Portal O Debate
Grupo WhatsApp

O bom jornalismo morreu?

O bom jornalismo morreu?

15/03/2022 Divulgação

Carlos Monforte discute os efeitos da digitalização do jornalismo em novo livro.

O bom jornalismo morreu?

Um dos primeiros âncoras do telejornalismo brasileiro, Carlos Monforte começou a carreira na década de 1970, quando atuou em jornais como A Tribuna, O Estado de S. Paulo e O Globo. Ele viu o surgimento e a expansão das mídias digitais, que agora colocam em cheque o exercício da profissão.

Em O Papel do Jornalismo Sem Papel, lançado pela Matrix Editora, Monforte levanta o debate sobre o impacto da internet nas redações. Afinal, somente em 2021, o declínio no número de jornais impressos foi de 13,6%, confirmando a tendência de queda registrada há anos nas tiragens dos principais periódicos brasileiros.

Monforte viveu um período marcante das redações de jornais impressos brasileiros. No livro, ele descreve com riqueza de detalhes e toques de nostalgia a agitação dos repórteres na busca incessante por informações, o cheiro de tinta que saía direto das máquinas de escrever e os sons de passos apressados, telefonemas e conversas que tomavam conta do ambiente.

O principal debate levantado na obra é a relação entre a internet e a veracidade das informações que circulam a todo momento. As inovações digitais garantiram que as notícias rápidas ganhassem mais a atenção do público, mas também passassem a ser questionadas. Para o autor, a busca pela credibilidade é o único caminho para combater fake news e distorção de fatos.

Haverá cada vez mais a interação dos indivíduos interferindo
nessas formas de comunicação, no tráfego dessas informações.
Cada um tem sua visão de mundo, não necessariamente a visão com
a qual todos concordam, e é preciso saber escolher em quem acreditar.
(O papel do jornalismo sem papel, pg. 192)

Apesar de concordar que os veículos impressos fatalmente deixarão de circular, Monforte acredita que o jornalismo seguirá essencial para a defesa da democracia. Neste sentido, o autor defende o potencial de renovação do profissional para se manter como personagem essencial no debate e disseminação dos temas de interesse público.

Ficha técnica:
Livro: O Papel do Jornalismo Sem Papel
Autor: Carlos Monforte
Editora: Matrix Editora
ISBN: 978-65-5616-197-6
Páginas: 208
Formato: 16 x 23 cm
Preço: R$ 47,00
Onde encontrar: Matrix Editora

Para mais informações sobre livros clique aqui.

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: LC Agência de Comunicação



Onde andará o senhor coelho? traz diversão para as crianças nesta Páscoa

Livro da Editora de Cultura tem texto poético de Penélope Martins e ilustração de Camila Teresa.


O segredo para incentivar a leitura

Só não gosta de ler, quem não encontrou o livro certo.

O segredo para incentivar a leitura

Dia Nacional do Livro: hábito da leitura aumentou na pandemia

Entre janeiro e setembro deste ano houve aumento nas vendas de 39% em comparação ao mesmo período de 2020.

Dia Nacional do Livro: hábito da leitura aumentou na pandemia

Modelo de negócio brasileiro é destaque na Feira do Livro de Frankfurt

Skeelo é um exemplo de inovação e pioneirismo do mercado editorial brasileiro.

Modelo de negócio brasileiro é destaque na Feira do Livro de Frankfurt

Gêmeas Melissa e Nicole lançam quinto livro da carreira

Irmãs são fenômeno na web com mais de 4 bilhões de visualizações em seus vídeos.

Gêmeas Melissa e Nicole lançam quinto livro da carreira

Crianças de Ribeirão Preto lançam livros virtuais inclusivos

Biblioteca virtual apresenta livros narrados em áudio e traduzidos para a Língua Brasileira de Sinais.

Crianças de Ribeirão Preto lançam livros virtuais inclusivos

Não existe museu no mundo como a casa da nossa avó

Livro infantojuvenil faz homenagem às avós de todo mundo.


A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Bióloga e terapeuta holística, Jacqueline Naylah apresenta no livro "Eu te Benzo" tudo sobre o dom de benzer e o poder desse ato perpetuado ao longo da história da humanidade.

A sabedoria ancestral do benzimento: um ato de amor e fé

Dia de Finados: O que significa e como é celebrado em diferentes culturas?

Para algumas nações a data remete à tristeza; para outras; alegria e orgulho à memória dos falecidos.


Redes sociais: a cultura do ódio

Livro 'Psicanálise e Pandemia' discute a polarização nas redes sociais e suas consequências no contexto atual.

Redes sociais: a cultura do ódio

Envolvente ‘Alucinações’ mistura romance com mistério

Livro de Júlia Roscoe aborda os sentimentos com delicadeza e nos transporta para o universo da personagem.


Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’

Fabiano de Abreu lança seu oitavo livro visando uma nova ‘Filosofia na Educação Infantil’.

Livro aborda educação infantil atual com foco no ‘combate à dispersão’