Portal O Debate
Grupo WhatsApp


ANS suspende a venda de 150 planos de saúde

ANS suspende a venda de 150 planos de saúde

13/11/2013 Da Redação

As 41 operadoras suspensas descumpriram prazos máximos para marcação de consultas, exames e cirurgias. Suspensão ocorrerá a partir da próxima segunda-feira (18) e valerá até fevereiro de 2014.

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) decidiu suspender a venda de 150 planos de saúde de 41 operadoras em todo o Brasil. A informação foi divulgada nesta quarta-feira (13), em entrevista coletiva de imprensa no Rio de Janeiro.

De acordo com a ANS, as operadoras descumpriram prazos máximos para marcação de consultas, exames e cirurgias, além de apresentarem problemas de cobertura como o rol de procedimentos, o período de carência, a rede de atendimento, o reembolso e os mecanismos de autorização para procedimentos. A suspensão ocorrerá a partir da próxima segunda-feira (18) e valerá até fevereiro de 2014.

Cerca de 4,1 milhões de consumidores são atendidos pelos 150 planos com venda suspensa. “Os beneficiários são protegidos e continuam sendo atendidos. O que a gente está fazendo é impedir que novos consumidores se somem a eles [nesses planos com problemas]”, disse o diretor-presidente da ANS, André Longo.

Dos 150 planos, 68 já estavam suspensos por problemas em monitoramentos anteriores. Outros 178 planos que estavam suspensos resolveram seus problemas e poderão voltar a ser comercializados pelas suas operadoras.

De acordo com André Longo, as operadoras são analisadas de acordo com as reclamações dos consumidores. Para ele, o ideal é que o consumidor tente resolver seu problema diretamente com a operadora.

Caso não consiga resolvê-lo, é possível entrar em contato com as centrais de atendimento da ANS: www.ans.gov.brou 0800-701-9656.

Fonte: Agência Brasil



UFSCar desenvolve aparelhos ortopédicos com custo até 80% menor

Além de mais barata, tecnologia agiliza o processo de produção das órteses

UFSCar desenvolve aparelhos ortopédicos com custo até 80% menor

Novembro Azul e a prevenção do câncer de próstata

A próstata é uma glândula de aproximadamente 25 gramas, no adulto jovem, que fica abaixo da bexiga e na frente do reto (parte terminal do intestino).


Mercado de estética cresceu 567% em cinco anos

Especialista afirma que as pessoas buscam cada vez mais saúde e bem-estar, o que impulsiona o setor.

Mercado de estética cresceu 567% em cinco anos

Novembro Azul: Mitos e verdades sobre alimentação e o câncer de próstata

Presidente da ABRAN afirma: “o consumo de determinados alimentos pode sim ajudar na prevenção da doença”.

Novembro Azul: Mitos e verdades sobre alimentação e o câncer de próstata

Campanha Novembro Azul alerta para a prevenção do câncer de próstata

Homens que possuem histórico familiar de câncer de próstata, devem se preocupar com esse fator de risco.

Campanha Novembro Azul alerta para a prevenção do câncer de próstata

Como funcionam as consultas médicas online? Tire suas dúvidas!

A telemedicina facilitou as consultas médicas online, mas ainda gera dúvidas entre os pacientes. Entenda melhor como ela funciona.

Como funcionam as consultas médicas online? Tire suas dúvidas!

Alimentação e câncer de próstata

Saiba qual é a relação entre os dois.


Déficit nutricional pode comprometer a visão no médio prazo

Oftalmologista revela o que as pessoas devem comer para enxergar melhor.

Déficit nutricional pode comprometer a visão no médio prazo

Ministério da Cidadania lança campanha de prevenção ao uso de drogas

Com o conceito ‘Você nunca será livre se escolher usar drogas’, ação foca em jovens de 14 a 18 anos.


Medidas antitabaco diminuíram em 40% o número de fumantes no Brasil

Estimasse que no Brasil tenha 19 milhões de pessoas fumantes, cerca de 9,3% da população.

Medidas antitabaco diminuíram em 40% o número de fumantes no Brasil

Dentes de leite

Os dentes de leite são a principal referência para o sucesso dos dentes permanentes.


AVC é a segunda maior causa de morte entre as mulheres brasileiras

Segundo o Ministério da Saúde, 73.920 mulheres morrem por ano no Brasil em função do derrame.

AVC é a segunda maior causa de morte entre as mulheres brasileiras