Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Músculos podem causar zumbido? 

Músculos podem causar zumbido? 

09/07/2019 Divulgação

A questão foi assunto de reunião do GIPZ em julho.

“Zumbido é todo e qualquer som ouvido na cabeça que não é gerado por fonte externa.” Com essa explicação da fisioterapeuta Vivian Pasqualin a reunião de 5 de julho do GIPZ – Grupo de Informação a Pessoas com Zumbido começou.

O zumbido tem mais de 200 causas possíveis e pode não ser proveniente apenas de complicações no ouvido interno. A fisioterapeuta contou como dores no pescoço ou nas ATM’s, articulações temporomandibulares, podem ser indicadores do zumbido somático, que está relacionado a músculos, coluna cervical, maus hábitos de postura e/ou traumas na região. Vivian relata também que as características do zumbido somático são as variações da percepção durante o dia, audição simétrica e zumbido unilateral, aumento da dor simultâneo ao aumento do zumbido, dentre outras. Os músculos tensos que são a razão do zumbido também causam tontura e sensação de ouvido trancado.

Alguns dos músculos que podem causar esse problema são os escalenos, elevador de escápula, infraespinhal, masseter e temporal. A fisioterapeuta ressalta que entre as formas de evitar complicações estão o bom uso do celular, sem postura encolhida e cabeça apontada para baixo, sono reparador e travesseiro no nível certo para descansar a cabeça.

As reuniões do GIPZ são mensais, sempre na primeira sexta-feira do mês, que contam com uma equipe interdisciplinar. A Dra. Rita Guimarães, otoneurologista, é coordenadora do grupo há mais de 15 anos e outros especialistas que compõe a equipe são Gerson Köhler, ortodontista, e a própria Vivian Pasqualin, fisioterapeuta.

A próxima reunião será no dia 2 de agosto, sobre Zumbido, Hipersensibilidade, e outras conseqüências da perda de audição não tratada, com a fonoaudióloga Izabella Pedriali.

Serviço:

Agende sua participação pelo telefone (41) 3225-1665 ou (41) 99216-9009.

Dia 02 de agosto de 2019 - Das 14 às 16h, no 5º andar do Anexo B do Hospital de Clínicas da UFPR, em Curitiba e tem sua entrada franca.

Foto: Os profissionais no encontro do GIPZ

Fonte: Toda Comunicação.



Como garantir a qualidade de ar do seu negócio para reabertura pós-pandemia

Um dos sintomas associados a não renovação do ar é a dor de cabeça e a sonolência.

Como garantir a qualidade de ar do seu negócio para reabertura pós-pandemia

Periferias são mais vulneráveis ao coronavírus

Informalidade e desigualdade urbana sãos as principais causas.

Periferias são mais vulneráveis ao coronavírus

O mundo pós Coronavírus

A presente época de pandemia impôs aos seres humanos uma condição inusitada: isolamento social.


Jogos, tecnologia e exercícios físicos são aliados dos idosos durante distanciamento social

Atividades são grandes aliadas na preservação da saúde física e mental durante esse período.

Jogos, tecnologia e exercícios físicos são aliados dos idosos durante distanciamento social

Entenda por que obesos estão no grupo de risco

No Brasil, uma a cada cinco pessoas são obesas.

Entenda por que obesos estão no grupo de risco

Tempo demais no celular faz mal à visão das crianças

Os pais precisam ficar atentos aos sinais no comportamento dos pequenos.

Tempo demais no celular faz mal à visão das crianças

Pandemia reduz procura no atendimento por câncer de mama

Levantamento foi realizado pela Sociedade Brasileira de Mastologia


Como aumentar a produção de colágeno para o rosto e corpo

Descubra os alimentos que aumentam a produção de colágeno para o rosto, cabelos e unhas. Dicas importantes de como produzir colágeno natural.


Pesquisa estima que casos confirmados são 35% dos sintomáticos

Percentual é melhor que de abril quando proporção era de 15%.

Pesquisa estima que casos confirmados são 35% dos sintomáticos

Por que o Coronavírus é mais perigoso para os idosos?

Entre as razões está a capacidade de resposta do sistema imunológico, que fica mais lenta e fraca à medida em que a pessoa envelhece.

Por que o Coronavírus é mais perigoso para os idosos?

Por que no outono os cabelos caem mais?

Com a chegada do outono/inverno, cai a incidência de luminosidade e as temperaturas ficam cada vez mais baixas.

Por que no outono os cabelos caem mais?

As dores musculares não podem ser ignoradas

Sofrer com dores não é normal e elas não devem ser ignoradas, ainda mais em tempo de pandemia.

As dores musculares não podem ser ignoradas