Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Tecnologia de competição marca F430

Tecnologia de competição marca F430

27/09/2005 Divulgação

Com o novo Ferrari F430, foi iniciada uma nova geração de modelos de 8 cilindros da Ferrari.

A grande semelhança estética com os modelos F360 – Modena, Spider, Challenge, GTC e Challenge Stradale – eleva o F430, em princípio, como o substituto natural dessas versões. O F430 foi desenvolvido em estreita colaboração com a gestão esportiva da escuderia Ferrari e um dos seus pontos altos, sem dúvida, é a excelente relação de peso/potência: somente 2,96 kg/cv. Esse é o menor índice entre todos os modelos Ferrari em produção. Isso foi conseguido graças à utilização de muito alumínio na sua construção, aliás, tecnologia que teve início com o modelo F360 Modena.

Duas dessas novidades são propostas pela primeira vez em um carro de rua. Uma delas é o diferencial com controle eletrônico (E-Diff), montado no eixo traseiro, que permite desfrutar a pleno todo o torque do motor otimizando os valores de tração. A outra diz respeito ao comutador localizado no volante (chamado pelos pilotos da equipe de F1 de manettino), para controlar de maneira integrada todo o sistema que governa a dinâmica do carro. Ele permite ao motorista intervir, a qualquer momento, no seu comportamento sem tirar as mãos do volante.

O F430 foi projetado pelo estúdio Pininfarina sob a supervisão de Frank Stephenson, responsável pelo design na Ferrari. Suas linhas lembram muito as versões Modena, apesar das diferenças entre elas. Na sua concepção aerodinâmica foram incorporados técnicas e conceitos importados da Fórmula 1, como o revestimento liso da parte inferior – fundo plano – que melhora a aderência pela obtenção de maior apoio aerodinâmico superior. Na parte traseira se destaca um amplo difusor, cuja função é facilitar a saída do ar que vem em grande velocidade da parte inferior do veículo gerando assim força descendente nas altas velocidades.

O motor é inteiramente novo e, ainda que seja caracterizado pela típica arquitetura dos V8 Ferrari, tem estrutura completamente renovada com relação à versão que equipa o F360 Modena. Mesmo com o aumento da cilindrada em cerca de 20% (de 3.585 cm³ para 4.308 cm³), o peso cresceu somente quatro quilos. Porém, obteve-se 24,7% a mais de torque (38 kgfm para 47,4 kgfm) e quase 23% a mais de potência (de 400 cv para 490 cv).

Também é completamente novo o cabeçote de quatro válvulas por cilindro, seguindo a última tendência de motores de alta potência específica, com condutos e diâmetros de válvulas derivados dos propulsores da Fórmula 1. Virabrequim, bielas e pistões também foram inteiramente redesenhados.

Uma das novidades do novo F430, diretamente importada da Fórmula 1, é o diferencial eletrônico que vem acoplado ao eixo traseiro, o mesmo de tração do carro. A outra inovação é o steering wheel mounted switch (manettino), ou seja, um comando situado no volante de direção que controla todas as reações ativas do carro. Ele proporciona cinco alternativas diferentes de condução: Ice (máxima proteção com controle de tração e estabilidade); Baixa aderência (garante a estabilidade na chuva e situações de baixo atrito); Sport (é a condição básica de dirigibilidade do carro, oferecendo o melhor compromisso de estabilidade e prestações); Race (para ser usado exclusivamente em pista, uma das suas funções é reduzir ao máximo o tempo de mudança de marchas); e CST (controle de estabilidade e de tração desligados. A pilotagem do carro está totalmente nas mãos do piloto).

O Ferrari F430 adota sistema de transmissão que prevê câmbio e diferencial eletrônico em um único conjunto. O câmbio pode ser de seis marchas com atuação manual ou eletrohidráulica, do tipo F1. Nesse segundo modo de atuação, os engenheiros da Ferrari conseguiram reduzir o tempo de mudança para 150 milésimos de segundo, o que se supõe ser um novo recorde para carros de produção.

O projeto do chassi do F430 foi desenvolvido na planta Scaglietti, em Modena, com a colaboração da Alcoa – produtora de alumínio. Como resultado dessa experiência obteve-se um chassi extremamente rígido, oferecendo o máximo de segurança para os seus ocupantes, com o mínimo de peso. A resistência do conjunto garante que as suspensões funcionem na absorção das irregularidades do solo sem interferir com a aderência do carro em casos de frenagem, curva ou acelerações bruscas.

