Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Ministério da Cidadania lança campanha de prevenção ao uso de drogas

Ministério da Cidadania lança campanha de prevenção ao uso de drogas

04/11/2019 Divulgação

Com o conceito ‘Você nunca será livre se escolher usar drogas’, ação foca em jovens de 14 a 18 anos.

O Ministério da Cidadania acaba de lançar, nos meios de comunicação, a segunda etapa da Campanha de Prevenção ao Uso de Drogas. Com foco especial em jovens de 14 a 18 anos, a ação conta com filmes de 30 e 60 segundos, posts nas redes sociais do governo federal, spots de rádio, banners de internet, minidoor social e mobiliário urbano. Também estão previstas ações interativas em locais que o público jovem frequenta, como escolas e shoppings.

O conceito da campanha é “Você nunca será livre se escolher usar drogas”. O objetivo é fazer um alerta sobre as consequências para quem decide experimentar qualquer tipo de droga, mostrando aos jovens que eles podem ter seu desenvolvimento prejudicado ou mesmo suas vidas interrompidas.

“A droga está causando uma epidemia de violência no Brasil. Estamos trabalhando juntos para combater esse problema que está destruindo a nossa juventude, gerando uma quantidade significativa de homicídios”, afirma o ministro da Cidadania, Osmar Terra.

Como uma forma de conexão com os jovens, a banda Melim compôs e gravou a música Dia Cinza, que conta a história real de um jovem que teve sua vida afetada pelas drogas. O DJ Bruno Martini também gravou uma versão da canção.

Uma caixa especial será instalada em shoppings e escolas de nove cidades do Brasil (Brasília, Goiânia, Recife, Belo Horizonte, Fortaleza, Curitiba, Manaus, Belém e Porto Alegre). Dentro dela estará um ator, representando a consequência do uso de drogas e reforçando o conceito da campanha: ‘Você nunca será livre se escolher usar drogas’.

​Fonte: Ascom/Ministério da Cidadania



A nova era da Telemedicina no Brasil

Alguns números atestam que as consultas virtuais estão sendo utilizadas cada vez mais no país.

A nova era da Telemedicina no Brasil

É inaceitável que pessoas ainda morram de malária

Esta semana, de 25 a 29 de abril, marca a luta mundial contra a malária.


Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

Médico psiquiatra comenta a situação exclusiva de pessoas que perderam parentes queridos durante a pandemia. A ansiedade e o transtorno de humor são os mais prevalentes nesses casos.

Transtornos psiquiátricos catalisados pelo luto de vítimas de COVID-19

8 alimentos para incluir na dieta se você tem dores crônicas

Nutricionista fala sobre o poder dos alimentos para a nossa saúde.

8 alimentos para incluir na dieta se você tem dores crônicas

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Por muito tempo o hábito de roncar tem sido visto como motivo de chacota ou algo corriqueiro.

Pesadelo na hora do sono: apneia atinge 70 milhões de brasileiros

Tireoide não é a culpada pelo ganho de peso

É muito comum algumas pessoas associarem o ganho de peso excessivo e inexplicado a um problema de tireoide, chamado de hipotireoidismo que nada mais é, a falta dos hormônios tireoidianos.


Você sabe identificar os sinais de um ataque cardíaco?

Quando uma forte dor no peito aparece é um indicativo de que há algo errado acontecendo e é comum associarmos imediatamente a dor com a possibilidade de que seja um infarto.

Você sabe identificar os sinais de um ataque cardíaco?

Comer chocolate realmente aumenta o surgimento de acne?

Dermatologista explica que a guloseima deve ser consumida com moderação. Confira!

Comer chocolate realmente aumenta o surgimento de acne?

Começa vacinação contra a gripe em todo o país

Meta é imunizar 76,5 milhões de pessoas até 3 de junho.

Começa vacinação contra a gripe em todo o país

YouTube lança novas seções de conteúdo de saúde

As novas ferramentas visam ajudar as pessoas a navegarem pela plataforma.

YouTube lança novas seções de conteúdo de saúde

Riscos, físicos e emocionais, provocados por transtornos alimentares

Transtornos alimentares são desordens complexas, causadas e mantidas por diversos fatores sociais, psicológicos e biológicos.

Riscos, físicos e emocionais, provocados por transtornos alimentares

OMS convida Butantan para compartilhar experiência na produção de soro antiofídico

Em 2018, a OMS estabeleceu os acidentes ofídicos como uma doença tropical negligenciada.

OMS convida Butantan para compartilhar experiência na produção de soro antiofídico