Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Para instituições financeiras inflação cai 9,29% neste ano

Para instituições financeiras inflação cai 9,29% neste ano

24/08/2015 Da Redação

A estimativa para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) passou de 9,32% para 9,29%.

Após a estabilidade da semana passada, a projeção de instituições financeiras para a inflação este ano caiu.

A estabilidade e a queda vieram depois de 17 semanas seguidas de aumento na projeção para o IPCA. A projeção consta do Boletim Focus, publicação semanal elaborada pelo Banco Central (BC) com base em pesquisa a instituições financeiras sobre os principais indicadores econômicos.

Para 2016, a projeção de inflação é menor do que a deste ano, mas subiu pela terceira semana seguida, ao passar de 5,44% para 5,50%.

A meta de inflação é 4,5%, com limite superior de 6,5%.

Essa meta é definida pelo Conselho Monetário Nacional, formado pelos ministros da Fazenda e do Planejamento e pelo presidente do BC. Cabe ao BC manter a inflação dentro da meta estipulada e quando isso não acontece, o Banco Central tem de enviar carta ao Ministério da Fazenda, explicando o que levou o índice a extrapolar a meta.

Na tentativa de trazer a inflação para o centro da meta, o BC elevou a taxa básica de juros, a Selic, por sete vezes seguidas.

O Banco Central prevê que a inflação vai convergir para a meta em 2016 e indicou que não deve elevar mais a Selic na próxima reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), em setembro. Segundo o BC, os efeitos de elevação da Selic levam tempo para aparecer.

Para as instituições financeiras, a Selic deve permanecer em 14,25% ao ano até o fim de 2015 e ser reduzida em 2016. A projeção mediana, que desconsidera os extremos da estimativa, para o fim de 2016 passou de 11,88% para 12% ao ano.

A taxa é usada nas negociações de títulos públicos no Sistema Especial de Liquidação e Custódia (Selic) e serve como referência para as demais taxas de juros da economia.

Ao reajustá-la para cima, o BC contém o excesso de demanda que pressiona os preços, porque os juros mais altos encarecem o crédito e estimulam a poupança. Quando reduz os juros básicos, o Copom barateia o crédito e incentiva a produção e o consumo, mas alivia o controle sobre a inflação.

Fonte: Agência Brasil 



Produtores russos no Brasil

Os fabricantes russos apresentarão equipamentos e produtos para hospitais, clínicas e instituições médicas na Hospitalar.


Brasil abre mercado para investimento estrangeiro no setor aéreo

Senado aprova MP com 100% de capital estrangeiro ao setor aéreo brasileiro

Brasil abre mercado para investimento estrangeiro no setor aéreo

Mais de 80 milhões de brasileiros têm ao menos uma compra parcelada

61% dos consumidores admitem ter aproveitado oferta de crédito para fazer compras por impulso

Mais de 80 milhões de brasileiros têm ao menos uma compra parcelada

A polêmica sobre o uso do WhatsApp nas empresas

Há riscos em distribuir tarefas para empregados por aplicativos de comunicação instantânea? Especialista em direito trabalhista responde esta e outras dúvidas.

A polêmica sobre o uso do WhatsApp nas empresas

Microempreendedores Individuais já são 65% dos pequenos negócios mineiros

Estudo do Sebrae Minas mostra que Minas Gerais possui 953 mil microempresários formalizados

Microempreendedores Individuais já são 65% dos pequenos negócios mineiros

Inflação do aluguel acumula taxa de 7,78% em 12 meses

Segundo a Fundação Getúlio Vargas, em 2019 o indicador acumula taxa de 3,69%

Inflação do aluguel acumula taxa de 7,78% em 12 meses

Curso em BH orienta empreendedores como abrir uma franquia

A Associação Brasileira de Franchising (ABF) e o Sebrae Minas promovem o curso "Entendendo Franchising".


BNDES lança linha de financiamento para médias empresas

BNDES Crédito Direto Médias Empresas pretende contratar R$ 2 bilhões ao ano e induzir ganhos de produtividade, competitividade e governança.


O fim da Carteira de Trabalho

A Carteira de Trabalho, símbolo de uma era, está chegando ao seu fim.


Obras mineiras se destacam no Salão do Artesanato

Dos 19 estados participantes, Minas foi o 5° que mais comercializou na feira

Obras mineiras se destacam no Salão do Artesanato

Um terço dos ex-funcionários ainda têm acesso aos arquivos das empresas

As empresas se arriscam cada vez mais a perder dados, simplesmente porque não restringem as ações de funcionários atuais e antigos.

Um terço dos ex-funcionários ainda têm acesso aos arquivos das empresas

Safra de café terá redução de 17,4% em 2019

Conab prevê que país colherá 50,92 milhões de sacas de café neste ano

Safra de café terá redução de 17,4% em 2019