Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Veja como ficaram as 10 marcas de caminhões em 2017

Veja como ficaram as 10 marcas de caminhões em 2017

18/12/2018 Marcos Villela (Transporte Mundial)

Depois de três anos seguidos de quedas, 2017 marca a virada dos números negativos para positivos, graças a recuperação do segundo semestre.

Veja como ficaram as 10 marcas de caminhões em 2017

Segundo dados de emplacamentos do Denatran divulgados pela Fenatran, o mercado cresceu 3,53%, com o emplacamento de 52.069 caminhões contra 50.292 em 2016. Veja abaixo também como ficaram as 10 marcas no ranking de emplacamentos.

Mesmo com o tímido crescimento, os números de vendas de caminhões em 2017 são similares ao de mais de uma década atrás e abaixo dos necessários para manutenção da frota. Isso significa que a idade média da frota cresceu nesses últimos três anos.

As vendas foram realizadas mais no último trimestre de 2017, com crescimento de 47%. No primeiro semestre, o mercado ainda apresenta significativa queda de 28%.

Do 1° ao 10°

Na liderança das vendas, confirmou-se a Mercedes-Benz com 15.126 entregas (29,05%), seguida da MAN Latin America com as marcas MAN e Volkswagen com 14.213 unidades (27,3%). Em terceiro lugar ficou a Ford Caminhões (7.804 caminhões e 15% de participação).

Na briga entre as suecas, a Volvo ficou com o quarto lugar do mercado com 5.953 caminhões entregues (11,43%), seguida de perto pela Scania com 5.751 unidades vendidas (11,04%).

O restante das vendas segue com a Iveco em sexto, com 1.951 caminhões (3,75%), DAF (2,01%), Agrale (0,22%), International Caminhões (0,07%) e Foton (0,06%).

Vale esclarecer que a International Caminhões encerrou sua produção de caminhões no final de 2016, mas mantém sua atividade de vendas do estoque restante e de assistência técnica aos clientes.

A expectativa de crescimento para 2018 é de 30%, portanto, ainda abaixo dos 70.000 caminhões considerado um mínimo necessário para manter a idade média da frota.

* Marcos Villela - Editor da revista e site Transporte Mundial desde fevereiro de 2002.

Fonte: Transporte Mundial



Campus Party deve reunir 70 mil pessoas em Brasília

Serão mais de 350 horas de programação em cinco dias de duração

Campus Party deve reunir 70 mil pessoas em Brasília

O futuro dos meios de pagamento por aproximação

Imagine pagar o metrô, mercado, cinema e restaurante com o mesmo cartão, sem levar nem um segundo sequer para fechar cada uma dessas transações.

O futuro dos meios de pagamento por aproximação

Brasileiros vencem torneio internacional de robótica no Uruguai

Os estudantes brasileiros que participaram do torneio têm entre 9 e 16 anos

Brasileiros vencem torneio internacional de robótica no Uruguai

Indústria 4.0 impulsiona mercado de trabalho para engenheiros

Até 2020, 72% das empresas brasileiras terão alto nível de automação e os engenheiros serão necessários em áreas como inteligência artificial, eletrônica embarcada e gerência de processos.

Indústria 4.0 impulsiona mercado de trabalho para engenheiros

Sensor detecta monóxido de carbono e pode evitar casos de intoxicação

Na Argentina, são registradas 250 mortes e 2 mil casos de intoxicação pelo gás tóxico todos os anos.

Sensor detecta monóxido de carbono e pode evitar casos de intoxicação

Semáforo inteligente prevê quando alguém quer atravessar a rua

Semáforo calcula quanto tempo o farol deve ficar fechado de acordo com o número de pessoas

Semáforo inteligente prevê quando alguém quer atravessar a rua

Drones podem ter tecnologia para evitar colisões

Drones vão ganhar tecnologia anti-colisão com outras aeronaves, como aviões e helicópteros

Drones podem ter tecnologia para evitar colisões

Google suspende parte de acesso da Huawei ao Android

Novos smartphones da Huawei não terão mais acesso a serviços como Gmail e YouTube

Google suspende parte de acesso da Huawei ao Android

Brasil desenvolve capacete dobrável que cabe na bolsa

“Não existe nada igual no mundo. Desenvolvemos um acessório que protege e é do tamanho de um leque. Além disso, já estamos negociando com clientes dos EUA e França”.

Brasil desenvolve capacete dobrável que cabe na bolsa

O mercado de pagamentos está à beira de uma revolução

Biometria é usada registrar bebês em maternidade

Dados de recém-nascidos são coletados e vinculados aos da mãe

Biometria é usada registrar bebês em maternidade

Plástico feito de pena de galinha?

Sim, existe e é a proposta de um centro de inovações na Suíça.

Plástico feito de pena de galinha?