Portal O Debate
Grupo WhatsApp

Taxa mundial de smartphones deve crescer mais de 50% até 2021

Taxa mundial de smartphones deve crescer mais de 50% até 2021

03/06/2020 Divulgação

No Brasil, 60% da população possui um celular ativo e moderno.

Taxa mundial de smartphones deve crescer mais de 50% até 2021

Aparelhos móveis na mão e dedos que teclam com agilidade e rapidez: os smartphones estão dominando cada vez mais a área de eletrônicos. Tendo em mente que o número destes dispositivos só aumenta no mundo, o Cuponation, plataforma de descontos online, compilou e analisou dados sobre pesquisas internacionais referentes ao número dos eletrônicos e a taxa de penetração destes no Brasil e no Mundo.

Uma pesquisa realizada na última década pela plataforma online Statista levantou a estimativa do número de usuários de smartphones mundo afora, e divulgou que até o final deste ano haverá cerca de 3,5 bilhões de indivíduos com pelo menos um telefone móvel.

Feito em 2016, esse levantamento avaliou e calculou o número de usuários de celulares pelo mundo daquele período até o ano de 2021, registrando que no ano da pesquisa havia por volta de 2,5 bilhões de aparelhos, enquanto a estimativa para a conclusão do ano que vem é de 3,8 milhões de smartphones.

Ao estudar estes dados, o Cuponation constatou que houve um aumento de 40% de aparelhos eletrônicos para cada pessoa em todo o mundo entre 2016 e 2020, e de pouco mais de 9% relacionado com a estimativa de 2019. Comparando a temporada de início com a de finalização de estimativas da pesquisa, nossa plataforma apresenta que haverá um crescimento de mais de 50% de smartphones até dezembro de 2021.

Explorando uma segunda análise do Statista sobre a taxa de penetração mundial de smartphones dos últimos dois anos, foi registrado que o Brasil ocupa a 23º posição do ranking, em que apenas 60% da população possui um celular ativo e moderno, 23% das pessoas porta um telefone móvel e 17% não dispõe de qualquer tipo de aparelho, móvel ou não. 

Dentre as 32 nações participantes do levantamento em questão, o país que aparece na primeira posição da lista com maior penetração de celulares ativos é a Coreia do Sul, com a taxa totalizada em 95%. Em contrapartida, apesar de ser considerado o segundo país mais populoso do mundo, a Índia se posiciona em último lugar com a menor taxa de penetração dos smartphones, resumida em apenas 24% da população.

Link da pesquisa completa: https://www.cuponation.com.br/insights/smartphones-2020

Fonte: Comunique-se



App brasileiro de mensagens instantâneas chega ao mercado com novas funcionalidades

Entre os diferenciais, SayMe Messenger permite escolher quem pode ou não compartilhar mensagens.

App brasileiro de mensagens instantâneas chega ao mercado com novas funcionalidades

Facebook renova feed principal para atrair usuários mais jovens

Concorrência com rival TikTok motivou mudança.

Facebook renova feed principal para atrair usuários mais jovens

Brasil tem 10,5 milhões de influenciadores no Instagram e lidera ranking mundial

Dados são do Relatório Anual de Marketing da Nielsen.

Brasil tem 10,5 milhões de influenciadores no Instagram e lidera ranking mundial

Startup lança software que facilita a implementação da LGPD

Com o nome de Octo, ferramenta descomplica a proteção de dados para empresas de todos os segmentos.

Startup lança software que facilita a implementação da LGPD

Aplicativo mobile é a principal porta de entrada para empresas no ambiente digital

Companhias que estão estagnadas em procedimentos de comunicação tradicionais devem apostar na tecnologia em busca de inovação e proximidade com clientes.

Aplicativo mobile é a principal porta de entrada para empresas no ambiente digital

Google lança novo design para o Gmail

Novo layout do Gmail será disponibilizado de maneira gradual.

Google lança novo design para o Gmail

Xsolla expande ofertas de soluções de distribuição móvel e digital

A Xsolla está comprometida em fornecer os melhores serviços e suporte para desenvolvedores em todo o mundo.

Xsolla expande ofertas de soluções de distribuição móvel e digital

No-code e low-code como propulsores na transformação digital

O low-code está em alta e deve permanecer.

No-code e low-code como propulsores na transformação digital

Em 2021, 82% dos domicílios brasileiros tinham acesso à internet

País ainda contabiliza 35,5 milhões de pessoas sem acesso à rede.

Em 2021, 82% dos domicílios brasileiros tinham acesso à internet

Indústria de games sofrerá 40% de alta de ataques hackers ainda este ano

A previsão é que o aumento no Brasil aconteça até dezembro.

Indústria de games sofrerá 40% de alta de ataques hackers ainda este ano

Chegou a hora do adeus aos “brokers do WhatsApp”?

Estamos diante de um momento que pode ser crucial para a definição dos caminhos da comunicação entre empresas e consumidores.

Chegou a hora do adeus aos “brokers do WhatsApp”?

Low-code: força motriz para agilizar negócios

O low-code pode ser definido como uma plataforma de desenvolvimento de código mínimo.

Low-code: força motriz para agilizar negócios