Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Transportadora tradicional x transportadora digital: quais as diferenças entre elas?

Transportadora tradicional x transportadora digital: quais as diferenças entre elas?

29/03/2021 Jarlon Nogueira

Já faz algum tempo que o setor de logística começou a adotar a tecnologia para otimizar seus processos.

Transportadora tradicional x transportadora digital: quais as diferenças entre elas?

Mas como será que as transportadoras costumam utilizar essas inovações no seu dia a dia? 

Essa reflexão faz pensar nas diferenças entre as transportadoras tradicionais e as digitais. Este artigo tem como objetivos mostrar quais são elas.

1- Uso da tecnologia

Fundamental em um cenário onde é preciso fazer mais com muito menos, o uso da tecnologia difere bastante entre as transportadoras tradicionais e digitais.

Transportadora tradicional: Ainda está aprendendo a utilizar as ferramentas disponibilizadas pela transformação digital. Oferecer tecnologias inovadoras não é o seu forte.

Transportadora digital: É um dos pontos mais importantes desse tipo de empresa. Já nasceu digital e utiliza tecnologias de ponta como um aplicativo, inteligência artificial e big data para oferecer o melhor serviço.

2- Contato

Hoje em dia, os clientes precisam entrar em contato com a transportadora em um piscar de olhos. Eles querem respostas rápidas, querem ser ouvidos - ou lidos - no momento em que precisam tomar uma decisão.

Transportadora tradicional: O contato na maioria das vezes é feito por telefone, e-mail ou até mesmo pessoalmente. Isso pode dificultar o processo - e se o atendimento não está disponível no momento? Ou o e-mail enviado não chega?

Transportadora digital: Por meio de plataformas digitais, como um aplicativo, todo o processo é registrado de forma clara e em tempo real, o que diminui muito a necessidade de um contato. Mas se mesmo assim houver perguntas sem respostas, toda interação será feita através desta plataforma digital, onde nenhuma mensagem é esquecida ou perdida. Isso ajuda a melhorar o fluxo de comunicação e a responder em pouco tempo.

3- Contratação do frete

Os clientes esperam ter melhores experiências ao contratar um frete. Eles desejam obter a melhor cotação e o melhor serviço, sem esforço e agora. Esta é provavelmente a principal diferença entre as transportadoras tradicionais e digitais.

Transportadora tradicional: É necessário entrar em contato, saber se há a possibilidade de realizar o frete (podem não haver caminhões disponíveis na região) e esperar a cotação.

Transportadora digital: O processo é simples, basta solicitar a contratação do frete pela plataforma tecnológica. A negociação é eletrônica e terá um valor menor, já que a empresa trabalha com milhares de motoristas parceiros conectados.

4- Gerenciamento das operações

Centralizar o gerenciamento das informações é importante para garantir a saúde da operação, reduzindo gastos e melhorando a eficiência operacional.

Transportadora tradicional: Nem sempre é possível gerenciar todos os fretes em tempo real, já que eles são contratados separadamente. A empresa até pode oferecer um painel de monitoramento, mas geralmente ele precisa de lançamentos manuais, o que requer tempo e pode gerar erros.

Transportadora digital: Centraliza todos os fretes contratados, mostrando-os em tempo real. Isso ajuda a planejar e gerenciar todas as cargas com mais eficiência. O sistema mostra as informações de cada frete em um só lugar de forma intuitiva e interativa.

5- Rastreamento

É mais do que importante, é fundamental para uma empresa ter o controle sobre cada carga transportada e uma das maneiras de realizar isso é monitorando o andamento do transporte.

Transportadora tradicional: Isso é algo que as tradicionais lutam para fazer. A maioria delas não oferece um sistema de rastreamento, então os clientes não sabem realmente o status dos fretes, a menos que liguem várias vezes para perguntar.

Transportadora digital: Possuem rastreamento via GPS em todos os veículos e sistemas de notificação. Oferecem uma melhor visibilidade para ajudar os clientes a saberem sempre em primeira mão o que acontece com suas cargas.

Deu para perceber o quanto utilizar os serviços de uma transportadora digital pode revolucionar a relação com os fretes. Por apoiar-se em tecnologia e nas melhores práticas, fica mais fácil oferecer uma experiência eficiente. Você já tinha pensado em avaliar esse tipo de fornecedor?

* Jarlon Nogueira, CEO da AgregaLog 

Para mais informações sobre Transformação Digital aqui...

Publique seu texto em nosso site que o Google vai te achar!

Fonte: Conecte Comunicação



Alta dos combustíveis? Conheça outras opções para aliviar o bolso

Apostar nos recursos tecnológicos é também uma alternativa para garantir praticidade durante o trajeto até o destino.

Alta dos combustíveis? Conheça outras opções para aliviar o bolso

Volkswagen antecipa novos NFTs após primeira coleção esgotar em poucas horas

Projeto desenvolvido pela startup brasileira OnePercent vende primeira coleção logo após o lançamento e anuncia novas coleções e funcionalidades.

Volkswagen antecipa novos NFTs após primeira coleção esgotar em poucas horas

Somente metade dos brasileiros usam cinto de segurança no banco de trás do carro

O uso do cinto impede que o passageiro seja arremessado, diz especialista.

Somente metade dos brasileiros usam cinto de segurança no banco de trás do carro

Produção de veículos aumenta 11,4% em março, diz Anfavea

Na comparação com março do ano passado, produção foi 7,8% inferior.

Produção de veículos aumenta 11,4% em março, diz Anfavea

Governo Federal cria programa para renovação de frota de caminhões

Entre os objetivos do programa está a retirada de circulação da frota com mais de 30 anos de fabricação.

Governo Federal cria programa para renovação de frota de caminhões

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte inaugura Passarela Mineira

Espaço de convivência faz parte do projeto de modernização do Terminal de Passageiros 1.

Aeroporto Internacional de Belo Horizonte inaugura Passarela Mineira

Projeto de mobilidade elétrica é lançado em Fernando de Noronha

Serão inseridos 14 carros elétricos e uma rede de eletropostos com 12 pontos de recarga interligados na ilha.

Projeto de mobilidade elétrica é lançado em Fernando de Noronha

Reciclagem de baterias de veículos elétricos pode ser realidade no país em poucos anos

Ação visa o desenvolvimento de processo de reciclagem de células de baterias de íon-lítio dos veículos da BMW.

Reciclagem de baterias de veículos elétricos pode ser realidade no país em poucos anos

Mesmo caminhando a passos lentos, carros elétricos dominarão o transporte público

O setor de mobilidade urbana ainda precisa cumprir algumas tarefas para ser um exemplo de eficiência no Brasil.

Mesmo caminhando a passos lentos, carros elétricos dominarão o transporte público

Mercedes-Benz reduz dependência da Cemig na fábrica de Juiz de Fora (MG)

A área dispõe de placas de energia fotovoltaica capazes de produzir uma potência de 10.000 kwh/mês.

Mercedes-Benz reduz dependência da Cemig na fábrica de Juiz de Fora (MG)

Será que ainda vale a pena ter carro?

Essa é uma pergunta que toda pessoa que quer ou tem um carro se faz, ainda mais nos dias de hoje em que temos facilidades adicionais com os aplicativos.

Será que ainda vale a pena ter carro?

Aeroportos da Infraero são destaques no Programa “Aeroportos Sustentáveis” da Anac 

Programa busca incentivar a adoção de boas práticas de gestão ambiental nos aeroportos do Brasil. 

Aeroportos da Infraero são destaques no Programa “Aeroportos Sustentáveis” da Anac