Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Contran regulamenta curso para mototáxi e motofrete

Contran regulamenta curso para mototáxi e motofrete

12/07/2010 Divulgação

O Conselho Nacional de Trânsito (Contran) publicou a Resolução 350, que regulamenta o curso especializado obrigatório destinado a profissionais que realizam transporte de passageiros (mototaxista) e entrega de mercadorias (motofretista).

A partir de 15 de dezembro os mototaxistas e motofretistas deverão realizar o curso obrigatório de 30 horas-aula para o exercício da atividade. De acordo com a Lei 12.009, para o exercício do mototáxi e do motofrete é necessário que o profissional tenha completado 21 anos, possua habilitação por pelo menos dois anos na categoria “A”, utilize colete de segurança dotado de dispositivos retrorrefletivos e seja aprovado em curso especializado, regulamentado pelo Contran. Segundo a regulamentação do Conselho, o curso será dividido em duas etapas: Curso Teórico que terá carga horária de 25 horas-aula e o curso de Prática de Pilotagem Profissional com duração de 5 horas-aula.  Para realizar o curso, além dos requisitos exigidos pela Lei 12.009, o condutor não poderá estar cumprindo pena de suspensão do direito de dirigir, cassação ou impedido judicialmente de exercer os seus direitos.

Para ser aprovado no curso especializado o condutor deverá ter cem por cento de freqüência e ser aprovado com setenta por cento na avaliação. Em caso de reprovação o condutor terá prazo máximo de 30 dias para realizar nova avaliação. O curso será ministrado pelos Departamentos Estaduais de Trânsito (Detrans) ou por instituições por eles autorizadas e abordarão assuntos relativos à ética e cidadania na atividade profissional, noções de legislação, gestão do risco sobre duas rodas e segurança e saúde. De acordo com a Resolução, serão reconhecidos os cursos específicos, destinados a motofretistas ou mototaxistas, que tenham sido ministrados por órgãos ou entidades do Sistema Nacional de Trânsito, Sistema S ou instituições por eles credenciadas até a entrada em vigor da Resolução 350. O motociclista profissional deverá realizar o curso de reciclagem a cada cinco anos. Esse curso terá carga horária de 10 horas-aula, sendo o módulo teórico de 7 horas-aula e o de prática de pilotagem de 3 horas-aula.



Lei que incentiva combustível sustentável na aviação é publicada

Objetivo é estimular pesquisa e produção de bioquerosene.

Lei que incentiva combustível sustentável na aviação é publicada

Fábrica de motos elétricas dobra número de postos de trabalho em Minas Gerais

A mobilidade elétrica não é mais o futuro das cidades. Ela já é o presente.

Fábrica de motos elétricas dobra número de postos de trabalho em Minas Gerais

Embarcadores apostam no caminhão a gás e Amazon compra 1.064 Iveco S-Way GNC

No Brasil há fabricantes de caminhões que não acreditam no gás como alternativa menos poluente em relação ao diesel.

Embarcadores apostam no caminhão a gás e Amazon compra 1.064 Iveco S-Way GNC

Setor automotivo tenta minimizar danos relacionados à escassez de matéria-prima

A indústria no Brasil está sofrendo com a falta de matérias-primas em diversos setores.

Setor automotivo tenta minimizar danos relacionados à escassez de matéria-prima

Engenheiro lança e-book sobre “Peças do Carro e Economia de Combustível”

Neste e-book, o motorista (iniciante ou não), vai encontrar informações valiosas.


O Programa BR do Mar

A infraestrutura, o transporte e a logística são imprescindíveis para o desenvolvimento de qualquer país e seu comércio exterior.

O Programa BR do Mar

Venda de veículos novos cai 17% em outubro, informa Fenabrave

Estoques estão baixos, e espera por alguns modelos pode demorar.

Venda de veículos novos cai 17% em outubro, informa Fenabrave

Derrapada irresponsável do Senado no marco das ferrovias

Foi um duro golpe para quem defende o resgate do sistema ferroviário nacional.

Derrapada irresponsável do Senado no marco das ferrovias

Infraestrutura de transporte pode receber R$23,5 bi de investimentos

Com o investimento privado, será possível reduzir em até 35% o valor do pedágio.

Infraestrutura de transporte pode receber R$23,5 bi de investimentos

Cinco mil quilômetros de ferrovias que dependem do Senado

A ferrovia foi grande indutora do desenvolvimento brasileiro que, na primeira metade do século passado, se deu nas regiões mais próximas ao litoral.

Cinco mil quilômetros de ferrovias que dependem do Senado

Infraero entrega Aeroporto de Uberlândia modernizado

Foram investidos R$ 29,75 milhões, com recursos oriundos do Fundo Nacional de Aviação Civil (Fnac).

Infraero entrega Aeroporto de Uberlândia modernizado

Mais competitividade para a aviação

No momento da retomada, ANP amplia escopo do querosene de aviação no país; para especialista, medida era um pleito do setor e trará melhores condições ao mercado.