Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Projeto de leitura com deficientes visuais ganham prêmio do PNUD

Projeto de leitura com deficientes visuais ganham prêmio do PNUD

02/01/2006 Da Redação

O trabalho voluntário de Dinorá Couto, uma bibliotecária aposentada do Distrito Federal para fomentar a leitura entre deficientes visuais com a ajuda de livros em Braille foi considerado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) como um bom exemplo brasileiro para as oito formas de mudar o mundo.

Ex-coordenadora do Sistema de Bibliotecas Públicas distrital e responsável pela Biblioteca Braille de Taguatinga, que ajudou a criar com a professora Dalila de Lara e duas alunas deficientes visuais, Neuma Pereira e Noeme Rocha. Dinorá Couto foi uma das vencedoras do Prêmio ODM, entregue em meados de dezembro pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva a 27 personalidades brasileiras com ações exemplares.

Dinorá, que trabalha como voluntária há dez anos na Biblioteca Braille Dorina Nowil, foi agraciada na categoria Destaques do Prêmio Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), instituído pelo PNUD, governo federal e Movimento Nacional de Cidadania e Solidariedade para destacar experiências que ajudem o País a avançar para atingir as oito metas estabelecidas para a ONU. Entre os diversos projetos criados na biblioteca, envolvendo 83 deficientes visuais e 58 escritores de Brasília, estão o "Luz e Autor em Braille" e o "Revelando Autores em Braille".

Ao lado de Dinorá, subiu ao palco para receber o troféu e o diploma das mãos do presidente Lula, em cerimônia realizada no Palácio do Planalto, a deficiente visual Neuma Miriam Pereira, que trabalha na biblioteca. A experiência foi selecionada por um júri composto por renomados especialistas que analisaram ações que são desenvolvidas em diversas regiões do Brasil para promover a inclusão social, maior alcance da cidadania e promoção dos direitos humanos para ajudar o País a alcançar os Oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio. 

O projeto da Biblioteca Braille Dorina Nowil é uma das 100 mil ações que estão sendo desenvolvidas em 2005 dentro do calendário do Ano Ibero-americano da Leitura, o Vivaleitura, comemorado no Brasil e em outros 20 países da Europa e das Américas.



Brasil tem 4,5 milhões de empresas, número em queda desde 2014

Pesquisa foi realizada pelo IBGE em todo o país.

Brasil tem 4,5 milhões de empresas, número em queda desde 2014

A arte de fazer pão no mundo da tecnologia

E as novas tendências de consumo!


Brasileiros ainda têm dificuldades em adotar práticas de consumo consciente

Preço de produtos orgânicos e separação do lixo para reciclagem são principais barreiras apontadas, revelam CNDL/SPC Brasil.

Brasileiros ainda têm dificuldades em adotar práticas de consumo consciente

O valor do cooperativismo no mundo hiperconectado

Um dos modelos de negócio mais revolucionários do mundo não nasceu no Vale do Silício e não é uma startup.


Prêmio Empreendedor Social abre votação para a categoria ‘Escolha do Leitor’

Categoria com recorde de engajamento no ano passado, Escolha do Leitor - que integra o 15º Prêmio Empreendedor Social - está com a votação aberta até 1º de novembro.


Gestão Ativa do caixa

Como rentabilizar o capital de sua empresa?


Segurança no trabalho

Diferencial para o êxito das organizações.


Contratação de temporários para o Natal será a maior em seis anos

CNC projeta criação de 91 mil postos de trabalho

Contratação de temporários para o Natal será a maior em seis anos

Atividade econômica cresce 0,07% em agosto no Brasil

Índice incorpora informações sobre o nível de atividade da indústria, comércio e serviços e agropecuária.


Gestão empresarial para a área da saúde

O êxito de um empreendimento voltado ao atendimento médico não depende somente da composição de um bom corpo clínico.


Como atrair e reter a geração Z?

O mercado de trabalho está começando a receber uma nova geração de profissionais, a chamada geração Z, que são os nascidos entre 1995 e 2010.


No mundo corporativo, “como vai?” deve ser uma pergunta sincera

Há alguns anos, quando passava por uma fase bastante difícil em minha vida, encontrei um vizinho no elevador, que me perguntou como eu ia.