Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Bloco da Fofoca promete atrair multidão ao centro de BH

Bloco da Fofoca promete atrair multidão ao centro de BH

27/02/2019 Divulgação

O desfile de 2019 ocorre dia 3 de março, a partir das 14h30, na Av. Afonso Pena, em BH

Bloco da Fofoca promete atrair multidão ao centro de BH

Um grande mar de saias rodadas vai colorir a Av. Afonso Pena na tarde do domingo de carnaval, 3 de março. O Bloco da Fofoca ultrapassa, em 2019, a marca de 150 dançantes e se consolida como o maior corpo de baile entre os blocos de rua de Belo Horizonte.

O que embala essa folia é o carimbó paraense, que desde 2014, a Fofoca leva para as ruas de BH. Tanto bateria como corpo de baile são abertos a quem quiser participar, sem restrição de corpos ou idades. Crianças, adultos e idosos se misturam na festa, e muitas famílias se reúnem para curtirem, juntas, o carimbó.

Para garantir a qualidade do que vai para a avenida, o bloco oferece ao longo do ano oficinas gratuitas de dança e percussão, ministradas por integrantes do Grupo Folclórico Aruanda, um dos mais importantes na difusão da cultura popular brasileira há quase 60 anos.

O repertório traz os maiores clássicos do carimbó com canções de Dona Onete, Lia Sophia, Mestre Verequete, Pinduca e Mestre Lucindo. Este ano apresentam canções autorais do carimbó-mineiro da banda Tutu com Tacacá, que se formou a partir do bloco.

Serviço:
Cortejo de carnaval – Bloco da Fofoca Carimbó
Data: 03 de março (Domingo de Carnaval)
Concentração: às 14h30, na Rua Espírito Santo, 757 (na altura da Igreja São José)
Facebook: https://www.facebook.com/blocodafofoca
Instagram: @blocodafofoca



Organização lança concurso para novos roteiristas

Concurso vai selecionar 45 roteiros de estreantes.

Organização lança concurso para novos roteiristas

Grupo Ponto de Partida oferece residência artística gratuita a distância

Inscrições vão até o dia 4/7; atividade é patrocinada pela Cemig através da Lei Estadual de Incentivo à Cultura de Minas Gerais

Grupo Ponto de Partida oferece residência artística gratuita a distância

Cirque du Soleil pede recuperação judicial após crise por pandemia

Empresa de entretenimento está com receita zero desde o fechamento forçado de todos os shows devido à Covid-19.

Cirque du Soleil pede recuperação judicial após crise por pandemia

Tiradentes conquista melhor pontuação dos últimos anos no ICMS Patrimônio Cultural

​A pontuação de Tiradentes foi a maior entre as 24 cidades integrantes do Circuito Turístico Trilha dos Inconfidentes.

Tiradentes conquista melhor pontuação dos últimos anos no ICMS Patrimônio Cultural

Sessenta anos de Brasília são tema de concurso do Arquivo Nacional

Objetivo é ampliar democratização, difusão e acessibilidade de acervos.

Sessenta anos de Brasília são tema de concurso do Arquivo Nacional

Teatro Santo Agostinho oferece gravação e transmissão de vídeos de artistas mineiros

Saiba como participar do processo seletivo. Prazo para envio de projetos se encerra no dia 21 de junho.

Teatro Santo Agostinho oferece gravação e transmissão de vídeos de artistas mineiros

Prêmio CNT 2020 abre inscrições e busca valorizar o jornalismo de qualidade

Jornalistas e fotógrafos têm até o dia 10 de agosto para inscrever seus trabalhos.

Prêmio CNT 2020 abre inscrições e busca valorizar o jornalismo de qualidade

Clássico musical ‘Peter Pan’ ganha versão online

Montagem de "Peter Pan" da Cyntilante Produções será transmitido no dia 21 de junho nas redes sociais do Diversão em Cena ArcelorMittal.

Clássico musical ‘Peter Pan’ ganha versão online

BDMG Cultural lança editais do programa Lab Cultural

Programa seleciona propostas de Artes Cênicas, Artes Visuais e Música e Experimentação Sonora.

BDMG Cultural lança editais do programa Lab Cultural

Centro histórico de Congonhas será revitalizado

Cidade fez parte do chamado Ciclo de Ouro de Minas Gerais.

Centro histórico de Congonhas será revitalizado

7º Prêmio de Arquitetura Instituto Tomie Ohtake prorroga inscrições

As inscrições são gratuitas e podem ser realizadas até o dia 08 de julho.


Livros sobre discriminação racial se tornam best-sellers nos EUA

Muitos estão esgotados e volumes usados chegam a custar 50 dólares.

Livros sobre discriminação racial se tornam best-sellers nos EUA