Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Viagens longas podem causar trombose

Viagens longas podem causar trombose

03/12/2018 Divulgação

Especialista alerta sobre alguns cuidados importantes, antes de viajar.

Viagens longas podem causar trombose

Com a proximidade das férias, é hora de curtir um bom passeio. As opções são várias, desde viagens nos estados do Brasil como para o exterior. Quem optar por uma viagem longa, de quatro horas ou mais, dentro de um ônibus ou de um avião, tome cuidado com a trombose. A trombose é a formação de um coágulo dentro de uma veia ou artéria, que interrompe a circulação do sangue, provocando inchaço, dor e vermelhidão nos membros inferiores. Embora o distúrbio seja mais comum em mulheres, ele também acomete homens.

De acordo com o médico Angiologista, do Hospital Felício Rocho, Daniel Mendes, pessoas que têm histórico familiar ou que já tiveram trombose devem ter cuidados redobrados antes de viajar. O ideal é que essas pessoas procurem um médico especialista, para que ele passe as orientações e os medicamentos adequados.

É importante também, que o passageiro se movimente pelo menos a cada duas horas. Se possível, levantar da poltrona do ônibus ou do avião e dar uma volta no corredor. Mesmo sentado, ele pode se exercitar: basta movimentar os pés em movimentos circulares ou para cima e para baixo diversas vezes.

Como a trombose não acontece só durante as viagens, a melhor maneira de evitar a doença, é praticar atividades físicas, pois o exercício intensifica a circulação. Quem já tiver a circulação comprometida, precisa redobrar os cuidados. “Pessoas obesas, grávidas e mulheres que tomam pílula anticoncepcional, principalmente as que fumam, também estão no grupo de risco”, alerta o Dr. Daniel Mendes. 



Dubai oferece visto de trabalho e bolsas para brasileiros

Emirados Árabes Unidos abre programa de estudo e trabalho.

Dubai oferece visto de trabalho e bolsas para brasileiros

Prefeitura de Olinda cancela tradicional carnaval em 2022

Motivo do cancelamento foi o aumento do número de casos de covid-19.

Prefeitura de Olinda cancela tradicional carnaval em 2022

Hotéis do Rio de Janeiro tiveram 96% de ocupação na noite do réveillon

Projetos para concessão dos parques de Ibitipoca e Itacolomi entram em fase de consulta pública

Até o dia 14 de fevereiro, a população terá a chance de contribuir pela internet ou via audiências públicas presenciais e virtuais.

Projetos para concessão dos parques de Ibitipoca e Itacolomi entram em fase de consulta pública

Prado: imperdível neste verão

Quem escolher Prado como destino para as férias de verão tem muitas opções de passeios.

Prado: imperdível neste verão

Aeroportos da Infraero devem movimentar 3 milhões de passageiros

Aumento é 44% maior em relação ao final do ano passado.

Aeroportos da Infraero devem movimentar 3 milhões de passageiros

Cidades Históricas de Minas decidem pela não realização do carnaval 2022

Associação das Cidades Históricas de Minas Gerais é composta por 30 municípios.

Cidades Históricas de Minas decidem pela não realização do carnaval 2022

Vila turística de Pomerode é selecionada pela ONU entre as melhores do mundo

Entre os 41 destinos selecionados, o roteiro catarinense é o único representante do Brasil.

Vila turística de Pomerode é selecionada pela ONU entre as melhores do mundo

Lagoa Vermelha (RS) ganha título de Capital Nacional do Churrasco

A cidade já era conhecida como a Capital Gaúcha do Churrasco.

Lagoa Vermelha (RS) ganha título de Capital Nacional do Churrasco

Turismo nacional deve encerrar o ano com crescimento de 16%

A estimativa de faturamento é de R$ 130 bilhões, diz FecomercioSP.

Turismo nacional deve encerrar o ano com crescimento de 16%

Monumento Natural Gruta Rei do Mato recebe Selo Social do WWF-Brasil

Chancela reconhece iniciativas com impacto ambiental positivo na sociedade.

Monumento Natural Gruta Rei do Mato recebe Selo Social do WWF-Brasil

Viagens de negócios dificilmente voltarão ao patamar pré-Covid

Pesquisa inédita aponta que viagens de negócios perderam U$ 35 bilhões com a pandemia.

Viagens de negócios dificilmente voltarão ao patamar pré-Covid