Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Seguir dieta vegana não é sinônimo de vida saudável

Seguir dieta vegana não é sinônimo de vida saudável

02/04/2019 Da Redação

Especialista explica que abuso de determinados produtos de origem animal pode ocasionar obesidade e até mesmo diabetes.

Seguir dieta vegana não é sinônimo de vida saudável

O veganismo é um estilo de vida que vem crescendo a passos largos no Brasil. Apesar de não haver uma pesquisa consistente que apresente números sobre os adeptos dessa prática, é notório o aumento no volume de pessoas que buscam os alimentos desse seguimento e ainda as aparições de novos empreendimentos que fabricam tais produtos.

Tudo parte da opção de não consumir alimentos, roupas, produtos de higiene ou qualquer outro item de origem animal. Seja por reações alérgicas, conscientização, novo modo de pensar ou até mesmo pelo seguimento à moda, esse tipo de escolha tem sua representatividade maior quando o assunto é a alimentação.

O fato de consumir alimentos vegetais e substituir carnes, leite e outros produtos derivados de animais por produtos à base de vegetal desperta atenção crítica de quem ainda não aderiu a causa. E essa dieta formatada apenas por leguminosas e afins causa a impressão de que a vida pode ficar mais saudável, porém não é bem assim.

Especialistas alertam para que esse tipo de dieta tem suas armadilhas. "Se um grupo de alimentos é retirado da rotina, como no caso do veganismo que descarta alimentos de origem animal, cria-se no organismo um déficit de nutrientes que são abundantes nesses alimentos descartados. Isso sem falar que a comida de origem vegetal ainda pode causar a obesidade”, explica Henrique Eloy, médico especialista em cirurgia e endoscopia bariátrica e gastroenterologia.

Dr. Henrique esclarece ainda, que em outros casos, os veganos acabam optando por substituir a carne por alimentos com altas taxas calóricas sem sequer saber. “Não adianta de nada se a pessoa retirar a carne, o leite e o ovo da dieta, que são alimentos muito importantes, para colocar frituras no lugar. Isso é um grave problema. Porque além do organismo perder fontes de nutrientes importantes como a vitamina B-12, vitamina D, cálcio, ferro, ômega-3, por exemplo, ele ainda aumenta a LDL que é a gordura que causa o colesterol e ainda proporciona a obesidade”.

Isso sem mencionar as massas, outro favorito no cardápio vegano. “Massas são um aliado da obesidade. Isso porque esses alimentos são ricos em carboidratos e têm um valor calórico e energético muito alto. Sem mencionar a concentração do açúcar que pode ser liberada no sangue e causar até mesmo a diabetes. E não é só do macarrão que estamos falando. Esse risco vem da pizza, bolos e até do pãozinho fresquinho das padarias”, acrescenta o médico.

Contudo, o segredo para ter uma vida saudável a partir do veganismo é compreender melhor os alimentos ingeridos e antenar para a tabela nutricional. “Atenção e informação! São essas as minhas dicas para levar a dieta vegana da melhor forma possível.

Aliás, não só para a dieta vegana. Qualquer que seja a restrição a qual o paciente for submetido é importante avaliar bem e compreender o que está comendo e o que veio a deixar de comer. Por isso é importante que as dietas sejam acompanhadas por um profissional, para que as pessoas tenham melhor conhecimento do que é de fato saudável para suas vidas”, conclui Dr. Henrique Eloy.

Fonte: Naves Coelho Comunicação



Casos de malária no Brasil têm queda de 38% em 2019

Nesta quinta-feira, 25 de abril, é celebrado o Dia Mundial da Malária

Casos de malária no Brasil têm queda de 38% em 2019

OMS inicia primeiro teste em grande escala de vacina contra malária

Programa piloto para imunizar crianças começa no Malawi.

OMS inicia primeiro teste em grande escala de vacina contra malária

Médicos e pacientes: sempre na berlinda

Dia após dia, surgem novas notícias em termos da falta de assistência à população.


A importância de tratar e controlar a hipertensão

Reeducação alimentar e a prática de exercícios físicos pode tratar e controlar a hipertensão

A importância de tratar e controlar a hipertensão

Cinco dicas para usar salto alto e evitar problemas nos pés

Cristina Lopes, especialista da Doctor Feet, ensina como não prejudicar os pés ao usar sapatos com salto no dia a dia.

Cinco dicas para usar salto alto e evitar problemas nos pés

Ministério da Saúde abre segunda fase da vacinação contra gripe

Este ano, até 13 de abril, foram registrados 369 casos de influenza em todo o país, com 67 óbitos

Ministério da Saúde abre segunda fase da vacinação contra gripe

Alimentação como meio de tratamento da hipertensão

Os costumes alimentares possuem uma grande influência no desenvolvimento da doença.


Banho de ofurô é benéfico para adultos

Um banho estimulante de saúde e prazer


Casos de sarampo têm aumento de 300% no mundo, diz OMS

O sarampo é quase totalmente evitável por meio de duas doses de uma vacina

Casos de sarampo têm aumento de 300% no mundo, diz OMS

Fiocruz desenvolve teste para diagnosticar zika em 20 minutos

Método desenvolvido em Pernambuco é 40 vezes mais barato que o convencional.

Fiocruz desenvolve teste para diagnosticar zika em 20 minutos

Estilo de vida responde por 63 mil mortes de câncer por ano no Brasil

Perguntas e respostas sobre infecção urinária no homem

Doença pode ser transmitida por relação sexual sem proteção e pela invasão de germes via canal da uretra.

Perguntas e respostas sobre infecção urinária no homem