Esteticamente a fábrica oferece extensa alternativa de configurações para o F430. O programa prevê que se possa adquirir uma série de equipamentos racing, estilísticos e quase infinitas combinações de personalização. Do ponto de vista cromático são 16 cores de carroceria, 12 cores para o couro da forração interna e 8 cores para a tapeçaria. Além disso, existem quatro diferentes grupos de acabamento que podem sofrer interferência do proprietário: racing e estrada; externo e cores; interno e materiais; e equipamentos e viagens. Para quem decide optar por equipamentos racing, um dos itens que podem ser selecionados é o sistema de freios com discos de carbono e cerâmica, que conseguem ótima eficiência mesmo sob condições extremas de utilização. Ou então decidir-se por bancos envolventes e cintos de segurança de quatro pontos. Com relação à cor, também é possível pedir uma alternativa fora do padrão estipulado e as pinças de freio podem vir pintadas nas cores vermelho, amarelo ou alumínio. Na área Viaggio você pode optar por um sofisticado aparato de som e sistema de navegação via satélite, e dispositivo bluetooth para conectar o telefone celular a um sistema de viva-voz integrado aos alto-falantes do rádio. Também pode optar por um exclusivo jogo de valises que se encaixam perfeitamente no espaço para bagagens.

Em termos de desempenho, apesar de ser equipado com um “mero” motor V8, ele tem performance que se situa entre os míticos modelos F40 – que no início da década de 90 representavam o supra sumo da marca – e o atual top, Ferrari Enzo. Ele vai de 0 aos 100 km/h em escassos 4,0 segundos e ultrapassa a marca dos 315 km/h de velocidade máxima. Todo o aparato eletrônico de controle dinâmico vem apoiado em enormes rodas de 19 polegadas de diâmetro e pneus 225/35 ZR na frente e 285/35 ZR na traseira.



Dia Mundial sem Carro: pandemia reforça uso de transporte sustentável

Andar a pé foi a modalidade que se tornou mais popular no período.

Dia Mundial sem Carro: pandemia reforça uso de transporte sustentável

VWCO será primeira montadora do mundo a usar bateria com nióbio de carga ultrarrápida

Esse ineditismo na indústria automotiva está sendo possível graças a parceria com a CBMM anunciada no dia 16 de setembro.

VWCO será primeira montadora do mundo a usar bateria com nióbio de carga ultrarrápida

Autorização ferroviária beneficia MG com 610 quilômetros de novos trilhos

Projeto ligando os municípios de Presidente Kennedy, no Espírito Santo, aos mineiros Conceição do Mato Dentro e Sete Lagoas tem investimento de R$ 14 bilhões.

Autorização ferroviária beneficia MG com 610 quilômetros de novos trilhos

Velocidade é a principal causa de colisões nas rodovias federais

Levantamento da PRF mostra que, no primeiro semestre de 2021, ocorreram 3.467 ocorrências de colisões no país.

Velocidade é a principal causa de colisões nas rodovias federais

Aeroporto de Uberaba passará a contar com novos voos da Azul 

A partir de novembro, iniciarão as frequências diretas para Campinas e no verão. Haverá voos diretos para Maceió e Porto Seguro.

Aeroporto de Uberaba passará a contar com novos voos da Azul 

Volvo testa rodotrem com FH inédito no Brasil, com dezenas de diferenças ao modelo atual

Pronto para teste em operações reais, a Volvo apresenta um novo conceito de caminhão para o transporte de grãos.

Volvo testa rodotrem com FH inédito no Brasil, com dezenas de diferenças ao modelo atual

Sete recursos para melhorar a qualidade de vida do usuário no transporte público

Da compra de bilhetes a integração de modais de transporte, as inovações tecnológicas assumirão o protagonismo da mobilidade urbana nos próximos anos.

Sete recursos para melhorar a qualidade de vida do usuário no transporte público

Polêmica na estrada

Projeto de Lei impede que aplicativos como o Buser comercializem passagens de ônibus fretado entre municípios do Estado.

Polêmica na estrada

Prêmio Transporte Responsável 2021 abre inscrições

Já estão abertas as inscrições para a 9ª edição do Prêmio Transporte Responsável.


Shell lança aplicativo para abastecimento de frotas

O app Shell Box Empresas é totalmente gratuito para fidelizar clientes no uso da rede de postos Shell.

Shell lança aplicativo para abastecimento de frotas

Transferência de veículos poderá ser feita por aplicativo

Por enquanto, medida está disponível em cinco estados.

Transferência de veículos poderá ser feita por aplicativo

Delta continua a renovação da frota com a adição de 30 Airbus A321neos

A Delta já opera 121 aviões da família A321ceo de maior porte.

Delta continua a renovação da frota com a adição de 30 Airbus A321neos