Portal O Debate
Grupo WhatsApp


Governo arrecada 2,4 bilhões de reais em leilão de aeroportos

Governo arrecada 2,4 bilhões de reais em leilão de aeroportos

16/03/2019 Deutsche Welle

Privatização de 12 terminais tem ágio médio de quase 1.000% ao somar valores que ficam 2,158 bilhões de reais acima do lance mínimo estipulado no edital.

Governo arrecada 2,4 bilhões de reais em leilão de aeroportos

Foto: Aeroporto de Vitória (ES)

O governo arrecadou 2,377 bilhões de reais no leilão para a privatização de 12 aeroportos nesta sexta-feira (15/03). Com um valor 2,158 bilhões de reais acima do mínimo estipulado no edital, o ágio médio (diferença entre o mínimo e a soma dos lances vitoriosos) foi de 986%.

Com uma movimentação anual total de 19,6 milhões de passageiros, os 12 aeroportos foram leiloadas em três blocos: Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. Os vencedores irão administrar os terminais pelos próximos 30 anos.

O bloco Nordeste, que inclui os terminais de Recife, Maceió, João Pessoa, Aracaju, Juazeiro do Norte e Campina Grande, foi o mais disputado. A gestora espanhola de aeroportos Aena levou a concessão ao se impor sobre o grupo suíço Zurich Airport depois de uma intensa disputa.

A Aena teve que aumentar sua oferta na última hora depois que a empresa suíça subiu o preço na reta final. A espanhola ofereceu 1,9 bilhão de reais pelo bloco, um valor 1.010% superior à outorga mínima do leilão, que era de 171 milhões de reais.

Além desse montante, está previsto que a Aena faça investimentos de 2,153 bilhões de reais para a modernização e melhorias nos seis terminais, sendo 788 milhões de reais nos cinco primeiros anos dos 30 anos de contrato.

O bloco Centro-Oeste, que engloba os terminais de Cuiabá, Sinop, Rondonópolis e Alta Floresta, ficou com o consórcio Aeroeste, formado pela empresa Socicam, que administra a rodoviária do Tietê, em São Paulo, e pela Sociedade Nacional de Apoio Rodoviário e Turístico (Sinart). A oferta vencedora foi de 40 milhões de reais, com ágio de 4.739% sobre o valor mínimo de 800 mil reais. O investimento previsto é de 771 milhões de reais.

Já a Zurich Airport levou o bloco Sudeste, que compreende os terminais de Vitória e Macaé. O grupo ofereceu 437 milhões de reais, com ágio de 830% em relação ao lance mínimo de 46,9 milhões de reais. O investimento previsto é de 592 milhões de reais.

Pelas regras do edital, os grupos deverão fazer melhorias nos locais e, além da outorga mínima depositada na assinatura, terão que repassar uma outorga variada ao longo da concessão, que dependerá da receita bruta da concessionária. Esse pagamento, porém, começará após cinco anos. Com a outorga variada, o governo compartilha o risco de perdas que as concessionárias podem ter dependendo da economia.

Este foi o quinto leilão de privatização de aeroportos do país e o primeiro do governo do presidente Jair Bolsonaro. "É uma grande demonstração de confiança no país", afirmou o ministro da Infraestrutura, Tarcísio Freitas, no fim da disputa.

Com os 12 aeroportos leiloados nesta sexta-feira, sobe para 22 o número de terminais privatizados. O governo pretende conceder à iniciativa privada todos os aeroportos do país até 2022.



Coronavírus força frotistas e autônomos a utilizarem mais as ferramentas digitais

Uma parceria entre a SOS Truck e a Raster deram uma resposta rápida.

Coronavírus força frotistas e autônomos a utilizarem mais as ferramentas digitais

A mobilidade urbana no Brasil pós-pandemia

Ainda é difícil prever quando a sociedade vai retornar ao estado de normalidade pré-pandemia de Covid-19.

A mobilidade urbana no Brasil pós-pandemia

A mobilidade urbana no Brasil pós-pandemia

Talvez haja maior adesão aos meios individuais de transporte em detrimento de modais coletivos.

A mobilidade urbana no Brasil pós-pandemia

Rodovia MG-105 terá obras de melhoria viária

Codemge e DER firmam convênio para obras na MG-105 e adequação de pontes em Minas Gerais.

Rodovia MG-105 terá obras de melhoria viária

Brasil está entre os países com o transporte público mais caro do mundo

Brasil ocupa a 55ª posição do ranking do passe mais caro do mundo.

Brasil está entre os países com o transporte público mais caro do mundo

Logística urbana ganha força com a pandemia

A logística vem passando por grandes transformações e novos termos e metodologias vão sendo incorporados a esta área.

Logística urbana ganha força com a pandemia

Cinco motocicletas que mudaram a história da Harley-Davidson

Após 117 anos, conheça alguns modelos que deixaram sua marca na história da fabricante norte-americana.

Cinco motocicletas que mudaram a história da Harley-Davidson

Exército assumirá obra de trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste

Obras serão realizadas no trecho entre Bom Jesus da Lapa e São Desidério na Bahia.

Exército assumirá obra de trecho da Ferrovia de Integração Oeste-Leste

Justiça determina retirada de pontos de CNH

Motorista alegou que perdeu pontos indevidamente.

Justiça determina retirada de pontos de CNH

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte é eleito o melhor do país

Em Pesquisa Nacional de Satisfação de Passageiros, referente ao primeiro trimestre deste ano, aeroporto ficou em posição de destaque.

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte é eleito o melhor do país

A inovação da logística 4.0

Queremos crescer, mas da maneira certa.

A inovação da logística 4.0

Aeroporto de Brasília instala equipamento que mede temperatura

Aeroporto Presidente Juscelino Kubitschek é o primeiro no Brasil a ter a solução para detectar a temperatura e a utilização de máscaras dos passageiros.

Aeroporto de Brasília instala equipamento que mede temperatura