Portal O Debate
Grupo WhatsApp


A ficção responde: o que querem as mulheres?

A ficção responde: o que querem as mulheres?

15/04/2015 Divulgação

Livro traz uma história repleta de reflexões sobre os desejos femininos e o papel da mulher na atualidade.

A ficção é um espaço para o imaginário construir e desconstruir estereótipos, criar heróis, viver aventuras insólitas e experimentar o prazer.

Existe um lugar melhor para a mulher exercer a sua liberdade? Se muitas mulheres ainda encontram restrições para se expressarem na vida real, nos livros elas tentam se libertar de quaisquer amarras. Ao fazerem literatura, as escritoras não estariam dizendo o que querem?

Uma análise histórica revela que os homens ocuparam o maior espaço da literatura mundial, construindo inúmeros personagens sob a perspectiva masculina. Por outro lado, não se pode negar que algumas escritoras conseguiram louvável reconhecimento na literatura, como Virgínia Wolff na Inglaterra, Simone de Beauvoir na França e Clarice Lispector no Brasil. Mas o sucesso não foi fácil para estas mulheres, pois elas ousaram escrever sobre uma sociedade que marginalizava a mulher, criando personagens contestadoras.

É neste ponto que surge uma pergunta: o que se pode dizer sobre as personagens criadas pelas próprias mulheres? Podem ser consideradas um reflexo do desejo feminino ou da imagem feminina de seu tempo?

No livro “Mariposa – asas que mudaram a direção do vento”, Patrícia Baikal traz uma heroína forte, independente e apaixonante. Mascarada como os heróis de HQ, ela conduz e protege Nicolas Vaz, um jovem senador que luta contra a corrupção. Se estávamos acostumados a ver heróis salvando mocinhas, neste livro o leitor verá justamente o contrário!

Para Lélia Almeida, mestre em literatura, “Mariposa, a mulher amada, o princípio feminino protetor que cuida de Nicolas Vaz é também o símbolo da transmutação e da mudança.” O título do livro não foi escolhido à toa. Mariposa é a metáfora da mulher do século XXI, a qual valoriza a liberdade, a sua identidade e também os seus valores. Não seria um retrato da figura feminina atual?

Além disso, Patrícia Baikal toma a voz do personagem fictício Nicolas Vaz para narrar, em primeira pessoa, a sua história: uma perspectiva feminina da visão masculina:

Era surpreendente como os lados tão diversos dela podiam se complementar tão perfeitamente, de forma que ela não seria tão encantadora se não fosse tão nociva. Sua face era o que mais me fascinava, porque não saber sua identidade me fazia pensar em quem seria ela, o que estaria fazendo naquela manhã, se teria amigos ou alguém a esperando ansioso como eu, e com tanta avidez.

O romance, que se passa num Brasil futurista de 2020, revela também a importância da presença feminina no universo político, ainda pouco conquistado pelas mulheres. Neste livro, os leitores não terão dúvida de que a ficção pode responder sim a esta pergunta: o que querem as mulheres?

Título: Mariposa: asas que mudaram a direção do vento
Autora: Patrícia Baikal
Editora: Editora Kiron
Páginas: 291
Ano: 2014
Gênero: Ficção
Preço: R$ 48,00



A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Bióloga e terapeuta holística, Jacqueline Naylah apresenta no livro "Eu te Benzo" tudo sobre o dom de benzer e o poder desse ato perpetuado ao longo da história da humanidade.

A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Dia de Finados: O que significa e como é celebrado em diferentes culturas?

Para algumas nações a data remete à tristeza; para outras; alegria e orgulho à memória dos falecidos.


Redes sociais: a cultura do ódio

Livro 'Psicanálise e Pandemia' discute a polarização nas redes sociais e suas consequências no contexto atual.

Redes sociais: a cultura do ódio

Envolvente ‘Alucinações’ mistura romance com mistério

Livro de Júlia Roscoe aborda os sentimentos com delicadeza e nos transporta para o universo da personagem.


Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’

Fabiano de Abreu lança seu oitavo livro visando uma nova ‘Filosofia na Educação Infantil’.

Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’

Livro retrata as alegrias e tristezas da Princesa Isabel

Historiadores analisam textos autobiográficos da Princesa Isabel e reúnem 20 anos de pesquisa em maior obra já publicada sobre a personagem.

Livro retrata as alegrias e tristezas da Princesa Isabel

Livro faz reflexão surpreendente de como encaramos as situações da vida

E-book "Mindset" é destaque de leitura no aplicativo Skeelo.


3,8 milhões de brasileiros acreditam em almas gêmeas

Escritora Valéria Veiga discute o poder do livre arbítrio de almas gêmeas em autobiografia detalhista, íntima e profunda sobre amor incondicional.


Audiolivros: nova tendência que otimiza o tempo

Em um mercado que só cresce, produtora nacional de audiolivros se destaca com a promoção de cultura e conhecimento de maneira facilitada.

Audiolivros: nova tendência que otimiza o tempo

Romance mostra a força da prosa na literatura marginal e periférica

Romance é ambientado na região do Barreiro, na periferia de Belo Horizonte.


Literatura noir: conheça o gênero em lançamento nacional

Romance policial do carioca Gino Netto narra a trama de Marcondes, um brasileiro envolvido em conspirações e projetos secretos.

Literatura noir: conheça o gênero em lançamento nacional

Escritora foge da Espanha e lança livro sobre violência doméstica

'40 antes dos 40 – Um passaporte salvou minha vida!' é leitura para todos que estão dispostos a embarcar em uma viagem de descobertas,  sonhos superação e amor próprio.

Escritora foge da Espanha e lança livro sobre violência doméstica