Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Cirurgia por artroscopia atrai cada vez mais pacientes

Cirurgia por artroscopia atrai cada vez mais pacientes

10/02/2007 Divulgação

Método pode ser feito por meio dos planos de saúde e garante melhor recuperação. O grande desenvolvimento nas técnicas de cirurgias do ombro tem deixado cada vez mais otimistas os pacientes que procuram as clínicas de ortopedia.

A intervenção cirúrgica por meio da artroscopia tem levado para os consultórios pessoas que durante anos sofreram por receio de sentirem dor durante a operação ou ficarem longos períodos em recuperação. O sistema permite que o paciente volte no mesmo dia para casa - pela técnica convencional a internação por alguns dias é inevitável -, o tempo de recuperação reduz pela metade e a dor é infinitamente menor. "Pelo método convencional o paciente necessita de um longo período para voltar a sua rotina normal. Já pela artroscopia, o tempo varia de três a seis meses, dependendo dos cuidados que serão tomados, principalmente com a fisioterapia adequada", lembra o médico Marcelo Wiltemburg Alves.

A artroscopia permite um diagnóstico mais preciso, já que o médico pode visualizar toda a articulação em sua forma natural de funcionamento. A técnica permite corrigir lesões por meio de pequenos orifícios na pele. "A cirurgia consiste na introdução de uma micro-câmera na articulação e as imagens obtidas por meio de um monitor permitem que seja verificada a presença ou não de tecidos lesionados. Quando o paciente é submetido à cirurgia aberta, os tecidos normais são afetados, o que não ocorre na artroscopia", diz Marcelo.

Por meio da artroscopia é possível conseguir os mesmos resultados das cirurgias convencionais, como tratar a junta da clavícula, costurar tendões, desbastar o osso sem a inconveniência de grandes cortes e internação do paciente. Com a artroscopia o tempo de cirurgia é extremamente reduzido, diminuindo o risco de complicações, infecções e outras ocorrências, completa Marcelo. Outra boa notícia para quem sofre de problemas no ombro é que a cirurgia pode ser realizada pelos planos de saúde.

Fonte: Sigmapress Assessoria de Comunicação



55% dos brasileiros com mais de 18 anos consomem bebidas alcoólicas, diz pesquisa

Dado é de pesquisa do Instituto Brasileiro do Fígado.

55% dos brasileiros com mais de 18 anos consomem bebidas alcoólicas, diz pesquisa

A perda auditiva se manifesta em qualquer idade

A perda auditiva é uma queixa quase diária no consultório do otorrinolaringologista.

A perda auditiva se manifesta em qualquer idade

O consumidor é obrigado a dar o CPF nas farmácias?

Um ponto de dúvida para as pessoas, mas que é importante ter clareza, a exigência de CPF é ilegal para o fornecimento de descontos pelas farmácias.

O consumidor é obrigado a dar o CPF nas farmácias?

Governo lança campanha de combate ao mosquito da dengue

Casos aumentaram em 12 estados em relação ao ano passado.

Governo lança campanha de combate ao mosquito da dengue

Estamos todos saindo da UTI?

Nas últimas semanas, esses ambientes estão diferentes do que vivenciamos ao longo de quase 20 meses.

Estamos todos saindo da UTI?

Por que o autismo em meninas é menos comum?

Elas têm mais autoconsciência, senso de empatia e tenta “se encaixar” mais socialmente que eles.

Por que o autismo em meninas é menos comum?

Pesquisa comprova maior eficácia de teste HPV para detecção de câncer

Estatuto da Pessoa com Câncer é sancionado

Passa a ser direito fundamental da pessoa com câncer a obtenção de diagnóstico precoce e acesso a tratamento universal.

Estatuto da Pessoa com Câncer é sancionado

Mulheres têm mais risco de sofrer infarto do que os homens

A quantidade de pessoas que sofrem com problemas cardiorrespiratórios no Brasil é tão significativa que sobram estatísticas para contar a história.

Mulheres têm mais risco de sofrer infarto do que os homens

Médico adota técnica para apoiar pessoas a envelhecer sem dor

Segundo Dr. Geraldo Carvalhaes, casos de dor crônica também afetam pessoas mais jovens.

Médico adota técnica para apoiar pessoas a envelhecer sem dor

Você é um Hipocondríaco?

Quando a preocupação com a saúde vira doença.

Você é um Hipocondríaco?

Número de prematuros aumenta no Brasil

Média de prematuridade no país atingiu 11,1% em 2020 e aumento pode estar ligado ao covid-19.

Número de prematuros aumenta no Brasil