Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Dia de Finados: O que significa e como é celebrado em diferentes culturas?

Dia de Finados: O que significa e como é celebrado em diferentes culturas?

02/11/2020 Divulgação

Para algumas nações a data remete à tristeza; para outras; alegria e orgulho à memória dos falecidos.

A Igreja Católica celebra o 2 de novembro como o Dia dos Fiéis Defuntos, Dia de Finados ou Dia dos Mortos. A origem remete ao século II, quando alguns cristãos rezavam pelos falecidos e visitavam seus túmulos.

No século XIII, um decreto do abade de Cluny – que dirigia o maior mosteiro da Idade Média - determinou que os monges sob sua jurisdição lembrassem o dia dos mortos em 2 de novembro. Assim, ao longo dos séculos, o Dia de Finados entrou para o calendário civil de vários países.

Segundo a cultura de cada nação, a data ganha aspectos diferentes. “Para nós, ocidentais, representa um dia de lamentações e saudades. Porém, temos que guardar no coração as lembranças e os momentos felizes”, explica Odil Campos, médium e autor do livro A Terra e Seus Universos (ed. Flor de Lis, 216 págs.), que remete ao assunto.

Brasil
O ritual mais comum em nosso país é visitar os cemitérios, colocar velas, flores nos túmulos dos falecidos e fazer orações.

Missas também costumam ser celebradas nesses locais, mas em virtude da pandemia de Covid-19 e para evitar aglomerações, cada município adotou regras próprias. Assim, é importante verificar se haverá cerimônias nos cemitérios.

México
Esse é um dos países em que celebração deixa de lado a tristeza, é encarada de maneira alegre e festiva. As pessoas usam fantasias coloridas de caveiras, constroem altares dentro das casas e preparam as comidas e bebidas preferidas de quem já se foi.

A ideia é relembrar com orgulho a memória dos falecidos.

Espanha
Nesse país a celebração é feita em 1º de novembro. As pessoas costumam retornar para suas cidades de origem, visitar os cemitérios onde estão seus entes queridos usando roupas em tons coloridos, vibrantes e num clima mais festivo.

Flores são levadas aos túmulos à noite, junto com um doce chamado Osso dos Santos - feito de marzipã, ovos e calda de mel com água e açúcar. A iguaria é utilizada como sobremesa nessa data.

Japão
A data é lembrada em 15 de agosto e trata-se de um momento para prestar homenagens aos ancestrais. As celebrações duram três dias e incluem danças e comidas especiais.

Os japoneses também costumam retornar ao lar em que os antepassados da família viveram e limpar as lápides dos falecidos.

Índia
No período chamado Pitri Paksha – que compreende 16 dias lunares no calendário hindu – o hábito é prestar homenagem aos ancestrais, especialmente por meio de ofertas de alimentos. O culto é feito para honrar sete gerações passadas.

Fonte: Mem & Mem Comunicação




A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Bióloga e terapeuta holística, Jacqueline Naylah apresenta no livro "Eu te Benzo" tudo sobre o dom de benzer e o poder desse ato perpetuado ao longo da história da humanidade.

A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Redes sociais: a cultura do ódio

Livro 'Psicanálise e Pandemia' discute a polarização nas redes sociais e suas consequências no contexto atual.

Redes sociais: a cultura do ódio

Envolvente ‘Alucinações’ mistura romance com mistério

Livro de Júlia Roscoe aborda os sentimentos com delicadeza e nos transporta para o universo da personagem.


Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’

Fabiano de Abreu lança seu oitavo livro visando uma nova ‘Filosofia na Educação Infantil’.

Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’

Livro retrata as alegrias e tristezas da Princesa Isabel

Historiadores analisam textos autobiográficos da Princesa Isabel e reúnem 20 anos de pesquisa em maior obra já publicada sobre a personagem.

Livro retrata as alegrias e tristezas da Princesa Isabel

Livro faz reflexão surpreendente de como encaramos as situações da vida

E-book "Mindset" é destaque de leitura no aplicativo Skeelo.


3,8 milhões de brasileiros acreditam em almas gêmeas

Escritora Valéria Veiga discute o poder do livre arbítrio de almas gêmeas em autobiografia detalhista, íntima e profunda sobre amor incondicional.


Audiolivros: nova tendência que otimiza o tempo

Em um mercado que só cresce, produtora nacional de audiolivros se destaca com a promoção de cultura e conhecimento de maneira facilitada.

Audiolivros: nova tendência que otimiza o tempo

Romance mostra a força da prosa na literatura marginal e periférica

Romance é ambientado na região do Barreiro, na periferia de Belo Horizonte.


Literatura noir: conheça o gênero em lançamento nacional

Romance policial do carioca Gino Netto narra a trama de Marcondes, um brasileiro envolvido em conspirações e projetos secretos.

Literatura noir: conheça o gênero em lançamento nacional

Escritora foge da Espanha e lança livro sobre violência doméstica

'40 antes dos 40 – Um passaporte salvou minha vida!' é leitura para todos que estão dispostos a embarcar em uma viagem de descobertas,  sonhos superação e amor próprio.

Escritora foge da Espanha e lança livro sobre violência doméstica

A presença e a influência do rock dentro de ficções

Livro 'Cinco Máscaras' do jornalista Carlo Antico, destaca o rock na literatura além das biografias e autobiografias.

A presença e a influência do rock dentro de ficções