Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Festival da Loucura resgata história de Barbacena

Festival da Loucura resgata história de Barbacena

14/03/2006 Da Redação

A dualidade tão bem descrita pelo teólogo e filósofo holandês Erasmo em "Elogio a Loucura" - 1509 é uma das facetas da loucura, distúrbio que faz de seus portadores seres ao mesmo tempo incompreendidos e geniais. O tema, quase sempre tratado com restrições, foi abraçado pela cidade de Barbacena e vai virar festival, idealizado pelo secretário de Turismo da cidade, Ralph Justino, e realizado pela Cenatur – Empresa Municipal de Turismo.

A fama de Barbacena, conhecida como “cidade dos loucos” é antiga. Em 1903, pode determinação do Dr. Joaquim Dutra, primeiro diretor da Assistência aos Alienados de Minas Gerais, foi instalado na cidade o Hospital Colônia, que centralizou todo o atendimento psiquiátrico no Estado. Durante 30 anos, hospital funcionou de forma aceitável. Gradativamente, porém, veio a superlotação. Pacientes de toda parte eram abandonados na cidade sob condições precárias de funcionamento, que perduraram por muitas décadas. Calcula-se que cerca de 60 mil pessoas lá faleceram, em geral de causas como diarréia, sífilis ou fome – nunca de loucura. Somente na década de 70 do século passado uma forte reação de médicos, jornalistas e intelectuais de diversas áreas levou a uma reavaliação das condições de tratamento então vigentes.

Nos dias 30 e 31 de março (quinta e sexta-feira) e 1o e dois de abril (sábado e domingo) a cidade assume sua porção maluca e sedia o Festival da Loucura. A preservação dessa história e a desmistificação da doença, abordados sob a ótica artística, intelectual e social, é o que pretende a Cenatur durante esses quatro dias de realização do evento.

Grandes artistas nacionais vão mostrar para população de Barbacena e seus visitantes uma programação muito bem elaborada e o que é melhor, gratuita. Shows do cantor Lobão, do instrumentista com fama internacional, Hermeto Paschoal e do genial compositor Tom Zé, todos malucos assumidos. Além disso, haverá apresentações teatrais, performances, cinema, exposições de artes plásticas, como a de Mário Mendonça, um dos mais conceituados artistas contemporâneos que apresenta seus quadros sobre o louco Dom Quixote. Espaços como o Salão do Humor, o Museu do Inconsciente, que mostra o trabalho desenvolvido pela médica Nise da Silveira, o Museu Contemporâneo do Bispo do Rosário, com a participação do artista Gilmar Ferreira que apresentará uma performance no mínimo, inusitada: como suas obras são feitas de alimentos, elas poderão ser degustadas depois de apreciadas. Enfim, um leque de opções, onde também não faltará a boa gastronomia, recheada com o tempero e os ingredientes que a só a loucura tem.



Exposição de fotografia ‘France eMotion’ chega a São Paulo em novembro

Exposição “France eMotion, Le Voyage Animé” reúne fotografia e animação digital.

Exposição de fotografia ‘France eMotion’ chega a São Paulo em novembro

Belo Horizonte recebe espetáculo “Glauco” na Funarte MG

Peça tem como de partida a obra do poeta marginal paulistano Glauco Mattoso.

Belo Horizonte recebe espetáculo “Glauco” na Funarte MG

Festival exibe mais de 150 curtas-metragens de graça no Rio

O Curta-Cinema, Festival Internacional de Curta-Metragem do Rio de Janeiro  vai até o dia 6 de novembro.

Festival exibe mais de 150 curtas-metragens de graça no Rio

Projeto “Santa Leitura” apresenta novidades em BH

Todo último sábado de cada mês, o projeto levará para a praça escritores independentes de todo o Brasil.

Projeto “Santa Leitura” apresenta novidades em BH

5º Prêmio Copasa Sinparc de Artes Cênicas reverencia melhores do teatro mineiro

Cerimônia de premiação será no dia 29 de outubro, no Cine Theatro Brasil Vallourec.

5º Prêmio Copasa Sinparc de Artes Cênicas reverencia melhores do teatro mineiro

Brasília recebe 1º Festival Afirmativo de Dança em novembro

Evento acontece de 18 a 23 de Novembro de 2019 no Sesc Setor Comercial Sul


Circuito vai integrar atrações culturais do centro histórico do Rio

Circuito Caminhos do Brasil-Memória reúne onze museus e centros culturais.

Circuito vai integrar atrações culturais do centro histórico do Rio

Museu mineiro está com nova exposição temporária em BH

Mostra “Não Há Estagnação - Apenas Movimentos Tempestuosos” reúne acervos dos sete museus de Minas.

Museu mineiro está com nova exposição temporária em BH

Belo Horizonte recebe mostra que discute temáticas socioambientais

8ª Mostra Ecofalante de Cinema Ambiental pode ser vista no MIS Cine Santa Tereza.

Belo Horizonte recebe mostra que discute temáticas socioambientais

Feminismo é tema da Festa Literária das Periferias no Rio

Flup tem como temática central neste ano o feminismo negro e a poesia falada.

Feminismo é tema da Festa Literária das Periferias no Rio

Biblioteca Pública recebe exposição sobre a autora Ruth Rocha

A mostra, com entrada franca, ficará em cartaz entre os dias 14 de outubro e 30 de novembro.


Belo Horizonte ganha Núcleo de Produção Digital

As inscrições para diversos cursos ofertados podem ser feitas até o dia 22 de outubro.

Belo Horizonte ganha Núcleo de Produção Digital