Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Alergia alimentar: novo exame detecta gravidade das reações

Alergia alimentar: novo exame detecta gravidade das reações

14/07/2015 Divulgação

Cientistas elaboram método menos invasivo para diagnosticar grau de reações alérgicas provocadas por alimentos.

Um estudo publicado  no periódico The Annals of Allergy, Asthma & Immunology traz uma boa notícia para quem tem algum tipo de alergia alimentar - ou é mãe ou pai de uma criança que sofre com esse problema.

Um grupo de cientistas liderado pela pediatra e professora especializada em alergia e imunidade, Xiu-Min Li, desenvolveu um novo tipo de exame. Basta uma simples amostra de sangue para saber qual é o nível de gravidade das reações provocadas por certos alimentos.

Até hoje, para detectar quando um paciente possui uma alergia alimentar, os médicos precisam realizar testes para verificar a reação da pele em contato com certas substâncias, ou então um exame de sangue, que analisa a presença de anticorpos específicos.

O problema é que ainda não existe uma maneira de obter informações detalhadas, como o nível de gravidade da alergia, sem precisar expor o paciente ao risco de ingerir o alimento em questão.

Sim. Em alguns casos, o paciente precisa comer aquilo que desencadeia a reação alérgica, em um ambiente seguro, monitorado por um especialista, para descobrir quão grave é o problema. Nem é preciso dizer que o nervosismo e a ansiedade de quem se submete ao teste vai às alturas nessas situações.

Como funciona?

De acordo com os cientistas do Mount Sinai Health System, em Nova York, é possível analisar com maior precisão e menos riscos o grau da alergia a partir de uma simples amostra de sangue, ao contar a quantidade de um tipo de célula do sistema imunológico chamada basophil. Essas células são ativadas pela exposição ao alimento.

Para chegar a esse resultado, os pesquisadores investigaram as reações de 67 pessoas, com idades entre 12 e 45 anos, em contato com alimentos causadores de alergia.

Alguns dos participantes, aleatoriamente escolhidos, recebiam placebo (uma pílula sem nenhum princípio ativo), enquanto outros entravam em contato real com alimentos causadores de alergia, como amendoins, castanhas, peixes, mariscos e gergelim.

Depois, eles coletaram amostras de sangue de todos e compararam o nível das células com as reações observadas. Ao analisar os resultados, foi constatada uma forte correlação entre os dois testes.

Por enquanto, o exame está aprovado apenas para pesquisas científicas, mas a ideia é que esse primeiro estudo sirva como base para o desenvolvimento de outros testes, que possam ser usados clinicamente. 



A confusa e trapalhona decisão da OMS sobre a Síndrome de Burnout

Uma das dificuldades envolvendo o tema “Burnout” é que a noção ganhou status de dogma religioso.

A confusa e trapalhona decisão da OMS sobre a Síndrome de Burnout

TDAH não é um distúrbio exclusivamente infantil

O Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) afeta uma pequena parcela da população.

TDAH não é um distúrbio exclusivamente infantil

Dores e má postura em crianças podem estar ligadas ao encurtamento muscular

Redução da amplitude de movimento e vícios de postura são os principais sinais de os músculos estão encurtados.

Dores e má postura em crianças podem estar ligadas ao encurtamento muscular

Burnout agora é síndrome ocupacional: o que as empresas podem fazer?

Síndrome é relacionada ao ambiente de trabalho.

Burnout agora é síndrome ocupacional: o que as empresas podem fazer?

É verdade que o apêndice é um órgão desnecessário?

A retirada de apêndice é uma operação considerada comum na cirurgia geral.

É verdade que o apêndice é um órgão desnecessário?

Prevenção é o principal fator de manutenção da saúde

O isolamento social durante pandemia mudou radicalmente a rotina em todos os aspectos.

Prevenção é o principal fator de manutenção da saúde

Portal de telemedicina ultrapassa a marca de um milhão de atendimentos realizados

Plataforma de teleconsulta expandiu durante a pandemia.

Portal de telemedicina ultrapassa a marca de um milhão de atendimentos realizados

Tipos de shampoo: anticaspa, matizador e muito mais!

Descubra as principais características dos mais variados tipos de shampoo para cada tipo de cabelo.

Tipos de shampoo: anticaspa, matizador e muito mais!

O que é bom para estrias? Como evitar, tirar e muito mais!

Descubra quais são os tipos de estrias e quais os melhores tratamentos para combatê-las.

O que é bom para estrias? Como evitar, tirar e muito mais!

Campanha “Janeiro Roxo” promove conscientização sobre a hanseníase

O Brasil é o segundo país com maior número de casos da doença no mundo.

Campanha “Janeiro Roxo” promove conscientização sobre a hanseníase

Minas supera eixos tradicionais de saúde e deixa legado no combate à pandemia

Uma das frases que mais me marcaram na pandemia foi: “Dormi com minha irmã viva e acordei com a notícia de que ela estava quase morrendo”.

Minas supera eixos tradicionais de saúde e deixa legado no combate à pandemia

O verão está chegando: proteja-se para prevenir o câncer de pele

Dezembro é o mês da conscientização sobre prevenção e diagnóstico precoce da doença, que é o tipo de câncer com maior incidência no Brasil.

O verão está chegando: proteja-se para prevenir o câncer de pele