizar diariamente as dependências de um local, sem o uso de máquinas e equipamentos específicos. A limpeza é feita com itens essenciais, como produtos de limpeza adequada, lixeira com pedal, equipamentos de proteção, entre outros.

- Limpeza terminal: utiliza equipamentos e maquinários para realizar limpezas mais específicas.

Para as duas formas de limpeza, é importante se atentar as técnicas de coleta de lixo hospitalar. Afinal, o processo envolve ambientes mais críticos, como centros cirúrgicos, UTIs, enfermarias, entre outros.

Invista em equipamentos de segurança

Os equipamentos de segurança pelos profissionais que lidam com a coleta de lixo hospitalar é essencial. Os ítens de segurança protegem a área do corpo que podem entrar em contato com os lixos.

Além dos equipamentos de segurança serem obrigatórios pode lei, eles também garantem a segurança dos colaboradores, como é o caso dos EPIs (Equipamentos de Proteção Individual).

Já outros equipamentos, como o desumidificador de ar, podem ser utilizados para reter todas as impurezas e suspensão do ar, evitando a proliferação de fungos e ácaros e protegendo os funcionários e pacientes.

Contrate uma empresa qualificada para realizar a coleta de lixo hospitalar

Para que o processo de coleta de lixo hospitalar seja feito com segurança e qualidade, é importante que a empresa ou profissionais responsáveis tenham todas as certificações necessárias para realizar as atividades.

Com processos de qualidade, sua instituição médica pode ter mais tranquilidade quanto à atuação dos profissionais, assim como à própria segurança dos seus colaboradores e pacientes!

Agora que você já sabe sobre os principais os cuidados necessários para coleta de lixo hospitalar, o que acha de seguir essas dicas e ter mais segurança nos processos de higiene da sua instituição? Gostou do nosso conteúdo? Conta pra gente!

* Esse artigo foi escrito por Rafaela Ricardo, Criadora de Conteúdo do Soluções Industriais.



Empresas poderão renegociar dívidas com o Fisco com 70% de desconto

Portaria estende à Receita Federal a modalidade de renegociação chamada de transação tributária.

Empresas poderão renegociar dívidas com o Fisco com 70% de desconto

Gestão de custos e planejamento a longo prazo

Gestão de custos é o processo de planejar e controlar efetivamente os custos envolvidos em um negócio.

Gestão de custos e planejamento a longo prazo

Salário mínimo pode ser de R$ 1.294 em 2023

Se o valor for confirmado, vai ser o quarto ano seguido sem reajuste real.

Salário mínimo pode ser de R$ 1.294 em 2023

CNC prevê alta de 5,3% nas vendas para o Dia dos Pais

Estimativa é criar 18,5 mil vagas temporárias.

CNC prevê alta de 5,3% nas vendas para o Dia dos Pais

Confiança dos pequenos negócios cai em julho

Comércio foi o setor mais confiante e serviços foi o que apresentou menor confiança.

Confiança dos pequenos negócios cai em julho

Arquivei marca presença em grande evento de contabilidade em BH

Coordenadoras da empresa participam de palestra sobre visões estratégicas que podem gerar economia no setor contábil.


Pequenos negócios geram 72% das vagas de emprego no primeiro semestre

Micro e pequenas empresas criam 961 mil postos no período no país.


Quatro principais desafios de vendas para superar até 2023

À medida que o mundo volta a alguma normalidade, começamos a perceber também que a forma de vender mudou fundamentalmente em comparação com os tempos pré-pandemia.

Quatro principais desafios de vendas para superar até 2023

MEI poderá emitir nota fiscal de serviço no Portal do Simples Nacional

Mais de 13 milhões de empreendedores devem ser beneficiados.

MEI poderá emitir nota fiscal de serviço no Portal do Simples Nacional

Mais de 70% dos empresários mineiros estão otimistas com o 2º semestre de 2022

Primeiro semestre do ano teve aumento de 51,9% nas vendas em relação a 2021.

Mais de 70% dos empresários mineiros estão otimistas com o 2º semestre de 2022

Como o “jeito fintech” de fazer negócios tem possibilitado o surgimento de novas empresas

Quem já se aventurou no empreendedorismo ou está fazendo isso agora sabe o quanto é difícil se destacar em um ambiente extremamente competitivo.

Como o “jeito fintech” de fazer negócios tem possibilitado o surgimento de novas empresas

Volatilidade da economia gera incertezas e oportunidades no mercado imobiliário

De janeiro a maio, o CUB/m2 já acumula variação de 10,05%, enquanto o custo com material cresceu 9,02% e o custo com a mão de obra, 11,17%.

Volatilidade da economia gera incertezas e oportunidades no mercado imobiliário