Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Anemia por deficiência de ferro em crianças pode ser prevenida

Anemia por deficiência de ferro em crianças pode ser prevenida

27/05/2019 Da Redação

Além de uma boa alimentação, muitas vezes é necessário suplementar, diz especialista

Anemia por deficiência de ferro em crianças pode ser prevenida

A anemia ferropriva é causada pela deficiência de ferro e é a mais comum de todas as anemias. No Brasil, estima-se que entre 20% e 50% das crianças com até 5 anos sofram da doença.

Segundo o médico nutrólogo Alexander Gomes, os sintomas mais comuns nos adultos são palidez, cansaço, falta de ar, sonolência, tontura, falta de memória, taquicardia e palpitações. Já em crianças, o mal pode atrapalhar o raciocínio e trazer dificuldade na aprendizagem. Além disso, afeta o desenvolvimento e deixa o sistema imunológico debilitado, aumentado a predisposição a infecções.

Para combater a doença, deve-se consumir alimentos ricos em proteína, ferro, ácido fólico e vitaminas do complexo B, como carnes, ovos, peixes, vísceras, fígado e espinafre.

“Esses nutrientes estimulam a produção de glóbulos vermelhas no sangue, que normalmente estão baixos quando se tem anemia”, pontua o especialista, que ainda indica como aumentar a absorção do ferro após as principais refeições.

“Consumir alimentos rico em vitamina C após o almoço e o jantar, como laranja ou abacaxi, pois essa vitamina aumenta a absorção de ferro no intestino, ajudando a combater a doença”.

Além de uma boa alimentação, muitas vezes é preciso suplementar. O Ministério da Saúde recomenda a medida para toda criança entre seis meses e 2 anos de idade.

O nutrólogo diz que os melhores suplementos são aqueles com ferro nanoencapsulado associado a outros minerais e vitaminas.



Cinco dicas rápidas para cuidar da saúde mental

A mente e o corpo estão ligados. Além dos exercícios físicos, fazer terapia ajuda a confortar a mente.

Cinco dicas rápidas para cuidar da saúde mental

Obesidade pode ser combatida por meio da adoção de hábitos saudáveis

Em 11 de outubro é celebrado o Dia Nacional de Prevenção da Obesidade.

Obesidade pode ser combatida por meio da adoção de hábitos saudáveis

Obesidade e a saúde da mulher no climatério

O avanço da idade e a menopausa estão associadas a um aumento da massa gorda e uma redistribuição da gordura para área abdominal.


Obesidade pode ser combatida com hábitos saudáveis

Em 11 de outubro é celebrado o Dia Nacional de Prevenção da Obesidade.


Tecnologia muda parâmetros da medicina diagnóstica

Apenas 30% das análises ainda necessitam de jejum; há dez anos, este índice era inverso.

Tecnologia muda parâmetros da medicina diagnóstica

Canabidiol: Mitos e Verdades

Em todas as discussões que ocorrem junto à opinião pública sempre nos defrontamos com mitos e verdades e alguns desses temas merecem nossa atenção pela relevância.


Rosa App estimula prevenção ao câncer de mama

aplicativo atua na prevenção, no controle e no apoio ao tratamento do câncer de mama.

Rosa App estimula prevenção ao câncer de mama

Primavera desencadeia conjuntivite alérgica

A primavera é a estação das flores e dos dias mais longos e quentes, tendo a fama de época mais bonita do ano.

Primavera desencadeia conjuntivite alérgica

Vasectomia e Reversão no Planejamento Familiar: o que é preciso saber

A vasectomia é um procedimento cirúrgico simples que promove a esterilidade masculina, visando o planejamento familiar definitivo.


Campanha nacional contra o sarampo tem início no país

A meta do Ministério da Saúde é vacinar 2,6 milhões de crianças.

Campanha nacional contra o sarampo tem início no país

Pesquisa estuda lesão pulmonar causada por cigarro eletrônico

Estados Unidos já registraram 1.080 casos de lesões pulmonares associadas a cigarros eletrônicos, e 18 mortes.

Pesquisa estuda lesão pulmonar causada por cigarro eletrônico

Incêndios na Amazônia afetam crianças e custam R$ 1,5 milhão ao SUS

Estudo mostra também aumento de mortes de crianças com menos de 10 anos hospitalizadas por problemas respiratórios.

Incêndios na Amazônia afetam crianças e custam R$ 1,5 milhão ao SUS