Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Percentual de famílias com dívidas volta a subir em novembro

Percentual de famílias com dívidas volta a subir em novembro

05/12/2019 Da Redação

O percentual de famílias com dívidas alcançou 65,1% do total (em outubro, era de 64,7%).

Percentual de famílias com dívidas volta a subir em novembro

O percentual de famílias que relataram ter dívidas entre cartão de crédito, cheque especial,  cheque pré-datado, crédito consignado, crédito pessoal, carnê de loja, prestação de carro e prestação da casa alcançou 65,1% em novembro de 2019, com aumento em relação aos 64,7% observados em outubro. Também houve alta em relação a novembro de 2018, quando o indicador chegou a 60,3% do total de famílias.

Já o percentual de famílias com dívidas ou contas em atraso diminuiu em novembro de 2019, na comparação com o mês imediatamente anterior, passando de 24,9% para 24,7% do total, interrompendo uma sequência de quatro altas mensais consecutivos. Porém, houve aumento do percentual de famílias inadimplentes na comparação com novembro de 2018  (22,9%).

“O endividamento não é necessariamente negativo, se não for acompanhado de um aumento expressivo da inadimplência. A dívida com responsabilidade e compatível com a renda possibilita a aquisição de bens importantes para as famílias, sejam eles bens duráveis ou até mesmo imóveis”, observou o presidente da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), José Roberto Tadros.

O percentual de famílias que declararam não ter condições de pagar suas contas ou dívidas em atraso e que, portanto, permaneceriam inadimplentes aumentou na comparação mensal para 10,2% em novembro, ante 10,1% em outubro. O indicador havia alcançado 9,5% em novembro de 2018.

Fonte: CNC



Acidente de trabalho na hora do almoço

O horário de almoço faz parte da jornada de trabalho do empregado.


Mais de 65 mil pescadores afetados por manchas de óleo receberão auxílio emergencial

Listas com os registros dos pescadores beneficiados e números por estado já estão disponíveis.

Mais de 65 mil pescadores afetados por manchas de óleo receberão auxílio emergencial

PIB cresce 0,6% no terceiro trimestre, revela IBGE

Na comparação com 3º trimestre de 2018, expansão é de 1,2%.

PIB cresce 0,6% no terceiro trimestre, revela IBGE

Setores recomendados para se investir neste final de ano

Em 2019, o Brasil passou por grandes mudanças estruturais, no que tange a política monetária expansionista.


Em cada dez brasileiros, dois foram vítimas de fraudes nos últimos 12 meses

Levantamento CNDL/SPC Brasil mostra que fim de ano é época propícia para ação de fraudadores.

Em cada dez brasileiros, dois foram vítimas de fraudes nos últimos 12 meses

Empresas devem começar já preparação para a reforma tributária, orienta consultor

Cerca de 4,5 milhões delas, que hoje estão no Simples Nacional ou no Lucro Presumido, tendem a migrar para o Lucro Real, o que exige organização interna e planejamento tributário.

Empresas devem começar já preparação para a reforma tributária, orienta consultor

Airbnb lança nova categoria para experiências gastronômicas e cultural

Com mais de 3.000 experiências, viajantes terão a oportunidade de conhecer receitas locais e únicas em mais de 75 países, incluindo o Brasil.

Airbnb lança nova categoria para experiências gastronômicas e cultural

CMN limita juros do cheque especial em 8% a partir de janeiro

Febraban critica tabelamento de taxa de juros.

CMN limita juros do cheque especial em 8% a partir de janeiro

Camex anuncia medida que zera imposto de importação de máquinas e equipamentos industriais

Camex anuncia medida que zera imposto de importação de máquinas e equipamentos industriais.


Confiança do Comércio diminui em novembro

Indicador passou para 97,8 pontos em uma escala de zero a 200.

Confiança do Comércio diminui em novembro

O problema do mercado editorial está no modelo de negócios

Ultimamente, muito se fala em crise no mercado editorial brasileiro.


Confiança do comércio cresce pelo terceiro mês consecutivo

Icec, que mede a confiança do empresário do setor, atingiu 122,5 pontos em novembro, com alta de 11,6% ante igual mês do ano passado.

Confiança do comércio cresce pelo terceiro mês consecutivo