Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Barulho excessivo nas festas pode levar à surdez

Barulho excessivo nas festas pode levar à surdez

21/12/2012 Da Redação

Muito barulho pode prejudicar a audição, se as pessoas estiverem próximas à fonte do ruído.

As festas de final de ano já estão chegando e, nesta época, são comuns os fogos de artifício, buzinas e carros de som com altos volumes - além do som alto dentro das casas, apartamentos, restaurantes - tudo para celebrar a entrada do novo ano com muita alegria.

Mas todo esse barulho pode prejudicar a audição. “Ficar longe dos fogos de artifício, carros de som e caixas de som nas festas pode evitar que a audição sofra algum dano. Esses equipamentos têm uma potência alta, que permite ouvi-los a uma grande distância. Então, o melhor é manter-se um pouco mais afastado”, aconselha a fonoaudióloga Isabela Gomes, da Telex Soluções Auditivas.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Otorrinolaringologia (SBORL), a exposição a sons intensos é a segunda causa mais comum de deficiência auditiva. O excesso de barulho, ao longo do tempo, pode levar à surdez.

Além de danos à audição, ansiedade, alterações de humor, irritabilidade e hipertensão arterial também são consequências de um longo tempo de exposição ao som alto. De acordo com a especialista, ruídos acima de 85 decibéis já são prejudiciais.

Quanto mais repetitivo ou mais alto for o barulho, maior será o dano às células ciliadas da cóclea (órgão responsável pela audição sensorial).



Verão requer atenção redobrada com picadas de insetos

Com a chegada do verão, as pessoas deixam a pele mais exposta e, consequentemente, as picadas de insetos também se tornam frequentes.

Verão requer atenção redobrada com picadas de insetos

Consumo de cigarros ilegais cai no Brasil pelo segundo ano consecutivo

Estudo foi divulgado pelo Instituto Nacional de Câncer.

Consumo de cigarros ilegais cai no Brasil pelo segundo ano consecutivo

Viajar de avião com conjuntivite exige cuidados

Médico explica que muitas vezes o paciente adquire a doença ainda durante o voo.

Viajar de avião com conjuntivite exige cuidados

Anvisa libera venda de maconha para uso medicinal

Manipulação da substância não será permitida, e compra poderá ser feita apenas com prescrição médica.

Anvisa libera venda de maconha para uso medicinal

A dieta do limão provoca erosão dentária e aumento de cáries entre as mulheres

Acidez do limão provoca microporosidades na superfície do esmalte dos dentes.

A dieta do limão provoca erosão dentária e aumento de cáries entre as mulheres

Cáries não tratadas podem causar inflamação no coração

Todo mundo sabe que a falta de higiene bucal e a não visitação periódica ao dentista podem causar muitos danos aos dentes e à boca em geral.


Brasil tem 135 mil pessoas convivendo com HIV que não sabem

Somente em 2018, foram notificados 43,9 mil novos casos no país

Brasil tem 135 mil pessoas convivendo com HIV que não sabem

Homens precisam fazer reposição hormonal?

Especialista do Hospital São Camilo fala sobre problemas que podem afetar a saúde masculina.

Homens precisam fazer reposição hormonal?

A importância do Exame de Toque da Próstata

O câncer de próstata é a neoplasia sólida mais comum, após o melanoma, e a segunda maior causa de óbito oncológico no sexo masculino no Brasil.


Brasileiro consome quase o dobro de sal recomendado pela OMS

Pesquisa nacional que usou dados biológicos de brasileiros

Brasileiro consome quase o dobro de sal recomendado pela OMS

Especialista lista os principais cuidados que os pais devem ter com as crianças na praia

Com a chegada do verão, das festas de fim de ano e das temperaturas mais elevadas, as praias são o destino preferido de muitas famílias brasileiras por proporcionarem lazer e diversão.

Especialista lista os principais cuidados que os pais devem ter com as crianças na praia

Expectativa de vida de brasileiros com sobrepeso é 3,3 anos menor que a média geral

De acordo com o Ministério da Saúde, 55,7% da população brasileira está acima do peso.

Expectativa de vida de brasileiros com sobrepeso é 3,3 anos menor que a média geral