Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Pandemia de Covid-19 pode causar impactos profundos na construção civil

Pandemia de Covid-19 pode causar impactos profundos na construção civil

14/05/2020 Simone Las Casas

Em meio à pandemia do novo coronavírus, a necessidade de manter o isolamento social se torna cada dia mais evidente e o seu impacto sobre os vários setores da economia são devastadores.

Uma das áreas que vem sofrendo com os efeitos da epidemia é a construção civil que está lidando com a queda do número de empreendimentos em obras, a diminuição das vendas e lançamentos de imóveis, o atraso nas aprovações de projetos pelos municípios, a baixa geração de caixa, o aumento de cancelamentos de contratos e dentre outros problemas.

Apesar do fato do governo ter recentemente incluído a construção civil na lista de serviços essenciais – o que fez com que algumas obras fossem retomadas –, o setor já convive com algumas dificuldades, de curto prazo e de longo prazo.

Um dos problemas é dar prosseguimento às obras sem que a saúde dos trabalhadores não seja comprometida.

Para evitar a disseminação do vírus, todo o planejamento de atuação dos profissionais envolvidos em obras terá que ser revisto.

Uma estratégia para diminuir os riscos de contaminação dos trabalhadores no deslocamento até a construção e no próprio ambiente de obras é alternar horários e turnos, assim como, trabalhar com equipe reduzida, para que não haja aglomerações.

Por outro lado, com o número de trabalhadores reduzido, os andamentos de diversas construções já apresentam atrasos, que acabam acarretando o descumprimento de prazos.

Manter o cronograma de obras e não atrasar a entrega é um dos maiores desafios do setor em meio à pandemia de Covid-19.

No entanto, os adiamentos tendem a ser recorrentes devido ao rodízio dos funcionários. As consequências destes atrasos devem incidir negativamente na reputação de construtoras e trazer prejuízos financeiros, como a prolongação de pagamentos de mão de obra.

Outros desafios impostos pela pandemia é a diminuição da procura pelos serviços da construção civil e o crescimento dos preços de matérias-primas.

Essa elevação encarece a obra e prejudica o andamento do planejamento financeiro. O alto custo dos materiais pode influenciar também no rompimento de contratos realizados previamente.

Ainda que existam pequenos riscos, as atividades do setor são imprescindíveis não só para a economia do nosso país, como também para a construção de unidades provisórias de saúde, que hoje são essenciais para o atendimento do número cada vez maior de pessoas infectadas pelo novo coronavírus no Brasil.

Em muitas cidades, estão sendo construídos hospitais de campanha, a fim de elevar o número de leitos e aumentar a capacidade de atendimento dos pacientes.

Para enfrentar a crise, a minha empresa decidiu modificar toda a forma de atendimentos de seus clientes. Criamos uma área em nosso site que possibilita que os clientes conversem com o nosso time de consultores pelo WhatsApp.

Isso facilitou bastante as vendas de nossos produtos. Além disso, estamos aproveitando o período de quarentena para aprimorar processos internos, fortalecer parcerias já existentes e buscar por novas oportunidades.

Este é um momento de reinvenção, não podemos ficar parados. É preciso lutar e acreditar em dias melhores, pois tudo isso vai passar.

* Simone Las Casas é diretora da empresa de revestimentos sustentáveis Ecogranito.

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Um terço dos pequenos negócios mineiros investiu em RH para enfrentar a pandemia

Estudo do Sebrae Minas mostra, ainda, que 40% destas empresas precisaram reduzir as capacitações das equipes nos últimos 18 meses.

Um terço dos pequenos negócios mineiros investiu em RH para enfrentar a pandemia

Como evitar a estagnação empresarial?

Já pensou no porquê de algumas pessoas continuarem a avançar pessoal e profissionalmente, enquanto outros permanecem estagnadas?

Como evitar a estagnação empresarial?

Híbrido e Inteligente: o que esperar do varejo no futuro

Nada do que foi será, de novo, do jeito que já foi um dia.

Híbrido e Inteligente: o que esperar do varejo no futuro

Produtos com Indicação Geográfica são conhecidos por 60% dos pequenos negócios

Pesquisa feita pelo Sebrae mostra que até mesmo os negócios que não sabem o que é uma IG gostariam de vender produtos típicos regionais.

Produtos com Indicação Geográfica são conhecidos por 60% dos pequenos negócios

Confusão patrimonial: como evitar esse tipo de dor de cabeça

Embora não seja proibido misturar o caixa da empresa com o pessoal, há conseqüências que podem ser graves ao proprietário ou aos sócios do negócio.

Confusão patrimonial: como evitar esse tipo de dor de cabeça

Nota conjunta Firjan e FIEMG sobre a crise energética

Federações apresentam suas sugestões para contribuir com o combate à crise energética.

Nota conjunta Firjan e FIEMG sobre a crise energética

Confiança dos pequenos negócios segue em crescimento pelo quarto mês consecutivo

Indústria lidera o ranking entre os setores e microempreendedores influenciam positivamente o resultado geral do Iscon em agosto.

Confiança dos pequenos negócios segue em crescimento pelo quarto mês consecutivo

Mesmo na crise econômica e sanitária, bancos aumentam as tarifas

Estudo do Idec aponta que, em meio à pandemia de covid-19, qualidade de serviços piorou e houve alta migração de consumidores para bancos digitais.

Mesmo na crise econômica e sanitária, bancos aumentam as tarifas

Comércio cresce 1,2% em julho e atinge patamar recorde

Trata-se da quarta alta consecutiva do indicador.

Comércio cresce 1,2% em julho e atinge patamar recorde

Pets em condomínios comerciais

Muitas pessoas já descobriam que ter um animal é ter um companheiro de verdade, além ser um excelente meio de afastar a solidão.

Pets em condomínios comerciais

Poupança tem retirada líquida de R$ 5,467 bilhões em agosto

Em 2021, a poupança acumula retirada líquida de R$ 15,629 bilhões.

Poupança tem retirada líquida de R$ 5,467 bilhões em agosto

Fusões & Aquisições batem recorde de negócios no Brasil

Especialista analisa o bom momento do setor. Confira a entrevista!

Fusões & Aquisições batem recorde de negócios no Brasil