Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Setor de franquias cresce 6,4% no primeiro semestre

Setor de franquias cresce 6,4% no primeiro semestre

26/08/2019 Da Redação

Apesar do resultado positivo, o setor já apresentou números mais positivos que os atuais.

Setor de franquias cresce 6,4% no primeiro semestre

O faturamento do setor de franquias nacional teve crescimento de 6,4% no primeiro semestre do ano. A receita subiu de R$ 79,496 bilhões para R$ 84,586 bilhões. Os dados são da Associação Brasileira de Franchising (ABF). Nos últimos 12 meses, a receita do mercado de franchising evoluiu 6,9%, atingindo R$ 179,933 bilhões.

Já no segundo trimestre io setor registrou crescimento nominal de 5,9%, em comparação a igual período do ano passado, com a receita evoluindo de R$ 40,734 bilhões para R$ 43,122 bilhões.

Segundo o presidente da ABF, André Friedheim, as redes de franquia “estão performando acima da média dos negócios independentes. Temos marcas fortes, ganho de escala, muita inovação”, disse. Ele relatou que o  mercado de franquias tem novos formatos que permitem que as empresas sejam mais eficientes na sua operação.

Apesar do resultado positivo,segundo o presidente da ABF, o setor já apresentou números mais positivos que os atuais, que sofreram o efeito da crise econômica.

“O grau de confiança do consumidor oscilou para baixo. Isso refletiu nas vendas do varejo como um todo. Nós não somos imunes a esse tipo de acontecimento.” Esse fator levou a ABF a rever a projeção de crescimento anual do faturamento de 8% para 7%. As demais projeções foram mantidas e envolvem aumento de 5% para o emprego, de 5% para unidades franqueadas e de 1% para redes franqueadas.

Fonte: Agência Brasil



Cemig é a única empresa do setor elétrico não europeia no Índice Dow Jones de Sustentabilidade

Cemig permanece na seleta lista de empresas do Dow Jones Sustainability Index World (DJSI World), por 20 anos consecutivos, como a única empresa do setor elétrico não europeia, desde a criação desse importante índice.


Governo do Egito quer expandir comércio com o Brasil

País africano quer ampliar parceria no melhoramento genético de gado bovino.

Governo do Egito quer expandir comércio com o Brasil

Amazon Prime: a nova investida da Amazon no Brasil

A Amazon lançou, na última terça-feira (10), um novo serviço no Brasil: o Amazon Prime. A notícia fez as ações das maiores varejistas do país – Magazine Luiza, B2W e Via Varejo – despencarem.


Startup Pegaki conecta e-commerces a pontos de venda e resolve problema de entrega

Ao invés de esperar encomendas pelo correio, consumidores podem retirá-las pessoalmente em unidades de empresas que atraem clientes para seu ponto de venda.


Competição vai conectar 150 startups a 5 mil empresas brasileiras que buscam “comprar” inovação

Até o dia 12 de outubro, o Amcham Arena promoverá o encontro das startups com lideranças empresariais.

Competição vai conectar 150 startups a 5 mil empresas brasileiras que buscam “comprar” inovação

Abertura de empresas brasileiras de tecnologia no Reino Unido dura apenas 15 minutos

Evento na Assespro - PR em Curitiba explicou tudo o que é preciso saber para abrir uma empresa brasileira de TI no país europeu.


Percentual de endividados aumenta em agosto e é o maior em seis anos

Oitava alta mensal consecutiva no endividamento alcançou 64,8% das famílias.

Percentual de endividados aumenta em agosto e é o maior em seis anos

Data-Driven Marketing

Por que é o momento de adotar a estratégia.


Amazon Prime é importante. Alibaba é ainda mais!

A verdadeira ameaça para o varejo nacional não está na Amazon.


Sete passos para ser mais produtivo no trabalho

Especialista da consultoria Wyser mostra como priorizar corretamente as tarefas para aumentar o rendimento.


Liberação do FGTS e PIS/Pasep vai impulsionar o consumo até o fim do ano

De acordo com CNC, comércio e serviços deverão ser positivamente impactados.

Liberação do FGTS e PIS/Pasep vai impulsionar o consumo até o fim do ano

Comércio varejista cresce 1% em julho

É o 3º resultado positivo do indicador, que acumula alta de 1,6%.

Comércio varejista cresce 1% em julho