Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A cidade de Xica da Silva ganha novo espaço cultural

A cidade de Xica da Silva ganha novo espaço cultural

26/07/2010 Divulgação

Um novo cine-teatro, um Galpão oficina próprio destinado ao restauro são motivos para a sociedade de Diamantina, em Minas Gerais, festejar. O espaço cultural é resultado da parceria entre o Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - Iphan e a prefeitura municipal. O local que passará a se chamar Galpão oficina escola José Lopes de Figueiredo (homenagem a um antigo mestre da equipe de obras de 1938 a 1974) vai abrigar o atual grupo responsável por intervenções de restauração estrutural e arquitetônica naquela região.

Uma curiosidade é que no galpão está instalada uma marcenaria completa e as madeiras apreendidas pelo Ibama serão utilizadas nas obras que o Iphan realizará em Diamantina. A oficina da equipe ficava na Casa de Chica da Silva, onde funciona o escritório técnico do Iphan, e agora, com essa nova unidade, o espaço utilizado foi adaptado para a instalação do Cine Mais Cultura, do Ministério da Cultura.

Os investimentos foram de R$ 1,7 milhão, do Programa Monumenta, em parceria com a prefeitura de Diamantina, que recuperou o prédio da Cadeia Velha, restaurando a fachada e requalificando o imóvel para a implantação do espaço cultural.

O Iphan investiu ainda mais R$ 600 mil para a aquisição das poltronas, sonorização e vídeo, mobiliário administrativo, iluminação cênica e vestimentas cênicas.

A Cadeia Velha e o Teatro Santa Izabel

O imóvel no coração de Diamantina é um marco na história local. No início do século XIX, o antigo quartel, no Largo do Rosário, foi adquirido pelo Hospital de Caridade, hoje Santa Casa de Caridade de Diamantina, para ser transformado em casa de espetáculo e angariar recursos para o tratamento de pacientes pobres. Desta forma, o Teatro Santa Izabel foi inaugurado em quatro de julho de 1838, dia em que se comemora a santa padroeira do hospital. Neste local foram realizados grandes espetáculos, festas de casamentos, bailes, saraus e as folias de Momo.

A partir de 1907, funcionou como cinema. No entanto, com a crise econômica do início do século XX, o teatro foi fechado e, em 1912, o prédio foi demolido. Em seu lugar, foi construída a Cadeia Pública de Diamantina que funcionou até a década de 1980, quando foi desativada. Desde então, o imóvel ficou abandonado e foi se deteriorando com a ação do tempo.

Em 2007 o Programa Monumenta começou os trabalhos de requalificação da Cadeia Velha. A fachada de arquitetura eclética foi mantida, e o imóvel recebeu ainda um acréscimo construtivo. A comunidade de Diamantina possui um espaço moderno para a apresentação de peças teatrais ou exibição de filmes. O auditório é um ambiente com ar condicionado e sofisticado sistema de sonorização e vídeo. São 128 lugares, incluindo área para portadores de necessidades especiais. As poltronas são estofadas e numeradas, com assento rebatível e braços em madeira maciça. Ao fundo do palco estão os camarins com instalação sanitária e bancada para maquiagem. O prédio possui área administrativa, com dois guichês de bilheterias e espaço para reuniões, banheiros para o público com as adaptações necessárias aos portadores de necessidades especiais, foyer, sala multiuso e área externa para eventos.

Acesse: Word Press

Twitter



Mostra Presépios no imaginário mineiro reúne 45 peças de todo o estado

Exposição, que fica em cartaz até o dia (16/01/2022), apresenta trabalho de 40 artesãos mineiros.

Mostra Presépios no imaginário mineiro reúne 45 peças de todo o estado

BH recebe pela primeira vez Mostra “Short Export – Alemanha”

Produções serão exibidas no SESC Palladium dia 5 de dezembro com entrada franca.

BH recebe pela primeira vez Mostra “Short Export – Alemanha”

Museu Mineiro ganha acessibilidade para surdos

Parceria da Secult, Sede, Seed e startups leva tecnologia e acessibilidade para o turismo mineiro.

Museu Mineiro ganha acessibilidade para surdos

Exposição gratuita de Alfredo Ceschiatti será inaugurada em BH

Mostra de um dos mais importantes nomes do modernismo brasileiro e mundial integra celebrações do centenário da Semana de Arte Moderna.

Exposição gratuita de Alfredo Ceschiatti será inaugurada em BH

Museu da História e Cultura Afro-Brasileira é inaugurado no Rio de Janeiro

Espaço funcionará de quinta a sábado, com entrada franca.

Museu da História e Cultura Afro-Brasileira é inaugurado no Rio de Janeiro

Senado aprova feriado nacional em homenagem a Santa Dulce dos Pobres

Novo feriado nacional seria no dia 13 de março.

Senado aprova feriado nacional em homenagem a Santa Dulce dos Pobres

Sesc disponibiliza vagas para jovens em cursos de coral, dança e orquestra

Serão oferecidas 101 vagas para as turmas de 2022. Inscrições até 3 de dezembro de 2021

Sesc disponibiliza vagas para jovens em cursos de coral, dança e orquestra

Festival de Brasília divulga filmes das mostras competitivas

Filmes serão exibidos de forma virtual na 54º edição do festival.

Festival de Brasília divulga filmes das mostras competitivas

Abertas as inscrições para o 49° Concurso Nacional de Presépios da Faop

Iniciativa busca preservar modo de expressão da arte e da religiosidade popular.

Abertas as inscrições para o 49° Concurso Nacional de Presépios da Faop

Festival Dança em Trânsito chega à sua 19ª edição

Em formato híbrido, festival percorre 25 cidades de dez estados.

Festival Dança em Trânsito chega à sua 19ª edição

Mulheres na Ciência é tema de exposição temporária no Museu Catavento

Painéis monumentais apresentam 12 cientistas de diferentes épocas.

Mulheres na Ciência é tema de exposição temporária no Museu Catavento

Pequenos negócios que investem na Cultura têm isenção de impostos

Iniciativa também favorece o marketing institucional de empresas e estimula a revitalização cultural e desportiva.