Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Reajuste do plano de saúde

Reajuste do plano de saúde

15/03/2019 Isabela Perella

Os aumentos abusivos na terceira idade.

É muito comum as operadoras de saúde reajustarem as mensalidades do plano de saúde de seus segurados quando estes completam 59 anos. Isso ocorre porque o Estatuto do Idoso proíbe o aumento após os 60 anos.

Assim, como uma forma de burlar a legislação, o segurado é surpreendido quando completa os 59 anos com um reajuste abusivo, tendo em vista ser a última oportunidade do aumento por faixa etária.

Muitos segurados, mesmo insatisfeitos, aceitam a mudança. O que poucos sabem é que o reajuste do plano de saúde por idade é válido apenas dentro de um percentual que seja considerado razoável.

Tal entendimento foi proferido pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) no julgamento do recurso repetitivo tema 952 no final de 2016 e é aplicado ainda que o reajuste do plano seja previsto e permitido em contrato.

Sendo assim, para que o reajuste fundado na mudança de faixa etária do beneficiário seja válido, é necessário que haja previsão contratual e que sejam observadas as normas expedidas pelos órgãos governamentais reguladores.

É necessário ainda, que não sejam aplicados percentuais que onerem excessivamente o consumidor ou discriminem o idoso, ou seja, que não sejam considerados sem razão, aleatórios ou inadequados.

Nesse sentido, caso o segurado seja surpreendido com reajuste em percentual desarrazoado em razão da mudança de faixa etária, é possível questionar a sua validade por meio de ação judicial e assim requerer a sua cessação de forma imediata através de liminar.

De modo geral, não são permitidos reajustes abusivos anuais. Ainda que fujam da faixa etária, tais reajustes devem ser aplicados de acordo com a tabela da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) ou, quando se trata de planos coletivos, é necessário que a operadora comprove que há uma justificativa para aquele aumento, o chamado “sinistro”.

Portanto, seja o reajuste em razão da idade ou anual, se for desarrazoado ou aleatório, o consumidor pode e deve ir à justiça pleitear a cessação do aumento, inclusive podendo ser revistos os ajustes aplicados nos últimos cinco anos.

Fique atento aos seus direitos!

* Isabela Perrella é especialista em Direito do Consumidor do escritório Aith, Badari e Luchin Advogados.

Fonte: Ex-Libris Comunicação Integrada



Alimentação como meio de tratamento da hipertensão

Os costumes alimentares possuem uma grande influência no desenvolvimento da doença.


Banho de ofurô é benéfico para adultos

Um banho estimulante de saúde e prazer


Casos de sarampo têm aumento de 300% no mundo, diz OMS

O sarampo é quase totalmente evitável por meio de duas doses de uma vacina

Casos de sarampo têm aumento de 300% no mundo, diz OMS

Fiocruz desenvolve teste para diagnosticar zika em 20 minutos

Método desenvolvido em Pernambuco é 40 vezes mais barato que o convencional.

Fiocruz desenvolve teste para diagnosticar zika em 20 minutos

Estilo de vida responde por 63 mil mortes de câncer por ano no Brasil

Perguntas e respostas sobre infecção urinária no homem

Doença pode ser transmitida por relação sexual sem proteção e pela invasão de germes via canal da uretra.

Perguntas e respostas sobre infecção urinária no homem

Procedimento promete rejuvenescer os lábios

Lip Lift é um procedimento cada vez mais procurado e que ainda causa muitas dúvidas

Procedimento promete rejuvenescer os lábios

Vacinação contra a gripe pretende imunizar 90% do público-alvo

Começa nesta quarta-feira (10/04), em todo o país, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe

Vacinação contra a gripe pretende imunizar 90% do público-alvo

A natureza é o melhor remédio

Manter a saúde física e mental equilibrada não depende exclusivamente de medicamentos.

A natureza é o melhor remédio

Hospital Felício Rocho comemora a marca de 500 cirurgias robóticas

Em parceria com a Feluma, o hospital apresenta resultados surpreendentes e importantes com essa técnica moderna.

Hospital Felício Rocho comemora a marca de 500 cirurgias robóticas

Como prevenir e tratar calos e calosidades

Calos e calosidades ocorrem em partes dos pés e às vezes os dedos.

Como prevenir e tratar calos e calosidades

Como podemos melhorar o nosso sistema imune?

As mudanças na vida humana, levaram à uma grande quantidade de erros.