Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Existe a idade ideal para engravidar?

Existe a idade ideal para engravidar?

19/04/2014 Da Redação

Mulheres que desejam preservar sua fertilidade podem recorrer à técnica de congelamento de óvulos.

O sonho da maternidade, até bem pouco tempo, se concretizava quando a mulher estava na faixa etária dos 20 anos, período considerado fisicamente ideal para a gravidez. Hoje, no entanto, essa escolha vem sendo prorrogada cada vez mais.

Segundo dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), somente nos estados de São Paulo, Rio Grande do Sul e Distrito Federal, por exemplo, um em cada dez partos realizados envolve mulheres com idade entre 35 e 39 anos.

Mas, será que existe uma idade apropriada para engravidar? Na faixa dos 20 anos? Dos trinta? Quando o corpo estará realmente preparado para a chegada de um bebê?

A maior vantagem em engravidar, aos 20 e poucos anos, diz respeito à saúde. Isto porque, os riscos de doenças como diabetes gestacional e pré-eclâmpsia são menores nesta fase. “Entretanto, levando em consideração que, atualmente, existe um prolongamento da adolescência, a falta de maturidade pode atrapalhar em algumas situações”, destaca a ginecologista especialista em Reprodução Humana da Criogênesis, Dra. Alessandra de Souza Barbeiro Munhoz.

Já por volta dos trinta anos, é o período mais prático para engravidar. Ainda que os óvulos sejam um pouco mais velhos, a estabilidade financeira e emocional faz com que a mulher aproveite e curta muito mais a maternidade, influenciando o bem-estar, tanto dela, quanto do bebê.

E quando a mulher tem mais de 35 anos? Nessa idade, os obstetras já consideram a gestação de risco e ainda alertam para a queda significativa da fertilidade feminina. “Ao nascer, a menina já perde 80% dos óvulos e na puberdade restam de 300 a 500 mil. Em 30 anos de vida reprodutiva, estima-se que apenas 500 óvulos serão selecionados para serem ovulados. E, depois dos 35 anos, tanto a quantidade, quanto a qualidade dos óvulos diminui, levando a menores chances para engravidar”, explica a ginecologista.

A medicina reprodutiva, no entanto, oferece alguns recursos para ajudar as mulheres que adiam a gravidez, dentre eles, o congelamento de óvulos e a técnica de fertilização in vitro.

A médica explica que, o congelamento dos gametas femininos possibilita à mulher estocar e preservar seus óvulos jovens antes de perderem a qualidade, ou antes, da perda total da função ovariana, possibilitando que, mais tarde, quando estiver decidida, obtenha sucesso na gravidez.



Maquiagem ‘bafônica’ ou mais discreta?

Influencer de beleza ensina passo a passo de make perfeita para o Carnaval.

Maquiagem ‘bafônica’ ou mais discreta?

Como apoiar um colaborador com síndrome do pânico?

Você está vivendo um dia normal. A rotina é a mesma, nada de novo. A mesma tranquilidade de sempre.


O que fazer quando alguém tem uma síncope?

Normalmente, antes da síncope costuma haver palidez, vertigem, suor frio,  formigamento no corpo, pulsação fraca, diminuição da audição e visão embaçada.

O que fazer quando alguém tem uma síncope?

Casos de sífilis têm aumento no Brasil

Principal forma de transmissão da doença são as relações sexuais sem proteção.

Casos de sífilis têm aumento no Brasil

Violência “no touch”

O assédio moral pode trazer sequelas emocionais e físicas.


Esfoliação ideal para uma pele linda e renovada

Dicas para manter uma pele saudável e bem cuidada.

Esfoliação ideal para uma pele linda e renovada

Fevereiro é mês de conscientização do Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer

Embora sejam doenças que não têm cura o diagnóstico precoce e correto pode garantir melhor qualidade de vida aos pacientes.

Fevereiro é mês de conscientização do Lúpus, Fibromialgia e Alzheimer

Exercícios físicos x uso de prótese nos seios

O implante de próteses nos seios é uma das cirurgias plásticas mais procuradas pelas brasileiras.

Exercícios físicos x uso de prótese nos seios

Campanha Nacional de Vacinação contra sarampo foca em crianças e jovens

Nesta primeira etapa serão enviadas 660 mil doses da tríplice viral, destinadas a crianças e jovens entre 5 e 19 anos.

Campanha Nacional de Vacinação contra sarampo foca em crianças e jovens

Como utilizar corretamente o protetor solar

Dicas simples que podem te ajudar de forma correta este produto indispensável para a saúde.

Como utilizar corretamente o protetor solar

Transtorno de conduta infantil

O Transtorno de conduta (TC) não é uma simples desobediência.


Volta às aulas: as vacinas estão em dia?

A Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP) recomenda que as vacinas das crianças e dos adolescentes estejam em dia.

Volta às aulas: as vacinas estão em dia?