Portal O Debate
Grupo WhatsApp


São Tomé das Letras limita realização de grandes eventos

São Tomé das Letras limita realização de grandes eventos

05/12/2019 Da Redação

Semana Santa e Carnaval estão proibidos a realização de quaisquer shows e eventos musicais, públicos ou particulares, com cobrança de ingressos.

São Tomé das Letras limita realização de grandes eventos

Com belezas naturais exuberantes, a pequena e mística São Tomé das Letras de 7 mil habitantes, no Sul de Minas, vive às voltas com grandes eventos aumentam ainda mais a superlotação na cidade em períodos de feriado, principalmente feriados prolongados.

Embora o turismo seja um dos grandes parceiros da economia local, levando emprego e renda para a população, grandes eventos tem levado a cidade a atingir o limite de sua capacidade de acolhimento, gerando inúmeros transtornos, como a falta d'água, por exemplo.

Nos últimos tempos, os moradores da cidade veem debatendo, principalmente nas redes sociais, sobre a necessidade do poder público de São Tomé das Letras incentivar o turismo sustentável, com a limitação da realização de grandes eventos. Nesta terça-feira (03/12), o prefeito Tomé Alvarenga sancionou a Lei 1.499/2019 que impõe limitações para a realização de eventos musicais no município de São Tomé das Letras.

Pela lei, nos feriados da Semana Santa e Carnaval fica proibida a realização de quaisquer shows e eventos musicais, públicos ou particulares, com cobrança de ingressos (de forma direta ou indireta). Esta medida não vale para festas familiares, eventos comunitários ou meramente sociais, festas populares típicas e pequenos eventos com finalidades filantrópica ou beneficente realizados no município.

A realização de shows, bailes, festas e eventos musicais em recinto particular devem ter lotação máxima de 1 mil pessoas, com ou sem venda de ingressos. Já durante o período do Réveillon é vedada a realização de shows e eventos musicais particulares com cobrança de ingresso (seja de forma direta ou indireta). Mas o poder público da cidade poderá promover shows e festividades em locais públicos sem cobrança de ingresso, para a comemoração do Ano Novo.

Já nos demais feriados prolongados somente será permitida realização de shows e eventos musicais, públicos ou particulares, que não ultrapassem 9 horas corridas e o número de atrações artísticas de renome nacional ou internacional a se apresentar no evento não poderá ser superior a três. Neste caso, o público não poderá ser superior a 10 mil.

Além disso, a partir de agora fica vedado a realização de mais de um evento pelo mesmo promotor e também a realização de eventos com mais de uma data de apresentações ou atrações. A lei municipal considera atrações de renome nacional ou internacional aquelas cujo cachê na contratação seja superior a R$40 mil.

Fonte: O Corvo Veloz



Vapor Benjamin Guimarães será restaurado

Ministério do Turismo e Secult assinam convênio para recuperação do vapor Benjamin Guimarães.

Vapor Benjamin Guimarães será restaurado

Centro de Inovação de turismo, Wakalua chega ao Brasil

Polo para ajudar startups é lançado em Belo Horizonte

Centro de Inovação de turismo, Wakalua chega ao Brasil

Expedição científica celebra 200 anos de descobrimento da Antártida

Veleiro da Estônia passará por Recife, Rio de Janeiro e Itajaí em Santa Catarina.

Expedição científica celebra 200 anos de descobrimento da Antártida

Prêmio Nacional do Turismo divulga lista prévia de finalistas

A cerimônia do Prêmio Nacional de Turismo será realizada em 4 de dezembro, em Belo Horizonte (MG).

Prêmio Nacional do Turismo divulga lista prévia de finalistas

Curtindo o Natal nos castelos e palácios da Tchéquia

Quando o Natal se aproxima e os primeiros flocos de neve caem, os castelos e palácios tchecos se vestem de gala.

Curtindo o Natal nos castelos e palácios da Tchéquia

Parque Estadual do Ibitipoca ganha trilha sustentável com três novas atrações

População terá acesso às cachoeiras da Pedra Furada e do Encanto e ao Poço do Campari.

Parque Estadual do Ibitipoca ganha trilha sustentável com três novas atrações

Cataratas do Iguaçu celebra 8º ano como uma das sete Maravilhas da Natureza

O Parque recebeu, em 2018, quase 2 milhões de visitantes, no lado brasileiro, e 1,5 milhão, no lado argentino.

Cataratas do Iguaçu celebra 8º ano como uma das sete Maravilhas da Natureza

Parque de Abrolhos é reaberto à visitação turística

Arquipélago de Abrolhos fica localizado a cerca de 65 quilômetros do litoral sul da Bahia.

Parque de Abrolhos é reaberto à visitação turística

Brasil, Peru, Argentina e Chile elaboram protocolo de cooperação de turismo

Os líderes dos quatro países se comprometeram a criar ações integradas para o desenvolvimento do setor.

Brasil, Peru, Argentina e Chile elaboram protocolo de cooperação de turismo

Minas Gerais vai receber R$ 2,6 milhões do Programa Investe Turismo

Iniciativa prevê ações de incentivo aos novos negócios, acesso ao crédito, marketing, inovação e melhoria de serviços voltados ao turismo.

Minas Gerais vai receber R$ 2,6 milhões do Programa Investe Turismo

MTur anuncia crédito de R$ 200 milhões para áreas afetada por óleo

Linha de crédito oferece melhores prazos e condições de pagamento para pequenos empreendimentos.

MTur anuncia crédito de R$ 200 milhões para áreas afetada por óleo

Gastos de brasileiros no exterior sobem para US$ 1,3 bi

Nos nove meses do ano, a conta de viagens, formada pelas despesas e as receitas, fechou com déficit de US$ 8,814 bilhões.

Gastos de brasileiros no exterior sobem para US$ 1,3 bi