Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Remédios em excesso podem matar 10 milhões ao ano, diz ONU

Remédios em excesso podem matar 10 milhões ao ano, diz ONU

30/04/2019 Da Redação

Atualmente, 700 mil pessoas morrem todos os anos devido a doenças resistentes a medicamentos

Remédios em excesso podem matar 10 milhões ao ano, diz ONU

Relatório de entidades ligadas à Organização das Nações Unidas (ONU), divulgado nesta segunda-feira (29/04), alerta que o uso excessivo de medicamentos e os consequentes casos de resistência antimicrobiana podem causar a morte de até 10 milhões de pessoas todos os anos até 2050.

O prejuízo à economia global, segundo o documento, pode ser tão catastrófico quanto a crise financeira que assolou o mundo entre 2008 e 2009. A estimativa é que, até 2030, a resistência antimicrobiana leve cerca de 24 milhões de pessoas à extrema pobreza.

Atualmente, pelo menos 700 mil pessoas morrem todos os anos devido a doenças resistentes a medicamentos – incluindo 230 mil por causa da chamada tuberculose multirresistente.

“Mais e mais doenças comuns, incluindo infecções do trato respiratório, infecções sexualmente transmissíveis e infecções do trato urinário estão se tornando intratáveis”, destacou a Organização Mundial da Saúde (OMS) por meio de comunicado.

“O mundo já está sentindo as consequências econômicas e na saúde à medida em que medicamentos cruciais se tornam ineficazes. Sem o investimento dos países em todas as faixas de renda, as futuras gerações terão de enfrentar impactos desastrosos da resistência antimicrobiana descontrolada”, completou a entidade.

Fonte: Agência Brasil



Câncer de pulmão é o que mais mata ao redor do mundo

Tabagismo é responsável por 90% dos diagnósticos de câncer de pulmão.

Câncer de pulmão é o que mais mata ao redor do mundo

Saúde recomenda dose extra contra o sarampo em bebês menores de 1 ano

Crianças de 6 meses a 11 meses e 29 dias devem ser imunizadas.

Saúde recomenda dose extra contra o sarampo em bebês menores de 1 ano

Como lidar com os 7 maiores incômodos da puberdade

É por volta dos 11 a 13 anos que a menina passa a ter alterações que mudam o seu corpo para sempre.


Levantamento alerta para consumo de álcool no Brasil

Mais de dois milhões de brasileiros têm traços de dependência.

Levantamento alerta para consumo de álcool no Brasil

Maconha é apontada como a droga mais consumida no Brasil

Levantamento da Fiocruz aponta que 7,7% dos brasileiros usaram maconha pelo menos uma vez.

Maconha é apontada como a droga mais consumida no Brasil

Procedimento redesenha aréolas de mulheres que fizeram cirurgia plástica nas mamas

Através de tatuagem realista, mulheres que fizeram mamoplastia, colocaram silicone e que venceram o câncer podem melhorar a autoestima.

Procedimento redesenha aréolas de mulheres que fizeram cirurgia plástica nas mamas

8 aspectos que todos deveriam saber sobre AUTISMO

Não é nem tão difícil assim entender um autista, quando se consegue compreender o modo como vê o mundo.


Rotina de cuidados com a pele facial antes de dormir

Saiba como cuidar melhor da sua pele antes de dormir e tire suas principais dúvidas sobre o assunto.

Rotina de cuidados com a pele facial antes de dormir

Hábitos mais saudáveis podem evitar ou retardar o aparecimento da demência

Doença que já atinge mais de 50 milhões de pessoas em todo o mundo pode ser evitada com atividade física e reeducação alimentar.

Hábitos mais saudáveis podem evitar ou retardar o aparecimento da demência

O que é TDAH e como diferenciar de impulsividade

Segundo dados da OMS, cerca de 4% da população adulta mundial têm o Transtorno de Déficit de Atenção e Hiperatividade – TDAH.


Agosto é o mês de incentivo ao aleitamento materno

Campanha visa sensibilizar a sociedade sobre a importância de todos contribuírem para garantir às mães a prática do aleitamento materno.

Agosto é o mês de incentivo ao aleitamento materno

O que aprender com as melhores instituições de saúde do mundo?

Profissionais especializados, tecnologia de ponta e muito conhecimento científico respaldando o trabalho médico.