Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Saiba como alimentar a criançada no verão

Saiba como alimentar a criançada no verão

12/03/2008 Divulgação

A praia é um dos destinos mais freqüentados nesta época. É nesse cenário, de acordo com a nutricionista do GANEP, que acontecem mais freqüentemente casos de gastroenterites - inflamações da mucosa estomacal e do intestino.

É uma conseqüência do grande apelo de lanches e petiscos que, boa parte das vezes, não são manipulados corretamente. Estes alimentos, aliás, podem estar sob temperaturas inadequadas, abafados em isopor, sem higiene adequada, oferecendo risco elevado de contaminação.

 

Para a criança que só quer saber de brincar e no meio de tantos jogos e atividades perde até a fome, os pais devem diversificar a alimentação e incentivar o paladar com picolés de frutas, sucos mistos e de cores atrativas, lanche com frios e bolos de cenoura ou laranja.

 

Se o pequeno insistir em não se alimentar, a água de coco é uma ótima sugestão: é rica em fibras e sais minerais, como potássio, sódio, fósforo e cloro, além de carboidratos, vitaminas e proteínas. Ideal para repor o líquido perdido durante as atividades físicas, sendo também uma boa pedida para a recuperação em caso de desidratação.

 

Confira algumas recomendações para a alimentação infantil no verão:

 

Não pode faltar: alta ingestão de água ou sucos naturais - aproximadamente 1,5 litros por dia, dependendo do peso e da idade da criança, além verduras, legumes, pães, arroz e carnes

 

O que evitar: excesso de guloseimas com alto valor calórico e atenção com os alimentos de procedência e higiene duvidosa.



Pandemia aumenta uso de ansiolíticos, antidepressivos e estabilizadores de humor

Medicações têm efeitos danosos, inclusive com risco de morte.

Pandemia aumenta uso de ansiolíticos, antidepressivos e estabilizadores de humor

Por que roncamos ao dormir de barriga para cima?

Entenda como as diferentes posições para dormir interferem no funcionamento do organismo.

Por que roncamos ao dormir de barriga para cima?

Dia Mundial do Alzheimer visa desmistificar o preconceito sobre a doença

"Conhecer demência é conhecer Alzheimer" é tema de campanha em 2021.

Dia Mundial do Alzheimer visa desmistificar o preconceito sobre a doença

Estamos esperando o quê?

Uma pesquisa rápida no Google Trends aponta o que qualquer cidadão do mundo já sabe: o termo mais mencionado e pesquisado no ano passado foi “Coronavírus”.

Estamos esperando o quê?

Proteção da CoronaVac em pessoas com comorbidade é superior a 90%

Pesquisa analisa 5 mil profissionais de educação e da segurança pública da rede estadual lotados em Manaus.

Proteção da CoronaVac em pessoas com comorbidade é superior a 90%

Fisioterapia precoce é essencial no tratamento da artrite idiopática juvenil

Doença é autoimune e pode afetar bebês e crianças pequenas.

Fisioterapia precoce é essencial no tratamento da artrite idiopática juvenil

Atividade física reduz risco de desenvolver glaucoma 

Estudo aponta que declínio do risco pode chegar a 73%.

Atividade física reduz risco de desenvolver glaucoma 

“Agir salva vidas” é tema de campanha Setembro Amarelo 2021

Campanha para reduzir índices de suicídio é uma iniciativa da ABP e do Conselho Federal de Medicina.

“Agir salva vidas” é tema de campanha Setembro Amarelo 2021

Por que terceira dose de vacina contra Covid é importante e necessária

Variantes do vírus fazem com que seja necessário "treinar" o organismo para poder prevenir infecções.

Por que terceira dose de vacina contra Covid é importante e necessária

Tabagismo aumenta chances de casos graves da Covid-19

Relação entre fumo e doença é mais um motivo importante para a decisão de parar de fumar

Tabagismo aumenta chances de casos graves da Covid-19

Dicas de alimentação na TPM, gravidez e menopausa

Toda mulher passa por diferentes fases no ciclo fértil.

Dicas de alimentação na TPM, gravidez e menopausa

Número de mortes por paradas cardíacas aumenta durante a pandemia

Pesquisa mostra que procura por atendimento hospitalar por AVC e ataques cardíacos sofreu redução no período.

Número de mortes por paradas cardíacas aumenta durante a pandemia