Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Primeiro satélite brasileiro inicia operações

Primeiro satélite brasileiro inicia operações

06/07/2017 Da Redação

Satélite Geoestacionário fica sob responsabilidade da Força Aérea Brasileira (FAB).

Primeiro satélite brasileiro inicia operações

O Comando de Operações Aeroespaciais (Comae), em Brasília (DF), deu início nesta quarta-feira (5/07) às operações do Satélite Geoestacionário de Defesa e Comunicações Estratégicas (SGCD).

A partir de agora, a operação e o monitoramento do satélite estão sob responsabilidade da Força Aérea Brasileira (FAB), que vai trabalhar em conjunto com o Exército e a Marinha. O início das operações foram classificados pela FAB como “um dia histórico para o campo da Defesa do país”.

O equipamento, colocado em órbita em maio de 2017 ao custo de R$ 2,8 bilhões, permitirá a segurança das comunicações do governo e das Forças Armadas e, a curto prazo, a ampliação da oferta do serviço de banda larga aos mais distantes rincões do país.

A ação, segundo a FAB, marcou o primeiro enlace da Operação Ostium – feito nas regiões Norte e Centro-Oeste e que irá reforçar a vigilância no espaço aéreo sobre a região de fronteira do Brasil com a Bolívia e o Paraguai. O evento de inauguração das transmissões do satélite, por videoconferência, foi feito em Vilhena (RO) e no centro de comando do SGDC, em Brasília, pelo ministro da Defesa, Raul Jungmann, pelo comandante da Aeronáutica, brigadeiro do ar Nivaldo Luiz Rossato, pelo comandante do Comae, brigadeiro Gerson Nogueira Machado de Oliveira, entre outras autoridades.

Lançado no dia 4 de maio, a partir do Centro Espacial de Kourou, na Guiana Francesa, o satélite passou por uma fase de ajustes e testes orbitais sob a coordenação de militares da Marinha, do Exército e da Aeronáutica e de engenheiros da fabricante do SGDC, a empresa francesa Thales Alenia Space.

“Os testes foram muito bem realizados e avaliados. Concluído o período de testes, com o satélite em plenas condições de uso, no dia 30 de junho, o SGDC recebeu a carga útil da Banda X, que vai garantir mais segurança nas comunicações militares e ampliar a capacidade operacional da Forças Armadas”, disse o vice-chefe do Centro de Operações Espaciais, coronel Sidney César Coelgo Alves.

O chefe do Estado-Maior Conjunto, brigadeiro Ricardo Cesar Mangrich, disse que a FAB assumir o controle do satélite é um orgulho para a Força Aérea. “Agora, efetivamente estamos operando no espaço. Então, com o satélite sob nosso controle, tanto a operação da carga útil como a operação do próprio satélite. Realmente demos um passo adiante. Saímos da era do ar e fomos para a era do espaço a partir da operação do SGDC”.

Fonte: Agência Brasil 



Drones podem ter tecnologia para evitar colisões

Drones vão ganhar tecnologia anti-colisão com outras aeronaves, como aviões e helicópteros

Drones podem ter tecnologia para evitar colisões

Google suspende parte de acesso da Huawei ao Android

Novos smartphones da Huawei não terão mais acesso a serviços como Gmail e YouTube

Google suspende parte de acesso da Huawei ao Android

Brasil desenvolve capacete dobrável que cabe na bolsa

“Não existe nada igual no mundo. Desenvolvemos um acessório que protege e é do tamanho de um leque. Além disso, já estamos negociando com clientes dos EUA e França”.

Brasil desenvolve capacete dobrável que cabe na bolsa

O mercado de pagamentos está à beira de uma revolução

Biometria é usada registrar bebês em maternidade

Dados de recém-nascidos são coletados e vinculados aos da mãe

Biometria é usada registrar bebês em maternidade

Plástico feito de pena de galinha?

Sim, existe e é a proposta de um centro de inovações na Suíça.

Plástico feito de pena de galinha?

Número de aeronaves categoria experimental cresce quase 70% em dez anos

Engenheiro aeronáutico aponta cuidados com uso desses equipamentos.

Número de aeronaves categoria experimental cresce quase 70% em dez anos

Veja como é feita uma travessia de uma linha de transmissão

A linha interliga a Usina de Belo Monte até o Rio de Janeiro, uma linha de 800 kV em corrente contínua.

Veja como é feita uma travessia de uma linha de transmissão

Seis tendências tecnológicas que merecem atenção

A ciência nunca fica parada. Nos últimos anos, assistimos ao progresso da tecnologia rumo ao que existe de mais avançado em termos de ferramentas, sistemas e inteligência.

Seis tendências tecnológicas que merecem atenção

Tecnologia 4G chega a mais de 95% dos brasileiros

No primeiro trimestre, 6 milhões de chips foram ativados no país

Tecnologia 4G chega a mais de 95% dos brasileiros

Uma nova corrida para a Lua?

Meio século após primeiro pouso lunar, nova disputa pelo satélite terrestre parece estar em andamento.

Uma nova corrida para a Lua?

Análise de linguagem com Big Data

Análise semântica auxilia tomada de decisões das empresas.