Portal O Debate
Grupo WhatsApp

A perda auditiva se manifesta em qualquer idade

A perda auditiva se manifesta em qualquer idade

03/12/2021 Alexandre Fernandes de Azevedo

A perda auditiva é uma queixa quase diária no consultório do otorrinolaringologista.

A perda auditiva se manifesta em qualquer idade

Existem estimativas de que cerca de 5% da população brasileira apresenta algum grau de surdez e as doenças que acometem o ouvido ou as vias auditivas são inúmeras.

A causa mais frequente é aquela que acontece à medida que envelhecemos, a chamada Presbiacusia, que em alguns casos (principalmente naqueles com histórico familiar) pode aparecer até um pouco mais cedo do que as pessoas normalmente imaginam.

Mas existem muitas outras causas que podem se manifestar em qualquer idade. A surdez decorrente das doenças infecciosas, por exemplo, ainda é muito prevalente em nosso meio. Dentre elas podemos destacar a infecção congênita por Citomegalovírus, um vírus que causa sintomas leves em adultos, mas que quando acomete o feto, ainda dentro do útero, pode acarretar surdez profunda. Além dela, infecções como a Meningite, a Rubéola e a Caxumba também podem cursar com perdas auditivas.

Outro diagnóstico frequente em crianças é a surdez de etiologia genética. Dentro deste grupo existem várias alterações que podem ocasionar déficits auditivos. Algumas delas são sindrômicas, ou seja, a surdez vem acompanhada de outras alterações como problemas cardíacos, renais, oculares, entre outros. Entretanto, o mais comum é a surdez genética não sindrômica, em que a perda auditiva aparece como sintoma único e que é sempre mais difícil de diagnosticar.

No caso da surdez genética existem testes que podem diagnosticar as mutações mais comuns. A mais frequente é a mutação no gene que codifica uma proteína chamada Conexina 26. Só que antes disso é preciso identificar as crianças que efetivamente apresentam perda auditiva, de preferência antes que elas completem os 3 meses de idade. Para isso temos a triagem auditiva neonatal, que desde 2010 é obrigatória no Brasil. Todas as crianças devem fazer o teste da orelhinha ainda na maternidade e se houver alguma alteração precisam ser encaminhadas ao especialista para uma avaliação mais detalhada. A confirmação da deficiência auditiva deve ser feita com uma série de outros exames, pois nem sempre um primeiro teste alterado significa que a criança possua algum problema.

Ao se diagnosticar a surdez, o tratamento específico ou a reabilitação devem ser instituídos de forma rápida, para evitar atrasos no desenvolvimento. O tratamento da surdez varia conforme o diagnóstico, o grau da perda auditiva e as características individuais de cada paciente. Em alguns casos podemos fazer o tratamento da doença, mas se isso não for factível, existe a possibilidade da reabilitação auditiva através de aparelhos de amplificação sonora ou por próteses implantadas cirurgicamente. Dentre as últimas podemos citar as próteses osteoancoradas, que são implantadas no osso. Elas são indicadas para pacientes com malformações da orelha externa ou média e em casos de surdez unilateral.

No caso de pacientes com surdez severa bilateral, existe a opção do Implante Coclear, que deve ser indicado de forma criteriosa pelo otologista após uma avaliação multidisciplinar. Esse tipo de implante possui um componente externo que capta o som e o retransmite a outro componente interno (implantável). Neste, a energia sonora é transformada em estímulo elétrico que, através de um eletrodo inserido dentro da orelha interna, estimula diretamente o nervo auditivo. Dessa maneira é possível recuperar a audição de uma gama de indivíduos com quadro de surdez.

É importante salientar que cada caso deve ser avaliado individualmente e as opções terapêuticas cuidadosamente discutidas para que não se crie falsas expectativas. Quando seguimos todos esses passos, criteriosamente, os resultados tendem a ser muito bons.

* Alexandre Fernandes de Azevedo, Otorrinolaringologista e Otologista do Corpo Clínico do Biocor Instituto, mestre em Infectologia pela UFMG.

Para mais informações sobre Audição clique aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Plano de saúde e a limitação de sessões de tratamento

Decisão recente do juiz de Direito Luciano Gonçalves Paes Leme, da 3ª vara Cível de Tatuapé/SP serve como precedente em favor do beneficiário em casos nos quais o plano de saúde negue a cobertura de tratamento.

Plano de saúde e a limitação de sessões de tratamento

A confusa e trapalhona decisão da OMS sobre a Síndrome de Burnout

Uma das dificuldades envolvendo o tema “Burnout” é que a noção ganhou status de dogma religioso.

A confusa e trapalhona decisão da OMS sobre a Síndrome de Burnout

TDAH não é um distúrbio exclusivamente infantil

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) afeta uma pequena parcela da população.

TDAH não é um distúrbio exclusivamente infantil

Dores e má postura em crianças podem estar ligadas ao encurtamento muscular

Redução da amplitude de movimento e vícios de postura são os principais sinais de os músculos estão encurtados.

Dores e má postura em crianças podem estar ligadas ao encurtamento muscular

Burnout agora é síndrome ocupacional: o que as empresas podem fazer?

Síndrome é relacionada ao ambiente de trabalho.

Burnout agora é síndrome ocupacional: o que as empresas podem fazer?

É verdade que o apêndice é um órgão desnecessário?

A retirada de apêndice é uma operação considerada comum na cirurgia geral.

É verdade que o apêndice é um órgão desnecessário?

Prevenção é o principal fator de manutenção da saúde

O isolamento social durante pandemia mudou radicalmente a rotina em todos os aspectos.

Prevenção é o principal fator de manutenção da saúde

Portal de telemedicina ultrapassa a marca de um milhão de atendimentos realizados

Plataforma de teleconsulta expandiu durante a pandemia.

Portal de telemedicina ultrapassa a marca de um milhão de atendimentos realizados

Tipos de shampoo: anticaspa, matizador e muito mais!

Descubra as principais características dos mais variados tipos de shampoo para cada tipo de cabelo.

Tipos de shampoo: anticaspa, matizador e muito mais!

O que é bom para estrias? Como evitar, tirar e muito mais!

Descubra quais são os tipos de estrias e quais os melhores tratamentos para combatê-las.

O que é bom para estrias? Como evitar, tirar e muito mais!

Campanha “Janeiro Roxo” promove conscientização sobre a hanseníase

O Brasil é o segundo país com maior número de casos da doença no mundo.

Campanha “Janeiro Roxo” promove conscientização sobre a hanseníase

Minas supera eixos tradicionais de saúde e deixa legado no combate à pandemia

Uma das frases que mais me marcaram na pandemia foi: “Dormi com minha irmã viva e acordei com a notícia de que ela estava quase morrendo”.

Minas supera eixos tradicionais de saúde e deixa legado no combate à pandemia